PAK FA T-50 in Chelyabinsk - 1

Nas fotos, o caça russo de quinta geração T-50 (PAK FA), em Chelyabinsk na Rússia.

Vários detalhes da fuselagem do caça podem ser observados nas imagens de alta resolução.

PAK FA T-50 in Chelyabinsk - 2

PAK FA T-50 in Chelyabinsk - 3

PAK FA T-50 in Chelyabinsk - 4

FOTOS: Edward Nurgaleev / Z25T ✈ Ural portal Aviation

152
Deixe um comentário

avatar
152 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
62 Comment authors
Rinaldo NeryOdair Pereira JrtheogatosAlfa BRRorschacH Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Delmo Almeida
Visitante
Delmo Almeida

Essa primeira imagem ta linda

Anderson
Visitante
Anderson

O que seria aquela “grade” que está atrás dos pneus no trem de pouso dianteiro?

PRAEFECTUS
Visitante

Avião bonito dizem que voa bem…..deve ser o caso do T-50. Bonito na foto o bichim!!!!

.
E, pelo que se vê nos vídeos na internet será páreo duro na arena aérea. Tremei-vos american boys….hehehe

.
Grato.

André Bueno
Visitante

Anderson, deve ser uma espécie de pára-barro ou pára-neve!

Flyng Dutchman
Visitante
Flyng Dutchman

Como é que tem gente cega?! Como isso aí pode ser furtivo?! Entendo que cada um tem que respeitar a opinião alheia, mas defender um troço desse aí é força a barra…

Toleman Picoli
Visitante
Toleman Picoli

Olha , mesmo leigo não consigo imaginar que esse troço vai ter o mesmo nível de furtividade que um F-35 ou F-22.

Mateus
Visitante
Mateus

Acredito que é furtivo apenas comparado a seus pares Russos…

Márcio
Visitante
Márcio

Para chamar o T-50 de troço, deve ser uma criança de 11 anos… no mínimo.

Arthur Duval Versiani Passos
Visitante

Bonito não, ele é Lindo.

Duanny D.
Visitante
Duanny D.

Nao estou vendo onde são as baias internas.

Toleman Picoli
Visitante
Toleman Picoli

Se ofendem até do jeito que chamamos essa coisa feia… Digo, o T-50 supercaça furtiivo “F-35 killer”?

Duanny D.
Visitante
Duanny D.

Deve ser aquelas portas no centro da aeronave.

Marcelo Pamplona
Visitante
Member
Marcelo Pamplona

Bom, na configuração geral da estrutura, ele até que segue bons preceitos que visam baixar o RCS… mas estes motores… afff! Devem ofertar um belo sinal de IR, além de comprometer a furtividade da aeronave! Pelo menos, fica claro nestas belas fotos que o T-50 tem baias internas de armamentos (duto central). Poderia vir a ser um excelente vetor de 5ª G, desde que estes motores fossem trocados por outros de concepção mais “moderna”, por assim dizer. Do jeito que está… tenho cá as minhas (muitas) dúvidas. Tenho a “ligeira” impressão que não seria páreo para o F-22 Raptor (único… Read more »

Lewandowski
Visitante
Lewandowski

Acredito que a mesma furtividade de um F-22 talvez não o tenha. Mas que deverá ser superior ao Rafale e Typhoon, não duvido.

Só lembrando, recentemente saiu no C@vok a notícia de que em 2017 serão testados os motores definitivos.

Os EUA são e continuarão a ser a vanguarda em termos de furtividade. Mas os russos estão de parabéns pelo excelente avião que estão construindo.

Se tivesse outra pintura, alá F-35 e F-15E, talvez a opinião de alguns mudasse…

Saudações

Leandro Assis
Visitante
Leandro Assis

Duanny, ele tem duas baías internas, uma ao centro e outra a cauda, realmente, concordo, chamar d troço esse magnífico projeto d respeito desenvolvido pelos inteligentes russos é falta d conhecimento ou Mimi d quem é fã d americano. Pode até ser q se compara ao F35 e ao F22, mas alguns detalhes como cores por exemplo n se deve levar em conta

Duanny D.
Visitante
Duanny D.

Rapaz, quantos mísseis cabem aí? Só dois?

Duanny D.
Visitante
Duanny D.

Devem ser 4 um em cada porta.

Ederson Joner
Visitante
Ederson Joner

Definitivamente meus anos de engenharia não me ajudaram muito, anos de cálculos complexos, estruturas, deslocamento de particulas em fluídos, de nada serviu.
Pois quando chego aqui e vejo algumas análises de aerodinâmica e RCS penso nos cálculos para fazer as análises e chega a me dar medo.
Como podem fazer essas deduções? Por favor me passem os dados para que eu possa calcular, pois não tenho esta capacidade de ver umas fotos e fazer uma conclusão ou comparação com outra aeronave.
De onde conseguiram os dados?

Leo
Visitante
Leo

Acho que 4 ou 5 R-77 em cada baía e mais dois de curto alcance nas duas pequenas baías laterais que nessas imagens da pra ver bem que realmente parece ser baías de mísseis por possuírem uma “greta” para se abrirem… Para derrotar um F-22 não precisa ser mais stealth, acho que o pak – fa tem grandes chances de derrotar o raptor pois o raptor não foi feito pensando no pak fa, agora derrotar o F-35 pode ser mais complicado.

Marcelo
Visitante

Muito bacana esse esquema de pintura.

Bruno W.
Visitante
Bruno W.

Os americanófilos de plantão já começaram a “rasgar as calcinhas” é assim que dizem por aqui não é?? Será que são os engenheiros da NASA que conseguem analisar uma aeronave completamente só de ver uma foto?? Agora falando sério, se esse avião for tão bom quanto é bonito, não vai ter pra ninguém.

Duanny D.
Visitante
Duanny D.

Procurei as laterais e não vi.
Mas é bonito esse matador de Phantom.

Jacinto Fernandes
Visitante
Jacinto Fernandes

Lewandowski,

Esses motores não são os definitivos?

Gayneth
Visitante

Quanto a furtividade não sei! Mas assusta e assusta muito.

eraldocalheiros
Visitante

Meu caro Ederson Joner,compactuo do teu comentário embora não sendo tb engenheiro mecanico ou muito menos aeronáuico e simplesmente um engenheiro de minas fico com a impressão de que os russos devem saber projetar e fabricar essas belezuras.Pois como diz um velho ditado, que nem tudo que reluz é ouro ou diamante. rsrsrsrsrsrsr

Marcelo Pamplona
Visitante
Member
Marcelo Pamplona

Prezado Ederson; Não sei se o seu comentário foi direcionado à minha pessoa, mas se o foi*, gostaria de lhe tecer algumas perguntas: Diante dos argumentos utilizados por ti na postagem, e dado o seu grande conhecimento técnico no assunto, é incoerente comparar desenhos, superficialmente falando, de diferentes aeronaves? Eu me identifiquei como Engenheiro Aeronáutico ou alguma especialização correlata na minha postagem? Em algum momento eu citei números de desempenho, assinatura radar/IR, raio de alcance, etc.? Preceito, na língua pátria, traz a sinonímia de “mandamento, ensinamento”, correto? Oras, é errado um leigo como eu manifestar que determinada aeronave segue preceitos… Read more »

Lewandowski
Visitante
Lewandowski

Jacinto, esses não são definitivos. A não ser que os russos inventaram uma nova tecnologia para deixar os motores tão expostos assim. Se por nós é notório que essa configuração não parece aceitável, quiçá para os caras lá. Umas das tecnologias apresentadas pelo F 35 é o vocal de saída do motor, convencional no design, diferentemente do B2, F117 e F22, mas ainda sim furtivo. Portanto, os russos também não precisam adotar uma forma ‘quadrado_retângulo’ para os bocais, podendo adotar uma forma convencional, mas igualmente furtiva. Com relação ao definitivo, enganei -me. Em 2018 vai testar a fase 2, que… Read more »

Jr
Visitante
Jr

Não sei, assim como ninguém aqui sabe se o T-50 será tão furtivo como os F-22, mas se o problema são os motores que estão expostos, digo logo que esses que estão nos protótipos e que aparecem nessas fotos NÃO serão os definitivos. Os motores definitivos terão mais potência e não ficarão expostos como esses da foto

Jakall
Visitante
Jakall

Senhores, alguém tem noticias ou arrisca dizer qual será o tipo de radar que essa avião irá possuir no futuro?
Saudações

Ederson Joner
Visitante
Ederson Joner

Jamais tive objetivo de ofender alguém, muito menos dizer que eu sou algum especialista em aeronáutica, e peço desculpas se o fiz parecer. Só quero dizer que não temos dados reais e talvez jamais teremos, sejam eles dos russos ou americanos. O que posso dizer sobre os motores aparentes das fotos (por exemplo) com base nas leis que regem a propagação das ondas de radio, ora usadas nos radares, é que não tem como afirmar que a aeronave como está terá um RCS maior ou menor, pois não sabemos exatamente de que material é recoberto! Todos devem saber que o… Read more »

Bosco
Visitante

Lew, Vale salientar que os motores retangulares do F-22 ajudam na redução da assinatura térmica e não na redução do RCS traseiro. Não quer dizer que o bocal do F-35 por ser circular não permita alguma redução da assinatura térmica. Há 30 anos os israelenses conseguiam reduzir a assinatura térmica dos motores de seus A-4 só aumentando o comprimento do bocal, usando salvo engano, titânio. A redução do RCS traseiro no caso do F-35 que tem um escape circular é devido ao serrilhamento das bordas do escape do motor e a um arranjo interno (por exemplo, grades de metal com… Read more »

Toleman
Visitante
Toleman

“Bruno W. 11 de dezembro de 2015 at 17:31 Os americanófilos de plantão já começaram a “rasgar as calcinhas” é assim que dizem por aqui não é?? Será que são os engenheiros da NASA que conseguem analisar uma aeronave completamente só de ver uma foto?? Agora falando sério, se esse avião for tão bom quanto é bonito, não vai ter pra ninguém.” Tá, mas e aí? Vai se decidir ou não? Quando dizemos que achamos que não será tão furtivo quanto um F-22 é por que estamos rasgando calcinhas, mas sua opinião de que não vai ter pra ninguém é… Read more »

donitz123
Visitante

Este motor que está aí não é definitivo. Creio que todos sabemos disso. Creio também que todos sabem que os russos abandonaram há muito tempo a ideia de um caça realmente stealth como o F-22. Foram racionais porque sabem que isto não existe de fato e que isto aumentaria em muito o custo de desenvolvimento do PAK. Ainda assim ela vai entregar o que a Força Aérea Russa quer. Tem sido comentado em outros espaços que a aeronave da foto seria um modelos de testes para materiais RAM e que a eficácia deste material estaria sendo testado comparando um PAK… Read more »

Bosco
Visitante

Ederson e Marcelo, Além de evitar certos ângulos é preciso reduzir ou eliminar pequenas saliências ou reentrâncias. Sabemos que as ondas de um radar com um determinado comprimento de onda interage com “coisas” iguais ou menores que esse comprimento, portanto, tudo que seja igual ou menor deve ser eliminado. Uma aeronave (ou navio, ou helicóptero ou tanque ou míssil) tem que ser o mais lisa possível. Por exemplo, um caça stealth otimizado para radares de banda X, vamos supor hipoteticamente, com 3 cm de comprimento de onda (10 GHz), não deve ter nada igual ou menor que 3 cm de… Read more »

spacejockey
Visitante
spacejockey

A alguns anos, qdo foi revelado o caça em questão, saiu um desenho do possível escape definitivo da turbina, era um pouco diferente do F 22, mas muito interessante. Não sei se era oficial ou d algum entusiasta. Viu tentar achar e postar ali.

groosp
Visitante

Os bocais retangulares do F-22 são para reduzir o RCS. Para reduzir a assinatura térmica é necessário reduzir a temperatura. A redução da temperatura é obtida misturando ar, em temperatura ambiente, aos gases do motor. Não sei se o F-22 possui este sistema de redução de temperatura. Acho que não. O F-117 possui e os gases são resfriados a 66ºC. Alguém sabe se o B-2 possui? A “fuselagem” do B-2 esconde os bocais dos motores quando ele é olhado de baixo. O problema do bocal do F-22, que é a melhor forma para redução de RCS em um caça, é… Read more »

Nonato
Visitante
Nonato

Os aviões invisíveis americanos são muito mais inovadores e vistosos. Mesmo os bombardeiros anteriores ao F 22. O F 22 transparece ar futurista, robustez. O F 35 mais ou menos. Ficou gordinho e curto. Ja o SU 50 parece mais um avião comum com algumas alterações para diminuir a assinatura. A primeira foto ficou muito bonita mesmo. Mas no geral parece mais uma folha metálica fina sem espaço para nada. E com vários controles que mais parecem um brinquedo – transmite muita fragilidade. Baía? Não parece haver espaço pois tudo parece uma Folha delgada. Com duas tubeiras enormes… O F… Read more »

Bosco
Visitante

Groosp, Em que os bocais retangulares ajudam na redução do RCS? Os bocais retangulares do F-22 foram a melhor forma de prover um sistema de TVN 2D, o resto veio no lastro. No mais, o alongamento do “escape”, qualquer que seja a forma geométrica, ajuda a reduzir a assinatura térmica. E claro, sendo circular ou quadrado ele deve ser planejado de forma a não incrementar o RCS do caça. Agora, a forma em si, retangular, ajuda a que o ar frio externo seja misturado aos gases quentes que vêm do motor (estando o motor em potência seca, sem o acionamento… Read more »

Jose Souza
Visitante

armas russas que “mais parecem brinquedo, transmite muita fragilidade” … sera que fui teleportado para uma dimensão paralela ?

Bosco
Visitante

O escape do F-35 picotado não é tão bom quanto o do B-2, mas não duvido que seja tão bom quanto o do F-22 em reduzir a assinatura radar, porém menos efetivo em reduzir a assinatura térmica pela maior dificuldade de mistura dos gases com o ar fresco externo.
http://www.f-16.net/forum/download/file.php?id=20490

Bosco
Visitante

Quando se fala em redução da assinatura térmica não nos esqueçamos que estamos falando em potência seca. Com os pós combustores ligados não existe isso de redução de assinatura térmica. Pelo menos não no setor traseiro.
https://i1.trekearth.com/photos/101290/dsc_4928.jpg

Bosco
Visitante

O bocal de um F-16 não é “picotado”.comment image

Bosco
Visitante

O melhor projeto para reduzir a assinatura térmica seria esse: https://i.stack.imgur.com/H2rmG.jpg

STFU
Visitante
STFU

Aew Bosco, mas esse projeto de bocal para assinatura térmica já seria apelação! kkkk

Bosco
Visitante

STFU,
Essa aqui ainda tá melhor: https://i.stack.imgur.com/47XH4.jpg

groosp
Visitante

O bocal retangular do F-22 reduz o RCS utilizando a técnica de forma. “Shape, shape, shape and materials,” as quatro regras da furtividade ao radar segundo o analista da Lockheed Martin Denys Overholser.

O bocal dos motores do F-22 nem são tão “espichados” assim para auxiliar a mistura do ar quete com o ar atmosférico. Já o bocal do F-35 é fruto de uma solução de compromisso entre peso e furtividade.

A NET caiu aqui e o 3G tá ruim. Depois eu posto mais.

Jacinto Fernandes
Visitante
Jacinto Fernandes

O bocal retangular reduz a emissão infravermelha porque o fluxo de ar aquecido que dele sai é mais instável do que o fluxo de de ar quente que sai de um bocal circular, o que dissipa a energia calorífica com mais rapidez, segundo o livro “Advanced Tactical Fighter to F-22 Raptor: Origins of the 21st Century Air Dominance Fighter”.

groosp
Visitante
Washington Menezes
Visitante
Washington Menezes

Estes comentários sem dados técnicos e ainda pró determinado país, só mostra o quanto os entusiastas, mesmo os mais frequentes neste site que pelos comentários se julgam entendidos, no fundo são só replicadores de informações de outros sites que como este não tem informações baseadas em fatos.

Duanny D.
Visitante
Duanny D.

Esses motores devem estar dando muito trabalho para os Russos, há anos escuto falar que estão desenvolvendo novos motores para o “PAK-FAP” mais conhecido com “Phantom Killer”