F-15 versão 2040C
O F-15 versão 2040C é o upgrade proposto pela Boeing que vai dobrar a capacidade de mísseis do F-15C de 8 para 16 mísseis e ainda vai aumentar o alcance do avião com o uso de tanques conformais como nos F-15E

Segundo o jornalista Bill Sweetman que assina a coluna Aerospace Daily & Defense Report do site aviationweek.com, a Força Aérea dos EUA pode solicitar ofertas para 72 novos caças Boeing F-15, Lockheed Martin F-16 ou até mesmo Boeing F/A-18E/F, por causa dos problemas orçamentários que vão provocar baixas cadências de produção iniciais para o caça de quinta-geração F-35 Joint Strike Fighter, de acordo com oficiais e altos funcionários da indústria presentes na Conferência Internacional de Caças promovida pela Defense IQ.

Agora espera-se que os caças F-15 e F-16 sirvam até 2045, quando todos os novos aviões estarão prontos. Os planos para modernizar caças F-16 com radares de varredura eletrônica ativa (AESA) e outras melhorias estão sendo avaliados.

A Força Aérea dos EUA “está lutando para conseguir pagar 48 caças F-35s por ano” para os primeiros anos de produção de plena velocidade, disse um oficial superior. A Força Aérea planeja comprar 60 aeronaves em 2020, subindo para 80 por ano logo depois disso. Consequentemente, os F-15 e F-16 vão ter que servir mais e superarão em número os F-35 e F-22 até o final da década de 2020.

A Boeing está propondo a série de upgrades “F-15 2040C” para estender a vida dos caças F-15C de superioridade aérea de quarta-geração até 2040, para complementar os caças F-22 Raptor de quinta-geração. A versão 2040 do F-15 dobraria o número de mísseis ar-ar para 16 unidades, aumentaria o alcance da aeronave e ampliaria a letalidade e capacidade de sobrevivência com o upgrade dos sistemas eletrônicos.

O F-15 2040C também manteria aberta a linha de produção em St. Louis, atualmente ocupada com a produção de 84 caças F-15SA para a Arábia Saudita até 2019. Existem estudos que defendem a atualização dos F-15C para complementar os F-22, já que dos 750 aviões planejados, somente 187 foram produzidos. A Boeing busca preencher essa lacuna percebida na capacidade de superioridade aérea da USAF.

Um dos pacotes de modernização do F-15 2040C prevê a incorporação do radar AESA Raytheon APG-63(v)3 e a nova suíte de guerra eletrônica EPAWSS (Eagle Passive/Active Warning and Survivability System), um sensor IRST de longo alcance e datalinks para comunicação com os F-22 e outras plataformas.

F-15 versão 2040C
O F-15 versão 2040C de perfil
O F-15 versão 2040C
Uma das modernizações propostas aos F-15C da USAF prevê a instalação de um sensor IRST no nariz

57
Deixe um comentário

avatar
57 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
40 Comment authors
Lucascarlos victorKarlBonfimВВС США из-за проблем с F-35 могут закупить модернизированные F-15, F-16 и F-18 « TodaysMilitary. Информатор о военных действияхVader Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Luciano
Visitante
Luciano

Pronto! Agora vai chover (novamente) criticas aos F-35! ….e o Vader vai aparecer pra rebater as mais consistentes (ou não)!rsrs

Delfim
Visitante
Delfim

Parece que a idéia de abandonar as idéias de John Boyd tem muita resistência. O F-35 pode ser um computador voador, mas suas limitações de desempenho ainda deixa muita gente com um pé atrás.

Alexandre Samir Maziz
Visitante

Legal ,tenho uma dúvida o F-15 ainda é fabricado ou só ocorrem upgrates ?? como motor , armamento e tal ?? bela aeronave não acham ??

Iväny Junior
Visitante
Member

Parece que a Boeing vai emplacar o silent eagle em Israel e nos EUA.

Hugo Vigneron
Visitante
Hugo Vigneron

o bom e velho f-15 como fenix

André
Visitante

Vale a pena se o preço for bom.

dieter91360
Visitante
dieter91360

Game changer!!!
Começam as entregas do temido S-300 ao Irã…
https://www.rt.com/news/323184-iran-s-300-delivery-underway/

Oganza
Visitante
Oganza

Será o plano “B” tomando forma? Conversando com um “colega” piloto de Hornet do USMC, me foi dito que o entendimento hj sobre uma força “inteiramente” stealth veio completamente e tardiamente abaixo. Segundo ele, é crescente a percepção comum nas fileiras militares, de que por ser o único país com tal capacidade comprovada, seriam necessários um máximo de 1/3 ou até mesmo 1/4 do inventário stealth pretendido para se manter a liderança bélica pelos próximos 25 anos e que o restante poderia ser confortavelmente complementado por novas e melhores versões dos modelos já existentes. Segundo ele: “Para quê nós precisamos… Read more »

Alfredo Araujo
Visitante

Na minha opinião de intrometido, acho q a USAF está entre a cruz e a espada…
Se ela compra novos F-15 e F-16, sinaliza para os parceiros do programa JSF que não está colocando todos os seus ovos no F-35 e colocaria mais incertezas a respeito das compras que esses devem fazer…
Se ela coloca todos os seus ovos no F-35, a operacionalidade da força como um todo pode ficar comprometida…. O F-35 é um avião de aquisição cara e hora de voo cara… e o orçamento das FAA americanas só diminuem.

Clésio Luiz
Visitante

Se for feita uma compra, nem debaixo de pau a USAF compraria o Super Hornet. Primeiro porque seria um tipo alienígena aos seus serviços de manutenção, o que acarretaria custos de introdução que negariam a economia da compra, segundo porque seria dar crédito à USN…

Entre o F-15 e o F-16 imagino que a USAF iria de Eagle, por causa do estado das células de F-15C, que estão mais voadas que “moça” de 2 conto em tempo de carnaval e devem estar custando uma nota para manter voando.

Rafael
Visitante
Rafael

Pelo que eu sei desde de 2007, 173 f-15c ja foram modernizadoa com aesa o mesmo do f-15k da korea que é o mesmo do f-22 acho que a Usaf vai modernizar os outros 220 f-15 strike eagles com aesa e jamers de ultima geracao é so, os f-16 ja estao sendo mordenizados serao 800 ou 900 deles ate 2017 acho quem tem ate reportagem disso aqui no aereo, e concordo com oganza acho que uma forca completamente stealth so pra la de 2040

Rinaldo Nery
Visitante
Rinaldo Nery

Super Tucano neles!

João Paullo Sampaio e Conceição
Visitante
João Paullo Sampaio e Conceição

Acho a idéia ótima, tendo em em vista os custos do F-35

Nonato
Visitante
Nonato

Ou supertucanos…
Quem tem problema orçamentário não pode se dar ao luxo de comprar caças caros e de manutenção cara.
Vão dois F22 na frente protegendo os ST. Os ST poderiam ser adaptados, inclusive no tamanho, para levar radar AESA, am RAM etc.
Quem sabe um motor híbrido. Gasolina, etanol e eletricidade?

Tiago Silva
Visitante

Olha uma solução digna para o caos que o programa F-35 virou, não seria má ideia a produção de mais F-15 e a modernização dos já em operação.

Gostei.

Luciano
Visitante
Luciano

Isso poderia significar o desenvolvimento de uma versão embarcada do A-29 para o USMC?

Duanny D.
Visitante
Duanny D.

O cansado F-15 vai aguentar o tranco?
Pra mim os EUA pensaram mal sua estratégia.
Deviam investir pesado numa superioridade aérea stealth e manter os cavalos de batalha convencionais.
Mas quem sou eu entender de batalha. Sou um Zé ninguém.

Bosco
Visitante

Deviam reinventar logo o conceito do B-1R, com radar AESA e 22 mísseis amraam (do lado de fora).

Rafael M. F.
Visitante
Rafael M. F.

B-1R? 22 Mísseis? All respect, mas PXXA MXXXA!!

Me lembrei dos velhos Fiddler

Blind Mans Blufff
Visitante

A USAF ainda precisa desenvolver um bombardeio estrategico stealth para substituir os B-2, B-1B e B-52. Será um projeto caro, ainda no número que “gostariam” de comprar. Sobrou para o F-35 ja que este falhou em ser um caça verdadeiramente multirole. Nada mais justo que completar essa lacuna com um dos melhores dos melhores, o F-15.

HevertonMoreira
Visitante
HevertonMoreira

Por falar em F-15,
Mais especificamente em F-15 STOL / MTD,alguém saberia me dizer por que esse projeto não foi a frente,ou foi apenas um estudo para saber dos efeitos da vetoração de empuxo e para aprimorar essas tecnicas para usa-las em outros caças como o F-22

https://images.huanqiu.com/sarons/2014/01/3224664a14b71459fb9f5b5effa9a1c3.jpg

Mauricio R.
Visitante

“Se for feita uma compra, nem debaixo de pau a USAF compraria o Super Hornet.”

A USAF está sem uma aeronave de EW dedicada, desde a desativação do EF-111A “Raven”, sem o F-35 p/ “eletronic attack”, sobra o “Growler”.

Iväny Junior
Visitante
Member

Rafael

Hoje o B-1R já deve ter capacidade de lançar um grande número de mísseis para alvos adquiridos pelo F-22 (ou qualquer um integrado via datalink). Aqui tem um vídeo interessante, a partir dos 3:49m, são ou serão 30 misseis e não 22.

https://youtu.be/J7DysMAcbdE

Eziquiel Martins
Visitante
Eziquiel Martins

Extra, extra, turcos abateram um Su-24 russo!

kfir
Visitante
kfir

com o video do avião caindo

Turkey shoots down Russian military jet over Syrian border
Turkey says the plane, whose nationality has not been confirmed, violated its airspace
http://www.independent.co.uk/news/world/middle-east/turkey-shoots-down-russian-jet-near-syrian-border-and-video-shows-plane-coming-down-a6746206.html

Luciano
Visitante
Luciano

Off topic:
http://internacional.estadao.com.br/noticias/geral,turquia-derruba-um-um-caca-russo-perto-da-fronteira-com-a-siria,1801098

Como foi dito aqui antes por aluns foristas….muita gente tensa, com dedo no gatilho…

Gabril
Visitante
Marcelo Bardo
Visitante
Marcelo Bardo

Isso que dá os russos abusarem de invadir espaço aéreo dos outros.

Diogo de Araujo
Visitante

Nossa lindo demais esse f-15 meu Deus. Bosco você poderia detalhar melhor as capacidades dele?

PH
Visitante
PH

O programa JSF tinha como primeiro elemento o custo de operação/aquisição e em segundo o desempenho. Neste inicio de produção e aquisição são esses os dois principais problemas – o custo inicial (está caro!) e o desempenho que está sendo criticado. Mesmo assim, é um baita avião e cumprirá a missão na qual foi proposto!

Claudio Moreno
Visitante

Bom dia Senhores!

Inacreditável! O que já era ótimo se tornará mais excelente ainda! Se de fato ocorrer a contratação destes 72 F-15 – 2040 (que ainda é só uma proposta), somente estes seria mais que suficiente para arrasar muitas forças aéreas mundo afora!

Sem comentários!

CM

BrancoF-16
Visitante
BrancoF-16

Bom dia, Sobre a noticia, se fosse pra apostar na compra da USAF em relação aos custos, o F-16 já ganhou, por ter uma linha de produção muito maior, ainda que não seja de aeronaves novas, mais a linha de fornecedores de peças e atualizações é a maior devido ao grande numero de células no mercado mundial atual, somado a isso um preço de aquisição e operação menor que dos outros 2 concorrentes. No entanto acho que essa aquisição vai ter um “peso politico” muito grande, para evitar que as linhas de produção sem fechem e que com ela aja… Read more »

Claudio Moreno
Visitante

OFF TOPIC:
Turquia abate caça-bombardeiro SU-24 após suposta violação de seu espaço aerio. Informações contraditórias quanto ao abate…Rússia diz ter sido terra-ar, Turquia a sua vez diz que foi seus F-16 quem fizeram o serviço.

Vejamos novas cenas desta novela ….

CM

Rafael
Visitante
Rafael

So pra deixar claro que 173 f-15c ja foram modernizados em 2007, a usaf vai modernizar os f-15se tbm todos para o padrao f-15k com a compra de mais 72 daria um total de 465 eagles so somarmos juntos os raptors da um total de 650 caças pesados

BrancoF-16
Visitante
BrancoF-16

Mais um Kill pra lista e pra história do F-16

BrancoF-16
Visitante
BrancoF-16

Diante desse cenário, imagino que o numero de escoltas pelos Su-30 vai aumentar por parte da Russia, e ai a chance de dar caca aumenta significativamente.

hamadjr
Visitante
hamadjr

Interessante o que a falta de grana e também de “credibilidade” pode ocasionar em um projeto tipo F-35, mas não chega a ser um problemão para quem tem F-15, F-16 e F-18 e 22 disponível mesmo reduzidos. Mesmo que o F-35 não decole, os americanos malvados terão uma Força Aérea de impor respeito até algum fato novo mude esta situação.

me 109
Visitante
me 109

super tucano kkkkk têm otário achando que esta porcaria é um baita vetor kkkkkkkkkkkkk seria na década de 40

vmax
Visitante
vmax

me 109 24 de novembro de 2015 at 8:50

Calma aí, jovem.
Sem grosseria.

O comentário ao qual você se refere é de tom irônico.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Zona quente, a Turquia abateu um SU 24 da Rússia, e agora ??

André Sávio Craveiro Bueno
Visitante
Member
André Sávio Craveiro Bueno

Caro me109, o texto que considera o Super Tucano (em link postado pelo Oganza, logo no início) é dos Fuzileiros Navais americanos. Serão eles otários? O estudo pode até ser criticado, como tudo, mas não desqualificado assim.

André Sávio Craveiro Bueno
Visitante
Member
André Sávio Craveiro Bueno

A USAF deveria comprar os F-15, se essa modificação se apresentar sem maiores problemas. Se a Boeing entregar o que promete estará oferecendo um enorme upgrade para a defesa aérea. A imagem mostra 14 mísseis BVR! Com um radar no estado da arte idem para aviônicos, datalink etc, então a equação “parece resolvida”. Notem, no post do Oganza, a opinião de um piloto dos Marines sobre a quantidade necessária de aeronaves stealth.

Jeff
Visitante
Jeff

Lindo esse F-15 novo em folha!!! com 72 destes pode até mandar desmanchar o “opalão” lá no RJ, não precisamos mais dele. Aliás pode mandar desmanchar já, não precisamos mesmo, ou transforma num PHelicópteros para missões de reconhecimento e socorro porque assim seria útil. Hoje só serviria como viveiro de peixes no fundo do mar. Voltando aos jatos, pena que o Brapsil Putênfia fez beicinho pro Obama por espiarem os e-mail com piadinhas da Dilma. Cartada do Lula no Rafale não deu em nada (felizmente??) e agora ficamos com um projeto Sueco na mão. Se é bom ou ruim só… Read more »

Roberto F Santana
Visitante
Member
Roberto F Santana

Na ultima foto, o que seriam essas pecas, em ambos os lados, logo abaixo do canopy?

Vader
Visitante
Member

Infelizmente o Bill Sweetman perdeu a credibilidade para falar do F-35. Pra desqualificar este caça ele disse até que o Gripen NG seria um caça de 6a geração, o que evidentemente é um despautério.

A USAF jamais voará o Super Hornet. Isso é uma viagem completa.

No mais, retrofitar F-15 e F-16 ou mesmo adquirir alguma unidades novas para recompletar a frota da USAF não faz mal algum, ao contrário. A “torcida” do BS contra o F-35 é tanta que ele acha que isso vai prejudicar o Programa JSF.

Lamentável.

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

Caro Iväny Junior 23 de novembro de 2015 at 20:00, Concordo e dobro: Já está rolando na mídia Israeli, pena que não colei. Vou tentar localizar e postar ! Concordo Lord “No mais, retrofitar F-15 e F-16 ou mesmo adquirir alguma unidades novas para recompletar a frota da USAF não faz mal algum, ao contrário.” LINDAS FOTOS AI EM CIMA, PARABÉNS ! Quanto ao F 35 meu guia é Israel, veremos ! Mas não creio que será descontinuado, talvez diminuir o ritmo, normal ! Com a economia americana retomando o ritmo, os USA não se envolvendo diretamente(cara a cara) em… Read more »

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

Oganza, Caro Amigo ….. Shalom ótimo o link, adorei esta parte abaixo: “The Marine Corps should purchase 94 Embraer A-29 Super Tucanos and 53 fewer F-35Bs to ensure it has a more lethal, expeditionary, economical, and scalable FW attack-aircraft community. The more diverse mix would better support EF21 ’s vision. Potential adversaries would most likely use guerrilla or hybrid strategies against U.S. forces, but an FW attack community that flies only F-35s would be optimized to only counter conventional ones. The A-29, winner of the U.S. Air Force’s light air-support (LAS) competition, is primed to counter guerrilla strategies. As the… Read more »

Vader
Visitante
Member

Só uma perguntinha: considerando que o USMC é uma força aeronaval o Super Tucano operaria de qual Porta-Aviões?

carlos alberto soares
Visitante
carlos alberto soares

Eles não operam exclusivamente de PA, o Oganza já postou isso aqui !
Teria que fuçar muitos temas e os comentários para “achar” o que ele descreveu,
OGANZA vê se responde ai por favor !

trackback

[…] aereo.jor.br сообщает, что ВВС США могут закупить 72 новых истребителя Boeing F-15, […]