terça-feira, agosto 3, 2021

Gripen para o Brasil

Governo tcheco oferece caças Gripen para proteger países da OTAN que fazem fronteira com a Ucrânia

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

França também fez a mesma oferta com seus caças Mirage 2000 para países membros da OTAN próximos à Ucrânia.

 

Gripen no Báltico- foto 2 D Schreier - Forças Armadas da República Tcheca

A França e a República Tcheca tornaram-se os mais recentes países da OTAN para oferecer proteção com aviões de caça aos membros da aliança preocupados com a situação na Crimeia e as contínuas movimentações de tropas russas na fronteira oriental da Ucrânia.

Em 22 de março, o governo francês disse que vai reforçar a próxima missão de policiamento do Báltico Baltic Air com o caças e aeronaves de alerta aéreo antecipado. No dia seguinte, o governo tcheco disse que iria enviar aviões de combate para ajudar a proteger o espaço aéreo dos países que fazem fronteira ou estão próximos à Ucrânia se for solicitado a fazê-lo.

Segundo a imprensa nacional, a França anunciou que está disposta a enviar caças Dassault Mirage 2000 e aviões AWACS (Airborne Warning and Control System) Boeing E-3F para apoiar caças poloneses MiG-29 ‘Fulcrum’ na Base Aérea Siauliai em abril. O Reino Unido também se ofereceu para enviar Eurofighter Typhoon para apoiar este destacamento da Força Aérea polonesa, mas está aguardando uma resposta da OTAN.

Por sua parte, o governo tcheco anunciou que está disposto a usar seus caça Saab Gripen C para proteger o espaço aéreo dos países que fazem fronteira com a Ucrânia caso seja solicitado. A TV National citou o ministro da Defesa Martin Stropnický dizendo que as conversas para patrulhar as fronteiras da Roménia com a Ucrânia estão sendo realizadas.

As ofertas dos franceses e dos checos para apoio com aviões de combate são os últimos de uma série de movimentos regionais similares e implementações reais projetadas para fornecer material e apoio psicológico para os membros do Leste da OTAN que estão nervosos assistindo os acontecimentos na Ucrânia e na Crimeia. Eles também têm a intenção de enviar uma mensagem para o presidente russo Vladimir Putin em quaisquer novas incursões por suas forças em território ucraniano.

A Força Aérea dos EUA já reforçou seu destacamento atual no Báltico composto por quatro Boeing F-15C Eagle com mais seis aeronaves, e enviou outros 12 F-16 Fighting Falcon para a Polônia. A OTAN e o Reino Unido também enviaram Boeing E-3 para patrulhar o espaço aéreo da Europa Oriental.

mapa ucrania

FONTE: IHS Jane’s (tradução e edição do Poder Aéreo a partir do original em inglês)

NOTA DO EDITOR: conforme pode ser visto no mapa acima, a República Tcheca não faz fronteira com a Ucrânia

VEJA TAMBÉM:

 

- Advertisement -

5 Comments

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Observador

A Polônia terá toda a ajuda que quiser da vizinha Alemanha, que vai querer manter os russos o mais longe possível.

O que os tchecos estão fazendo é estender a sua mão para a Eslovênia, pois esta sim faz fronteira com a Ucrânia.

Temos que lembrar que a República Tcheca e a Eslovênia já foram um único país. E que sentiram o quanto pesam as botas russas.

Nada como uma ameaça comum para curar velhas feridas e aproximar vizinhos.

Luis

Observador, a República Tcheca formou com a Eslováquia a Tchecoslovaquia. A Eslovênia fêz parte da Iugoslavia, junto à Sérvia, Croácia, Montenegro, Bósnia-Herzegovina, Kosovo e República da Macedônia.

Eslováquia e Eslovênia nem ao mesmo fazem fronteiras entre si.

Observador

É verdade, Luiz. É a Eslováquia a que me referi.

Inclusive, está no mapa (Slovakia).

É que é muito “Eslo”, “vina”, “váquia” e “ênia” para um só vivente guardar de memória.

Vai ver que é por isto mesmo que aquela turma de lá não se entende e não para de brigar!

shambr

um ataque a polonia culminera em uma Guerra nuclear a polonia ja luta contra alemaes e russos a mais de 1300 anos desde a sua fundacao em 700 ac a polonia venceu varias batalhas alemao italiano russos mongois turcos derrotamos todos eles ataquem a polonia e serao milhoes a morrer quem manda no mundo sao os Yankees naum a nada que antigos inimigos derrotados possam fazer a polonia e a presidenta da comunidade europea 73 milhoes de mortes para nada hoje somos nois no poder kkkk

Delfim Sobreira

Que foi que ele disse, que foi que ele disse ? (Vigarista, Dick)

https://www.youtube.com/watch?v=Lv9i17Tca4k

Últimas Notícias

Pilotos russos usaram receptores GPS feitos nos EUA durante missões de combate na Síria

Pilotos militares russos usaram receptores comerciais GPS de navegação por satélite durante suas operações de combate na Síria, de...
- Advertisement -
- Advertisement -