segunda-feira, maio 17, 2021

Gripen para o Brasil

Pentágono: Rússia constrói base aérea na Síria

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Latakia

O Pentágono reconheceu na segunda-feira (14/9) que os militares russos estão a construir uma base aérea na Síria, um movimento que poderia complicar os esforços dos Estados Unidos e da colisão para montar ataques aéreos diários contra os militantes do Estado Islâmico.

“Vimos indicações nos últimos dias de que a Rússia está transferindo pessoas e equipamentos para a área em torno de Latakia e da base aérea que ali existe, sugerindo o estabelecimento de algum tipo de base operacional avançada”, informou o porta-voz do Pentágono Jeff Davis a repórteres.

A atividade militar russa na Síria começou no início de setembro, disse Davis.

Imagens de satélite sugerem que a atividade inclui reforço das pistas de pouso/decolagem, a construção de spots para helicóptero, a instalação de unidades habitacionais móveis e construção de vários novos edifícios, incluindo uma torre de controle de tráfego aéreo, de acordo com a Stratfor, uma empresa de inteligência privada.

Na segunda-feira, a Rússia estava posicionando blindados e artilharia ao longo do perímetro da base aérea, de acordo com um relatório Reuters.

As atividades russas estão “progredindo em bases diárias”, disse Davis.

FONTE: Defense News (tradução e adaptação do Poder Aéreo a partir do original em inglês)

Veja também no blog das Forças Terrestres

Rússia posicionou tanques em base aérea síria, dizem norte-americanos

- Advertisement -

18 Comments

Subscribe
Notify of
guest
18 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Wellington Góes

Como assim “complicar os esforços dos Estados Unidos e da colisão para montar ataques aéreos diários contra os militantes do Estado Islâmico.”?!?! Acho que perdi algo……. só que não. Foram pegos com as calças curtas por não terem feito nada até aqui, no máximo atacando posições no Iraque e agora querem bancar os inocentes?!?! Ora, faça-me o favor……… Essa administração Obama é incompetente e dissimulada, quando não hipócrita.

Melky Cavalcante

A Coalizão está gastando recursos enxugando gelo, já gastaram 4bi de dólares, em 50.000 surtidas que resultaram em 6.700 ataques, até o momento infrutíferos.
Quarta feira o General Lloyd Austin declarou no senado que,dos 54 rebeldes treinados pelos EUA a um custo de 500mi, apenas 4 ou 5 continuam ativos.

Alfredo Araujo

Como assim resultados infrutíferos ? Se não destruir de uma vez o EI os resultados dos bombardeiros são infrutíferos ??

Cada soldado morto e cada blindado destruído, é um a menos que no ataque para a conquista de um território e/ou na defesa contra curdos ou iraquianos…

Será que se os ataques não estivessem sido feitos, o EI teria o tamanho q tem hoje ? Será que não seria maior ?

Wellington Góes

Alfredo, se a tática for a mesma aplicada no Vietinam (o resultado do êxito da batalha era medido pelo número do adversário versus o próprio, ante a conquista de território), então não aprenderam com a história.

Aldo Ghisolfi

Boa tarde.
Meu comentário ia ser no sentido do que fez com muita propriedade, o Wellington Góes; implemento dizendo que acho estas fustigações importantes, mas penso que a situação, se for para ser resolvida, não dispensará, jamais, o emprego da infantaria, de blindados e muita excelente artilharia.

joseboscojr

Pessoal, Pelo menos na Trilogia a gente podia fazer uma votação pra determinar se os americanos são malvados maquiavélicos ou se são só bobões desafortunados, o que não dá é cobrarmos dos americanos colocar a bota no OM pra resolver o problema do EI. Se a corrente que defende a tese deles serem maquiavélicos e de terem criado o EI de propósito, com finalidades que sequer podemos imaginar de tão nefastas, não há porque cobrarmos deles essa postura. Se chegarmos à conclusão que são bobocas e que suas atitudes não visavam a criação desse “monstro”, eles não podem ir sozinhos… Read more »

Wellington Góes

Não é questão de ser bonzinho ou mauzinho, mas de ter usado uma estratégia errada (repetida algumas vezes e que deu errado mais do que certo), para se beneficiar de uma revolta popular e ai tirar um adversário geopolítico do poder, especialmente um que abriga uma força militar adversária. E se a China e a Rússia fazer o mesmo no Iemen e Bahrein, será que seus governos são melhores do que o sírio?!?! Não existe santo nessa história (com H mesmo).

MSG

Como Israel deve estar contente…

joseboscojr

Wellington, Os EUA tem tradição de se posicionar, seja contra ou a favor, e raramente ficam em cima do muro, claro, tendo em vista seus interesses. E geralmente apoiam o lado que escolhem. Daí para serem os responsáveis e daí pra eu acreditar que o mundo inteiro é fruto das conspirações da CIA e de um possível governo invisível reptiliano maçônico é uma história completamente diferente. Aliás, vários países apoiam de uma maneira ou de outra. O Brasil, por exemplo, com usa agenda antiamericana, apoia ou não , usando a retórica somente. Os russos, que durante décadas foram mestres em… Read more »

Hamadjr

Desculpe aos camaradas mas isso muito parecido com aquela informação de armas quimicas do Iraque.

Vader

Quero ver é os russos botando as botas de verdade na Síria. Botando pra quebrar contra o EI e etc. Sabem quando isso vai acontecer? Nunca!!! Sabem porque? Porque a Rússia, embora seja uma potência bélica nuclear (hoje muito menos do que na época soviética, evidentemente), é um país acovardado e que, muito ao contrário dos EUA e as demais potências ocidentais (GB, França etc.), não assume suas responsabilidades para a busca e manutenção da paz mundial, sob a desculpa imoral e bastante conveniente de “não intervenção”, desculpa esta, entretanto, que quando se trata de seus vizinhos é lépida e… Read more »

joseboscojr

Hamad, O Bush era um cavalheiro e usou uma desculpa esfarrapada pra acabar o serviço que seu pai começou. E havia imensas possibilidades da acusação das armas químicas ser verdade tendo em vista que os iraquianos as usaram em várias oportunidades passadas. Infelizmente para o cavalheiresco Bush filho sua acusação se mostrou equivocada. Fosse ele um ditador e teria mandado matar todo o primeiro e segundo escalão da Inteligência Americana por fazer ele pagar esse mico. Também fosse ele um mal caráter e teria invadido sem maiores explicações e sem precisar inventar desculpas. O Bush filho era um cara legal… Read more »

Felipe Morais

Bosco sou um grande fã de seus comentários. Entretanto nesse acima você forçou a barra. Bush filho era um cara boa praça e legal? Francamente ne, você só pode estar de ironia. Se equivocou quanto às armas químicas e destruiu um país. Não é atoa que o Iraque está do jeito que está hoje.
Bush é.um irresponsável, assim como aqueles que o assessoravam na época. Mostrou isso no Afeganistão e no Iraque. Juntando ele.e o canalha do Putim, não se sabe quem é mais irresponsável.

joseboscojr

Felipe, Fui irônico! Mas é porque batem tanto nessa tecla das armas de destruição em massa que dá nos nervos. O Bush pai tinha que ter terminado o serviço que começou e não o fez. Depois de mais de uma década e o Saddan não caiu. O jeito foi o filho terminar o serviço, mesmo porque seria uma baita idiotice invadir o Afeganistão por conta do 11/09 e não resolver o problema do Iraque. Ou devolviam pro Saddan o controle do espaço áreo que estava dentro da zona de exclusão e deixavam ele à vontade pra atacar os curdos e… Read more »

Mauricio R.

A administração Obama adora uma bola nas costas e nem liga, quem sofre são o Pentágono até pq é parte dessa “administração” e as FFAA americanas, que recebem e cumprem ordens dessa mesma “administração”: “The Obama administration, which seems to have the idea that the U.S. should walk softly and carry a tiny stick, keeps getting those “unexpected” surprises from around the world. Russia makes a move on Crimea? Surprise! Russia makes a move on Ukraine? Surprise! Russia threatens the Baltic states? Surprise! China makes moves to claim the South China Sea as its “home waters?” Surprise! North Korea acts… Read more »

Mauricio R.

OFF TOPIC… …mas nem tanto: Da série: “Quem sabe faz a hora e não espera acontecer!!!” “An America “in serious decline for domestic and/or external reasons,” he says, would lead to a breakdown in the ability of the international system to prevent conflict once it became evident that “America is unwilling or unable to protect states it once considered, for national interest and/ or doctrinal reasons, worthy of its engagement.” As he sees it, a more Darwinian world of tumbling dominoes would most likely result: there would be little to prohibit regional powers (like Russia) from exerting claims on neighbors… Read more »

joseboscojr

Maurição, É o tal negócio: ruim com ele, pior sem ele. Não fosse os EUA e o mundo seria completamente diferente, e eu, imagino que pra pior, se é que já não teria havido uma terceira guerra mundial com uso de armas nucleares em larga escala. Só pra citar um exemplo, até hoje o que impediu o Japão de ter armas nucleares foi a proteção dos americanos. Hora que ela se mostrar frágil eles as construirão em meses e aí a tensão aumenta. Coreia do Sul, Taiwan, Israel, todos as ex-repúblicas soviéticas, e sabe-se lá mais o quê, tomarão rumos… Read more »

Rinaldo Nery

Vader vc se enganou. A Rússia já fez seu primeiro ataque a partir de solo sírio, como consta de outra matéria.

Reportagens especiais

Inovação à brasileira: o trem de pouso do KC-390

Desenvolvido para suportar 84 toneladas, o trem de pouso do KC-390 desafiou os engenheiros brasileiros e colocou a indústria...
- Advertisement -
- Advertisement -