Home Clipping KC-390 voa em São José dos Campos pela primeira vez

KC-390 voa em São José dos Campos pela primeira vez

7706
37

KC-390 em voo

São José dos Campos

O cargueiro KC-390, produzido pela Embraer, sobrevoou ontem São José dos Campos e aterrissou na pista do aeroporto da cidade. Esta foi a primeira vez que o modelo, que está sendo fabricado em Gavião Peixoto (SP), esteve na RMVale. De acordo com a Embraer, os voos de teste do protótipo estão sendo realizados desde outubro último.

O jato de transporte militar tem mais de 100 horas de voo e os ensaios estão previstos para durar entre 18 e 24 meses. Essa é a maior aeronave produzida no Brasil, de acordo com a Embraer.

Atração no ar. Para iniciar a produção do modelo em série, a Embraer espera receber a certificação do jato KC-390 até o final de 2017. As primeiras entregas da aeronave estão previstas para o primeiro semestre de 2018. O voo sobre São José dos Campos ontem à tarde despertou a curiosidade de trabalhadores da Embraer e moradores de São José.

Perfil. O avião cargueiro é capaz de transportar até 26 toneladas a uma velocidade de 470 nós (870 km/h), com capacidade de operar em pistas austeras, inclusive não pavimentadas, ou danificadas.

Diferentes tipos de cargas podem ser transportados pelo KC-390, como pallets, veículos, helicópteros e tropas de até 80 soldados equipados. A Embraer e o Comando da Aeronáutica assinaram contrato para produção seriada de 28 aeronaves. Além da encomenda da FAB (Força Aérea Brasileira), existem intenções de compra outros países, totalizando 32 aeronaves.

FONTEwww.ovale.com.br

37
Deixe um comentário

avatar
36 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
22 Comment authors
Mikesergio r. ferreiraJeffsergio r ferreiraAlexandre Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
leandro moreira
Visitante

Mais uma exelente noticia, e pensar que tem gente “gorando” a compra do KC390 pra poder falar mal…mas o g________ ja comprou e o aviao vai ser entregue.

dieter91360
Visitante
dieter91360

Off topic, mas de interesse…

MPF reabre investigação sobre compra de caças
http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/mpf-reabre-investigacao-sobre-compra-de-cacas/

Ederson Joner
Visitante

Show de bola, quero dizer, show de engenharia e capacidade!
Cem horas de voo e nada de divulgação!
Neste voo a aeronave passou dos 600km/h, quer dizer que o trem de pouso esta sendo recolhido, isso é bom, mas podiam divulgar mais.
Mas, é uma ótima noticia, este projeto promete bastante, tem muita gente grande de olho nos resultados….

Viasa
Visitante
Viasa

Quem acompanha o PT-ZNF no FR24 já tem percebido que os voos são diários sobre a região de Gavião Peixoto. Isso quer dizer que a etapa de desenvolvimento está praticamente encerrada.Esses voos são baixos e lentos (6000 pés, 200 nós), mas no traslado entre lá e SJK deve ter superado essas marcas. Sobre investigação, ela acontece diariamente em tudo que é gasto com dinheiro público desde a publicação da Lei de Responsabilidade Fiscal. O que ocorre é que a imprensa, que vive de vender notícia, pega uma coisa corriqueira e exagera. É um privilégio de quem não precisa prestar contas,… Read more »

Felipe Rodrigues
Visitante

Sobre o off topic,
Peço a Deus pra não dar zica nos caças, pois na gestão PT, tudo teve pixuleco por fora, se descobrirem

Jr
Visitante
Jr

Alguém saberia dizer se a comitiva dos Emirados Árabes Unidos deu uma olhadinha nele e se deu gostou do que viu? Tão dizendo por ai que eles se interessaram pelos radares da Bradar e o avião da Novaer. Acho que teremos boas notícias ainda esse ano sobre isso. Tomara……

Jose Souza
Visitante

gosto desse avião…

Hélio de araujo
Visitante
Hélio de araujo

Lindo!parrudo!a Embraer acertou em cheio!Que noticia!vai ser um sucesso!nao tenho a menor duvida!parabéns.

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

Cumprindo etapas. Veremos se serão todas as células ou somente duas.
Nestes próximos três anos, creio que serão as duas protótipos.

Nonato
Visitante
Nonato

Não pode parar de desenvolver. Tempo é dinheiro. Se o governo não bancar a Embraer que o faça.
Caça em operação é dinheiro em caixa.
Excelente produto com tudo para ser um sucesso.
Desenvolvimento ja foi feito. Saiu do papel foi fabricado, voa.
Agora é testar e testar.
É um avião convencional.
Não é um f-35…

Nonato
Visitante
Nonato

A Embraer para não correr riscos costuma não inovar muito.
É uma espécie de Toyota dos ares.
As turbinas são antigas. Muito confiáveis. Fáceis de encontrar.
Avionicos so de fornecedores top.
A não ser que cometem erros grotescos o desenvolvimento deve ser tranquilo.

Ederson Joner
Visitante

A Embraer precisa cumprir todas estas etapas iniciais de testes, para que consiga autorização para levar “voando” o KC 390 para os eventos do setor, será uma novidade que vai chamar muito a atenção nas feiras de aviação mundo a fora…..
Mas primeiro, mais um ano de ensaios pelo menos.

paulo henrique
Visitante
paulo henrique

ele passo por pirassununga tambem, sobre a base aerea da academia da forca aerea e foi embora, foi bem no fim de tarde, depois das 19 horas.
foi uma passagem rapida, mais eh muito bonito de ver ele voando.

Rommelqe
Visitante
Rommelqe

Ironia “on”:
Avião maravilhoso. Mas tambem “concordo”, é uma”coisa” totalmente trivial: sim turbinas importadas, avionicos de não sei quem mais. É “quinem” ter uma bic e papel na mão, basta isso para ser um Guimarães Rosa um Heminguay. Vai la e faz. Como todos os concorretes tentam…
Ironia “off” :
Na Suecia, em São Jose etc, estão os “escritores”. Temos que comprar a bic pra eles…

Marcos
Visitante
Marcos

Galante, Poggio, Nunao:
Vocês precisam dar o passo seguinte: uma câmara na mão e a apresentação em video.

Farroupilha
Visitante
Farroupilha

Rommelqe, 20:52…
É isso aí, só mesmo com ironias…

Tem projeto similar lá fora mas tudo sendo engavetado. Mas que estranho.
Afinal é só montar um kit Revell gigante, e pronto… Shazam! Voilà! Temos um pesado cargueiro militar para todo tempo e terreno. Facinho facinho.
Uai!… Cablocada essa tal de Embraer só faz coisa fácil.

Mauricio R.
Visitante

“…será uma novidade que vai chamar muito a atenção nas feiras de aviação mundo a fora…..”
.
A “novidade” é o An-178, com tudo o que a Ucrânia passou e/ou está passando o avião “apareceu” assim um tanto despercebido, na mídia e nas feiras, já o trambolhão da Embraer será somente o “+ um”.
É o avião “Donald Trump” mto blá, blá, blá até a véspera, ai na primeira primária fica em 2º lugar!!!

Ederson Joner
Visitante

Mauricio R., não vou perder tempo para comentar o que você escreve. Agora quanto a “aviônicos de não sei quem mais”, essa não da para deixar passar, se a pessoa não conhece um dos mais importante fabricantes de aviônicos do mundo, talvez o maior fabricante de aviônicos para aeronaves civis e militares, vamos esperar que escreva o que? Quanto a bic e a infeliz comparação com poetas, nem me atrevo a comentar, acredito que eu seria deselegante. Vou repetir o que já disse: “Se a Embraer provar que o KC 390 faz tudo o que promete”, é bom lembrar que… Read more »

Jr
Visitante
Jr

Maurício R. não compare aquela GAMBIARRA Ucraniana do AN-178 (que não passa de uma aeronave civil militarizada) com o KC-390 que é uma aeronave militar desde o nascimento, aliás se você pesquisasse mais veria todas as dificuldades pela qual esse projeto esta passando e olha que não estou falando da falta de dinheiro ( isso é só mais um detalhe ) estou falando de dificuldades/problemas técnicos do projeto mesmo. A Arábia Saudita assinou um Memorando de Entendimento em que poderia comprar 30 aeronaves destas, quando eles pegarem essa gambiarra para testar no território Saudita quer apostar quanto comigo que essa… Read more »

Mauricio R.
Visitante

Eu sei mto bem quem a Rockwell-Collins é, e não tenho nada a ver c/ canetas Bic e escritores. Ser um produto novo no mercado ou ser um produto da 3ª maior “airframer”, a rigor não diz e menos ainda garante algo. Assim se e quando a FAB receber as aeronaves encomendadas, teremos tão somente um análogo moderno ao Kawasaki C-1. Uma aeronave sui-generis que desperta mais curiosidade, que interesse. E diria ainda que c/ o fracasso do MTA, o avião “+ um” ganhou mais tempo, uma sobrevida, mas é bom se apressarem pois isto não irá durar p/ sempre.… Read more »

Jr
Visitante
Jr

Só para constar, vai aqui o conceito do AN-178 : The An-178 is essentially an An-158 regional jet with a rear loading ramp (the two types share a number of components, including the front fuselage and cockpit, and nose wheel leg). Resumindo, não passa de uma aeronave regional com uma rampa traseira, ou seja, a Antonov fez exatamente o que a Embraer queria fazer com o KC-390 lá atrás no inicio do projeto, pegar um erj, anabolizar ele e colocar uma rampa traseira.

Mauricio R.
Visitante

O An-178 ser uma aeronave militarizada ou não pouco importa, o que importa é que no “tarmac” da feira em Dubai, aquela mesma visitada pelo HAL Tejas, quem estava presente era o avião ucraniano e não o hiper-duca-super-mega- foderoso-blaster-produto-da-3ª-maior-airframer-do-mercado, o “+ um”. E se a Arábia Saudita por ventura após voar o avião ucraniano e verificar que o mesmo não lhe serve, isto nem de longe significa que o “+ um” automaticamente tb lhe sirva, apesar de seu pretenso pedigree “militar”. Quanto aos russos seguirem adiante sozinhos c/ um eventual MTA próprio, pouco ou nada nos diz. O importante é… Read more »

Farroupilha
Visitante
Farroupilha

Só para não deixar dúvidas para alguns leitores,
Acredito que nosso cargueiro aéreo Embraer KC-390 é o melhor em sua categoria. E mais… Vai ser sucesso de vendas a partir de sua operacionalidade e qualidade serem comprovadas e propagandeadas pelos seus futuros usuários.
Avante sempre EMBRAER e seus funcionários!!!!!!
Merecem!!!!!

Rinaldo Nery
Visitante
Rinaldo Nery

Um erro no texto: a capacidade de carga correta são 23 toneladas, e não 26.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Rinaldo, boa noite.
.
Creio que o jornal, ao dar esse valor, acabou simplificando um dado técnico que é complicado explicar ao seu leitor habitual.
.
Na verdade, a capacidade máxima de carga divulgada pela Embraer é de 26t mesmo, só que carga concentrada (como um blindado, por exemplo, que pode ser posicionado bem sobre o centro de gravidade)
.
Já a chamada carga paga máxima, normalmente paletizada e distribuída por todo o piso e parte da rampa, é a que você citou, de 23t.

ederjoner
Visitante

Bom, então eu não sei mais nada! Se um projeto da terceira maior fabricantes de aeronaves do planeta não quer dizer nada, contando com mais de 200 engenheiros só no projeto do KC 390, o que precisa então? Sorte?
Vamos dar tempo ao tempo e no futuro vir aqui neste post dar uma olhada nestes comentários…

Mauricio R.
Visitante

“Se um projeto da terceira maior fabricantes de aeronaves do planeta não quer dizer nada, contando com mais de 200 engenheiros só no projeto do KC 390, o…”
.
É isso que cansa qndo se debate algo que envolve a Embraer:
.
O rei na barriga, a prepotência e a petulância de que qualquer coisa que a Embraer faça, esta será o ó do borogodó!!!
.
A história da industria aeronáutica está cheia de mto boas ideias, que não deram em nada.

ederjoner
Visitante

Vamos dar tempo ao tempo e no futuro vir aqui neste post dar uma olhada nestes comentários…

Alexandre
Visitante
Alexandre

kc-390 , um potencial que vem acumulando atos. Firmemente o projeto se mostra capaz de se tornar em um verdadeiro produto de primeira linha, apto a concorrer com qualquer adversário de sua categoria. Para isso serve os testes , aferir e corrigir as possíveis e prováveis falhas. Agora , se alguém esta a saber de algum fato que comprometa a qualidade e a capacidade do avião que nos revele.

sergio r ferreira
Visitante
sergio r ferreira

O KC 390 é uma aposta para, não só um avião cargueiro, mas também de transporte de tropas(principalmente paraquedistas) que possam se deslocar com menor tempo em todo território nacional. Enfim, pergunto: temos logística e união entre as Forças Armadas para estas missões? O avião está aí? Vamos produzi-lo primeiro para nossas necessidades ou só para o mercado externo? Não sigamos o exemplo do CC Ozório.. Caso esteja errado, por favor corrijam-me? Para um bom desempenho numa campanha de defesa ou ataque, o trabalho logístico de suprimentos e manutenção são fundamentais. lembremos das campanhas napoleônicas no séc. XIX bem como… Read more »

Jeff
Visitante
Jeff

Não entendo quando falam aqui que é só +1, só que modernizado. Ora, se é um avião cargueiro e de transporte de tropas, queriam o quê? Inventar a roda novamente?
A Embraer está fazendo muito certo, um avião de trabalho militar com um projeto novo e tecnologias de última geração, mas para um avião de carga que seja confiável, de baixa manutenção e moderno.
Pra fazer isso não precisa inventar nada de novo, basta fazer bem feito que novos contratos vão surgir.
Haaaa, mas não foi exposto na feira tal? Mas o projeto do avião não é feito para contemplar feira alguma.

Mauricio R.
Visitante

Quem esteve em Dubai agora está em Cingapura, vendo e sendo visto, fazendo negócios, que é p/ isso que as feiras servem!!!

sergio r. ferreira
Visitante
sergio r. ferreira

Senhores Jeff e Maurício Jr. , ambos estão certos.Temos de apostar e torcer para dar certo. Abraços.

sergio r. ferreira
Visitante
sergio r. ferreira

Tudo gira em torno de negócios.o K390 tem, sim , que se apresentar e mostrar para que veio,caso contrário a Embraer perderá oportunidades e isso e´ um erro e tanto, ou não? Lembremos do CC Ozório e da Engesa!?

Mike
Visitante
Mike

Tenho uma duvida: como o KC-390 poderia operar em pistas nao pavimentadas sendo que utiliza turbinas a jato ? Qualquer pedrinha que entrar na turbina…….e ja era…. Estou errado ?

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Mike, esse assunto já foi discutido aqui diversas vezes. . A altura das naceles dos motores do KC-390 são compatíveis (proporcionalmente) com as alturas em relação ao solo dos motores externos do C-17 Globemaster, estando a mais de 2 metros do solo, o que minimiza bastante a possibilidade de aspirar uma pedra. E sabemos que o C-17 é um jato e que opera em pistas semipreparadas, com pedras e poeira. Entre outras medidas de proteção do KC-390, também estão as portas do trem de pouso dianteiro, que agem como defletores para que as rodas do trem dianteiro não joguem pedras… Read more »