domingo, maio 16, 2021

Gripen para o Brasil

Caças Gripen suecos interceptam dois Tu-22M e dois Su-27 russos

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

caças Gripen suecos - foto Forças Armadas da Suécia

Na manhã desta terça-feira (24/03, ainda madrugada no Brasil) caças Gripen suecos interceptaram, identificaram e acompanharam quatro aeronaves russas que voavam na área leste do Mar Báltico. A informação foi divulgada em nota publicada no site das Forças Armadas da Suécia. A força russa era composta de dois bombardeiros Tu-22M “Backfire” e dois caças Su-27 “Flanker” de escolta.

Segundo a nota, aeronaves de outras forças aéreas também seguiram os quatro aviões russos enquanto estes voavam em espaço aéreo internacional. O chefe de operações sueco Göran Mårtensson afirmou que “a ameaça à Suécia não aumentou, mas as Forças Armadas acompanham, como sempre e de diferentes maneiras, o aumento de atividade na área. Hoje nossa reação foi imediata.”

 

FOTO (em caráter meramente ilustrativo, sem relação com o incidente de hoje): Forças Armadas da Suécia

- Advertisement -

20 Comments

Subscribe
Notify of
guest
20 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Joner

A prontidão sueca é boa, mas molhor ainda seria se informassem a configuração dos Gripens e dos SU-27, para podermos alimentar nossos comentários com fatos reais.
Mas já que nem tudo são flores, qual a configuação de mísses que os senhores acreditam terem decolados os Gripens? E com qual configuração estariam os SU-27 dando apoio aos TU-22M em espaço aéreo internacional?
Seria um “modo ostentação” ou um ” modo pobre de voar”?

Claudio Moreno

Penso que os SU-27 estão com a configuração tradicional:
2 x R73M2
4 x R77M

Já o Gripen:
2 x Meteor ou AIM-120
2 x Iris ou AIM-9
1 x tanque central

CM

André Sávio Craveiro Bueno

Eu acredito que os Su-27 portavam apenas tanques. Se estivessem armados um eventual discurso de voo de treino poderia ir por água abaixo.

Penso que, via de regra, as aeronaves interceptadoras fazem uso de armamento. Se fosse o inverso, com os suecos fazendo “voos de patrulha”, as aeronaves russas é que portariam armas.

andreas
Justin Case

Amigos, boa tarde.

Aqui tem informações sobre o perfil de voo até o momento da colisão com o solo:

http://cdn.controlinveste.pt/storage/JN/2015/big/ng4071853.jpg

A fonte é o site Flightradar24.
Abraço,

Justin

André Sávio Craveiro Bueno

A aeronave perdeu 30000 ft em dez minutos e colidiu a 400 nós?

Joner

Obrigado Nunao!
Agora temos que admitir, a família SU27/30 é linda!
E voar um Gripen perto de um desses da a dimensão destas
Aeronaves, o EF2000 de uma das fotos que o diga!

Wellington Góes

Não mete medo, mas impõem respeito?!?! Kkkkkkkk Fico imaginando a cena. Uma vez eu cobria a FIDAE e um grande conhecido da blogosfera (o qual considero um amigo) da aviação perguntou para um piloto da USAF o que ele achava em pilotar o F-16 em comparação ao F-15. De cara ele fez diversos elogios ao Falcon, mas no final ele desfechou: “Se você quer um avião para fazer piruetas por aí, o F-16 é o caça pra isso, mas se tiver que ir combater e ainda quiser voltar pra casa andando sã e salvo, então o avião pra isso é… Read more »

Iväny Junior

Wellington Góes Concordo com a afirmação, mas é importante saber o tempo em que foi feita. Depois do refinamento da arena ar-ar, com o aumento da sensibilidade dos radares e a eficácia sugerida dos mísseis de médio e longo alcance, bem como, a maior acuidade térmica dos mísseis IR, o maior RCS, bem como, a maior quantidade de calor depreendida pelos dois motores podem significar menor capacidade de sobrevivência ao Eagle. Porém, afirmo e reafirmo muitas vezes que o F-15 é o último grande caça da Boeing. Esta empresa me decepciona bastante uma vez que os ultimos projetos exitosos foram… Read more »

Kojak
Kojak
Kojak
Hamadjr

Penso que o está mais para Suecos ficaram olhandos os Russos passeando e os Russos nem ai pra eles

André Sávio Craveiro Bueno

Ninguém vai disparar se um determinado limite for ultrapassado.

Eu preferiria estar num Gripen,ainda mais se for a versão E. O Su-27 pode ser atingir velocidade maior, carregar mais armas e combustível mas a eletrônica do Gripen, mesmo o C, dá uma certa vantagem, penso eu.

Eder Albino

Gripen e Su-27 é Davi e Golias. Tal como a história, o que acertar primeiro sairá vencedor independente do tamanho.

Wellington Góes

Iväny Junior, isto foi em 2012.

Até mais!!! 😉

Claudio Moreno

Grande Nunão!

Valeu pela informação quanto ao Meteor. Pensei que já estivesse operacional na Suécia e UK.

CM

Reportagens especiais

Apresentação do Gripen E na Suécia: por hoje, vamos de maquete

Amanhã, mostraremos o avião de verdade, o protótipo 39-8 da nova geração do caça da Saab - Fernando "Nunão" De Martini Por volta...
- Advertisement -
- Advertisement -