terça-feira, outubro 4, 2022

Gripen para o Brasil

AgustaWestland vai modernizar 8 helicópteros Super Lynx da Marinha do Brasil por 160 milhões de dólares

Destaques

Alexandre Galante
Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

AH-11-Super-Lynx_01

A AgustaWestland anunciou que a Aviação Naval da Marinha do Brasil assinou um contrato para uma grande atualização de meia-idade de oito helicópteros Lynx Mk21A. Veja nota completa no blog do Poder Naval.

- Advertisement -

5 Comments

Subscribe
Notify of
guest

5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rinaldo Nery

Excelente notícia. Os LYNX são máquinas espetaculares. Foram as primeiras aeronaves militares brasileiras a utilizarem RWR e chaff/flare dispenser, antes dos A-1.
Na época que servi na Macega, o HA-1 era o Esquadrão de elite.

Guilherme Poggio

O HA-1 ainda é um esquadrão de elite. Tudo bem que agora o HS-1 voa nada mais nada menos que o Seahawk, mas o Super Lynx ainda é o “caça” dos helicópteros da ForAerNav.

Lembrando também que o Lynx também foi a primeira aeronave brasileira a ter datalink (com as fragatas Mk10).

Rinaldo Nery

Bem lembrado, Poggio. Perdi um grande amigo lá, o Eduardo (ex EPCAR), que bateu na pedra lá em Rio Bonito, naquele voo de avaliação de NVG. Não sobrou nada do Lynx.

Almeida

De 14 para 8. Uma pena! Poderiam ter feito como da última vez e comprado uns Wildcats novos enquanto reformam os Super Lynx usados para o mesmo padrão.

Se bem que não tem mais fragata para eles operarem mesmo… 8 dão conta!

Almeida

Agora, U$ 20 milhões por cabeça ficou meio salgado hein?

Últimas Notícias

Força Aérea das Filipinas tem apenas 5 dos 12 caças FA-50 em operação

MANILA, Filipinas - Mais da metade dos caças leves FA-50 da Força Aérea das Filipinas (PAF) 12 estão atualmente...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -