Home Noticiário Internacional Na vertical, lado a lado

Na vertical, lado a lado

158
14

F-35B lado a lado - foto US DOD

Dois F-35B voaram em formação cerrada pela primeira vez no início do mês de fevereiro. Os pilotos Peter Wilson e Dan Levin voaram com o LiftFan acionado. A missão tinha como propósito medir os efeitos de uma aeronave sobre a outra e garantir que elas possam operar em formação em segurança em um ambiente operacional.

14
Deixe um comentário

avatar
14 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
6 Comment authors
Iväny JuniorCarlos Alberto SoaresTadeu MendesVaderjoseboscojr Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Marcos
Visitante
Member
Marcos

Suponho que a segunda porta na parte superior seja uma tomada direta de ar para o motor, evitando em parte a reentrada de gases provenientes do escapamento.

Agora, o FAN deve girar a uma velocidade altíssima, já que não conta com os gases e pressão de um motor normal e os esforços que a caixa de engrenagens deve sofrer é gigantesco.

joseboscojr
Visitante
Member
joseboscojr

O sistema adotado pelo F-35B é o que se denomina “sustentação remota”. A sustentação remota se dá quando o empuxo gerado pelo motor é empregado distante fisicamente dele. No caso do F-35B se usou um eixo para fazer girar um “fan”. Outros tipos possíveis usam apenas dutos que levam ar sob pressão para saídas dispostas remotamente, geralmente associadas a “painéis” que sugam mais ar devido ao fenômeno de “aderência” das moléculas de ar. Foi usado no XFV-12 Esses sistemas podem ou não ser associados a “combustores” que adicionam combustível à massa de ar sob pressão e provocam sua queima, aumentando… Read more »

Vader
Visitante

Belíssima imagem desta que será, não me canso de dizer, a mais revolucionária aeronave da primeira metade do século.

Marcos
Visitante
Member
Marcos

É, Vader, apesar dos problemas, o salto que os gringos estão dando é gigantesco.

O B.787 está para aviação civil como o F-35 está para aviação militar.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Member
Carlos Alberto Soares

B 787 ?

Huumm !

Voltaram a voar ?

Pagaram as compensações por terem ficado “no chão” ?

Sou admirador e respeito muito a aviação militar e civil dos USA, mas bateria com fumaçinha é demais !

Resolveram os problemas das asas ?

Joça 35

Vaderdade, até 2050 estará 100%, por uns U$$ trocentos trilhões. rs.

Vader
Visitante

Marcos, o A e o C serão excelentes aeronaves, que garantirão a supremacia americana por décadas.

Mas o B – STOVL será uma verdadeira revolução em CAS e nas missões mais afeitas ao âmbito tático do que ao estratégico. É a ele, especialmente, que me refiro.

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

Carlos Alberto Soares,

O Dreamliner B-787 esta voando normalmente.

Quanto a F-35…voce sabe do esta falando???

Vai estar operacional nao tenha duvidas. Os de Israel ja estao encomendados….foram os primeiros a encomendar, e provavelmente serao os primeiros a entrar em combate.

E o Brasil vai voar o que???? Gripen…forever.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Member
Carlos Alberto Soares

Tadeu Mendes Você não leu meu post, deve ser confusão com o idioma depois de tantos anos …..Leia devagar, talvez …. “Sou admirador e respeito muito a aviação militar e civil dos USA, mas bateria com fumaçinha é demais !” “Pagaram as compensações por terem ficado “no chão” ?” “Resolveram os problemas das asas ?” Estão voando dentro de todas as capacidades e vantagens anunciadas ? Ou há algumas restrições ? Vou repetir, leia devagar ,,,, Sou admirador e respeito muito a aviação militar e civil dos USA. Entendeu ? Gripen ?? Errou feio. Tem dezenas de afirmações minhas no… Read more »

Carlos Alberto Soares
Visitante
Member
Carlos Alberto Soares

Corrigindo, ]

sabemos que a opção não foi do GF e sim da FAB, como a alternativa de apaziguamento.

A FAB pelo que se comenta também era SH.

Tadeu Mendes
Visitante
Member
Tadeu Mendes

Carlos Alberto,

Nao me referi ao Gripen pensando em voce, mas no futuro da aviacao de combate do Brasil, se comparada aviacao de combate dos EUA. Desculpe.

Tambem estou consciente e ja comentei aquie no site, sobre pessoal da IASF (Israel Air and Space Force), e alguns “tecnicos” que estao por aqui preparando o terreno para algumentar as capacidades operacionais e de combate dos F-35.

Quanto ao Dreamliner, nao posso dizer se pagaram ou nao pagaram aos operadores do jato, pelo tempo em que os mesmos estiveram sem poder operar.

Shalom Adonai.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Member
Carlos Alberto Soares

Tadeu Mendes

Aviação militar USA

http://www.cadillac.com/escalade-suv.html

Aviação militar Brazil

Tem uns até bonitos, recauchutados, mas agora com o corte de R$ U$$ no MD, nem sei como ficaremos.

Certamente a FAB é a menos culpada, mas …. ops num pode falar de política, foi decisão técnica tá. rs

https://www.google.com.br/search?q=gordini+a+venda&espv=210&es_sm=93&tbm=isch&tbo=u&source=univ&sa=X&ei=n9gOU8eCF8iPkAeR6YCADA&ved=0CEQQsAQ&biw=1280&bih=699

Carlos Alberto Soares
Visitante
Member
Carlos Alberto Soares

Shalom Aleichem

Iväny Junior
Visitante
Member

Eu não acredito que ele superará seu predecessor imediato, o f-22 raptor. Acredito que existirá outra aeronave de 5ª geração muito boa, antes dos “não tripulados”. A máquina de guerra que dispor em grande número de veículos “não tripulados” e com capacidade de combate igual (no mínimo) à capacidade humana vencerá toda e qualquer batalha. A guerra não se sustenta por que custa vidas, parando de custar estas vidas, calam-se a maioria dos opositores. Quem chegar a este ponto primeiro vai ter um verdadeiro poder de barganha. Por enquanto, os dois cachorros grandes que em termos de numeros podem sustentar… Read more »

Iväny Junior
Visitante
Member

Continuando (abertei tab sem querer e submitou)… E o brasil é a “profissional” mais barata dessa zona.