terça-feira, junho 22, 2021

Gripen para o Brasil

Mísseis de curto alcance podem abater aviões comerciais, afirma especialista

Destaques

Dinair Alves
Diretora de Marketing da Trilogia Forças de Defesa

malaysiacrash021_2978759c

ClippingNEWS-PASegundo Roque Monteleone, professor da Unifesp e ex-perito de Comissão Especial do Conselho de Segurança da ONU, tais armamentos não têm controles específicos, o que facilita a sua utilização.

 

FONTE: CBN

- Advertisement -

7 Comments

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Iväny Junior

10 mil metros de altura e 800km/h?

Existe um Manpad que utilize sidewinder?

Carlos Alberto Soares

SAM/Buk, é a indicação …..

Há destroços num raio de 15 km já confirmado, portanto ….

Parece que está cheirando para as milicias “disfarçadas” e apoiadas por Putin.

Na verdade tropas russas, lembram-se da Crimeia….

Alguém bebeu vodka demais, vai dar mer ……

Joner

Concordo com o Sr. Ivany Junior, mas se foi atingido, foi detectado por radares, pois na situação atual da região, não faltam radares “varrendo o ceu”.
Acredito mais em atentado terorrista, do modo clássico, (uma bomba a bordo), o que se confirmado, pode ser seriamente tido como o motivo do desaparecimento do outro jato da mesma empresa.
Atingir com missíl um jato civil em meio a um conflito não seria exatamente o que os governos envolvidos no conflito querem, pois é fácil identificar o local de lançamento, (mas não quem disparou).

(Somente “achismo” meu). 🙁

Marcelo Pamplona

Boa tarde a todos.

Já começaram com a operação “vai que é sua, Taffarel”? Cedo assim?!

Oras, é muito mais fácil (e preferível) imputar o possível abate de uma aeronave civil a rebeldes do que a países… “consequências imprevisíveis” de uma guerra civil… evita-se tantos “problemas” ao se fazer isso…

Chegaria a ser risível, se não fosse trágico pela perda de vidas inocentes…

Sds.

Almeida

Não, caro “especialista”, um MANPADS não tem como abater um avião comercial em altitude e velocidade de cruzeiro. Tá falando asneira.

joseboscojr

Almeidão,
O perito da ONU está misturando as coisas e complicou quando citou a proibições aos mísseis de ataque com 300 de alcance.
Na conversa fica evidente que de “curto alcance” ele se refere a mísseis como o Patriot, Buk ou S-300, que possuem menos de 300 km de alcance.
Ele foi infeliz e a jornalista entende do assunto igual eu entendo de física quântica.

Iväny Junior

Joner

Acredito que foi abatido por uma bateria de mísseis antiaéreos clássicos, ou terrorista dentro do avião.

Lamento pelos cientistas. Um grande pesquisador que procurava a cura da AIDS viajava no avião. O avião estava indo para um congresso anti-aids na Austrália.

Reportagens especiais

Uma morte espartana – testes de tiro real com mísseis ar-ar

Ninguém quer acabar sua carreira por baixo. Muitas vezes, os atletas profissionais vão se aposentar anos mais cedo para evitar...
- Advertisement -
- Advertisement -