Home Nota Oficial Nota oficial da Defesa Suíça sobre o referendo que disse ‘não’ ao...

Nota oficial da Defesa Suíça sobre o referendo que disse ‘não’ ao Gripen

111
24

Testes de canhão do Gripen C - foto 2 Depto de Defesa da Suíça

Os eleitores disseram não ao Gripen. Em 18 de maio de 2014, os eleitores suíços rejeitaram a lei sobre o fundo Gripen. O Conselho Federal e o Parlamento deverão agora examinar as alternativas para resolver as lacunas em matéria de segurança.

O povo não aprovou o projeto do Conselho Federal para a aquisição de 22 caças Gripen E. “Essa decisão cria uma lacuna em matéria de segurança. Nos empenharemos para resolver em tempo essa lacuna, dado o contexto difícil. Nos próximos meses, vamos avaliar diversas alternativas para garantir a melhor solução para a prontidão das Forças Armadas “, disse o conselheiro federal Ueli Maurer.

A análise e o processo político demandarão tempo. Só então será possível apresentar propostas de como garantir a proteção do espaço aéreo após a saída de serviço do F/A-18 em 2025. Em seguida o Conselho Federal e o Parlamento vão tomar uma decisão para suprir a lacuna em matéria de segurança.

FONTE / FOTO: Departamento de Defesa da Suíça (tradução do Poder Aéreo a partir de original em italiano)

Subscribe
Notify of
guest
24 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Guilherme Poggio
Editor
6 anos atrás

Nos próximos meses, vamos avaliar diversas alternativas para garantir a melhor solução para a prontidão das Forças Armadas

Eu acho melhor eles se preocuparem, EM PRIMEIRO LUGAR, com uma vigilância do espaço aéreo 24h com o que tem (ou seja F/A18) ao invés de procurarem alternativas para financiar a compra do Gripen.

Em relação ao assunto Defesa, não adianta colocarem o Gripen em atividade e ele só voar de segunda a sexta das 8 às 17 (com intervalo para o almoço).

Mais informações em:

http://www.aereo.jor.br/2014/02/17/cacas-da-suica-nao-decolaram-para-interceptar-aviao-sequestrado/

Guilherme Poggio
Reply to  Fernando "Nunão" De Martini
6 anos atrás

Sim Nunão, entendo perfeitamente. Mas existe um problema na Suíça hoje (falta de alerta 24h) e existirá outro problema amanhã (envelhecimento da frota de F/A-18). Ambos já foram colocados aqui no Poder Aéreo diversas vezes. O que eu vejo é que o “problema de amanhã” foi colocado em votação popular antes de se discutir o “problema de hoje”. O mais certo seria juntar assinaturas para forçar um plebiscito para o aumento dos recursos da Força Aérea e assim ter um alerta 24h. Caso aprovado em plebiscito, o governo colocaria em ação o plano o mais rápido possível (muito antes de… Read more »

cvn76
cvn76
6 anos atrás

Nunão!

O pior é que os políticos (a maioria) nem sentem vergonha por isso….

Muito pelo contrário; muitos acham que é um passo correto para termos um mundo melhor, mais pacífico e humano!!

No noticiário local, até apareceu um dizendo que faz parte da estratégia de abolir as forças Armadas.

E se voce tentar conversar com um sujeito desses, ele em 2 minutos vai te chamar de “extrema direita”, “nazista”, “militarista”, “membro do complexo industrial-militar” entre outros adjetivos…..:-)

Eder Albino
Eder Albino
6 anos atrás

O plano”B” vai ser menos complexo do que se imagina. A solução será o leasing de caças Gripen C/D.

juarezmartinez
juarezmartinez
6 anos atrás

Nunão, deixa chegar o inverno, melhor época para o Putin fazer uma extorsãozinha com uma parte do eurobambis se cagando medo de morre rde frio sem gas, ele dá um tapa e anexa a Ucrãnia e mete o bico da bota na Eslovaquia e na hungria , aí eu quero ver este s bichas tresloucadas da Suíça se cagarem de perna abaixo e ligarem para Londres ou para o Tioi Sam pedindo guarda chuva pelo amor de Deus. Bom ái é hora de colocar esta tropas bambis como bucha de canhão para enfrentar os russos e ver o que é… Read more »

Mauricio Silva
Mauricio Silva
6 anos atrás

Olá.

Caros, os suiços escolheram, fizeram a opção deles. Ponto. Cabe ao governo acatar e, a partir dai, escolher a melhor opção.
O povo expressou sua opinião, viva a democracia!
O que vai acontecer depois, também é responsabilidade deles. Mais perfeito, impossível.
SDS.

Vader
6 anos atrás

Kkkkkkk, de fato essa foi a melhor do dia, hehehe…

Marcelo Pamplona
Marcelo Pamplona
6 anos atrás

Nunão, Nunão;

Depois sou eu que gosto de torcer pela “desgraça” alheia, vê lá! Não vá azedar sua amizades, meu caro!

😉

On toppic:

Conforme consta em outro tópico, fica claro que a Suíça só adiou a aquisição do Gripen, já que os dirigentes suíços já se manifestaram em procurar outras formas de possibilitar a resolução do problema na Defesa, seja compra, seja leasing da aeronave. Chegaram a mencionar o Brasil no texto, ou seja, não admitirão publicamente (custo político), mas sabem que o povo fez “caca”.

Sds.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
6 anos atrás

Essa onda pacifista parece aqueles tempos ingenuos pré Segunda Guerra Mundial. Vejam o que aconteceu na Ucrania. Será que não aprenderam?

Iväny Junior
6 anos atrás

Bem, a Suíça tem se esforçado para não ser de lado algum, para ser neutra. É (e já foi muito mais) adorada por ambos os lados, a instituição “banco suíço” é uma delícia para muita gente sapeca.

Sendo que neutralidade tem um preço. E tem que ser imposta de certa forma. Finlândia e Suécia fazem muito bem por aquelas bandas. Porém a tendência inicial da população era pelo “não”, e, eu mesmo pensei que essa tendência seria vencida pelos ataques russos à Ucrânia. Chegou perto, mas não foi o suficiente.

cvn76
cvn76
6 anos atrás

Algo muito importante que não foi mencionado até agora: Não foram somente os partidos e organizações de esquerda que fizeram campanha contra o Gripen. Muita gente do centro e de direita também fizeram campanha pelo “não” por não considerarem o melhor caça; eles preferiam o Rafale ou o Eurofighter. Lendo os jornais agora pela manhã, muitos de direita se demonstraram contentes com o resultado de ontem!! Assim eles esperam que uma novo processo de compra se realize e que desta vêz ganhe um “avião de verdade”….muitos sonham com o F-35!! Ou seja, não foram somente “as bichas tresloucadas” culpadas pela… Read more »

Marcelo
Marcelo
6 anos atrás

Fernando “Nunão” De Martini 18 de maio de 2014 at 15:58 #

pois é! Acho que essa situação suíça mostra, de certa forma, o quão foi correta a decisão de modernizar os F-5 da FAB, alguns anos atrás…quem não tem cão caça com gato.
Mas não acredito que os suíços seguirão esse caminho…
Alguém escreveu que poderiam fazer leasing de Gripens C/D, parece mais provável. Resta saber quantos estão disponíveis para isso.

Abraços.

thomas_dw
thomas_dw
6 anos atrás

Este referendo desmoralizou as FA deles, uma nova concorrência nao vai ocorrer tao cedo, talvez em dois ou tres anos eles pensem em iniciar uma nova.

Os fabricantes nao vao querer gastar dezenas de milhoes de dolares tao cedo para ganhar e outras dezenas de milhoes para negociar o contrato vencedor para ver um novo cancelamento.

Os F-18 e F-5 deles vao continuar ainda um bom tempo dando expediente das 9 as 5, de Segunda a Sexta.

cvn76
cvn76
6 anos atrás

E com pausa para o almoço; ninguém é de ferro…..:-)

Flighting Falcon
Flighting Falcon
6 anos atrás

Atualmente não precisam, daqui uns dias quem sabe.

Corsario137
Corsario137
6 anos atrás

Já tem parlamentar brasileiro dizendo que não manda mais dinheiro pra Suíça, que não se sente seguro 😉