Home Aviação de Transporte FAB realiza primeira missão com C-97 Brasília cargueiro

FAB realiza primeira missão com C-97 Brasília cargueiro

1004
6

C-97 Brasília em configuração cargueiro - foto FAB

O avião decolou do Galeão com destino ao Centro de Lançamento de Alcântara

Usualmente utilizado para o transporte de passageiros, o avião C-97 Brasília do Esquadrão Pioneiro (3ª ETA), sediado na Base Aérea do Galeão (BAGL), no Rio de Janeiro, foi reconfigurado como cargueiro. A primeira missão de uma aeronave da frota de C-97 da FAB nesta configuração foi realizada na quarta-feira (17/12).

O avião decolou do Galeão com destino ao Centro de Lançamento de Alcântara (CLA), no Maranhão, com escalas em Salvador e Recife. Ao transportar cargas, a capacidade da aeronave é de até 3.500 quilos. O Brasília é homologado para missões na configuração cargueiro Single Cargo Net, com a capacidade de até 3.500kg, ou na versão Combi (Combinada), que comporta até 19 passageiros e 1.500kg de carga.

C-97 Brasília em configuração cargueiro - foto 3 FAB

Após realização de cursos sobre limites, peso e balanceamento da aeronave, além de capacitação dos tripulantes (pilotos, mecânicos e loadmasters – mestre de carga), o 3º ETA foi o pioneiro na FAB para operação do C-97 Brasilia nesta configuração, aumentando sua capacidade no cumprimento das missões aerologísticas da Força Aérea Brasileira.

C-97 Brasília em configuração cargueiro - foto 2 FAB

FONTE / FOTOS: FAB (3º ETA)

6
Deixe um comentário

avatar
6 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
5 Comment authors
Claudio MorenoOganzaRafael OliveirajuarezmartinezMauricio R. Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Agora é só trocar a aviônica, pela do 145 ou dos E1 e o upgrade do Bandeirante, deixa de fazer sentido.

juarezmartinez
Visitante
Member
juarezmartinez

Está aó o avião certino para a MB fazer as tarefas e ligação, transporte e cargo entre suas base navais, fácil e operar, manutenção toda dominada e baixo custo operacional, mas a MB gosta de velharias então…..

Grande abraço

Rafael Oliveira
Visitante
Member
Rafael Oliveira

Mas Juarez a MB quer que seu avião de transporte pouse e decole no NAe SP, o que acredito que o Brasília não faça.

Se o NAe irá navegar e se os Traders irão pousar e decolah nele são outros quinhentos, mas esse é o desejo da MB,o qual guia seu planejamento e suas ações.

Oganza
Visitante
Oganza

A FAB/MB/EMB perderam a chance de fazer uma versão Naval ou mesmo de asa alta do Bandeirante ou do Brasília com capacidade de pouso em um PA nos tempos do A-11 Minas Gerais.

Na época em que as duas foram obrigadas a coexistir dentro do Minas Gerais, ambas perderam a oportunidade de promover um real avanço em asa fixa embarcada, pois preferiram defender seus egos durante esse tempo.

Enfim, que venha o Brasília Cargo. Ao menos é uma solução sem firulas e está pronta.

Grande Abraço.

Claudio Moreno
Visitante
Member
Claudio Moreno

Boa noite senhores.
Eu vejo com muito bons olhos o C97 no EB. Em algumas situações táticas, seria legal o EB dispor de uma aeronave de asas fixas para o transporte de tropa fracionada e material.
CM

juarezmartinez
Visitante
Member
juarezmartinez

Rafael Oliveira 19 de dezembro de 2014 at 17:09 # Mas Juarez a MB quer que seu avião de transporte pouse e decole no NAe SP, o que acredito que o Brasília não faça. Se o NAe irá navegar e se os Traders irão pousar e decolah nele são outros quinhentos, mas esse é o desejo da MB,o qual guia seu planejamento e suas ações Caro Rafael! Peço desculpas por ter me expressado de forma errada e não explicar a minha linha de raciocínio. Esta aeronave seria ideal para a MB fazer ligação, cargo, transporte VIP, se utilizando de um… Read more »