quinta-feira, junho 17, 2021

Gripen para o Brasil

Boeing começa a montar quarto e último KC-46 de teste

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

KC-46 reabastece bombardeiro B-2 em voo - foto USAF

A Boeing está montando a quarta e última aeronave de teste KC-46A na fábrica de Everett, mantendo o cronograma de entregar os primeiros 18 reabastecedores a Força Aérea dos EUA (USAF) até 2017.

“Todas as quatro aeronaves de testes estão se movendo pela linha de produção para apoiar os ensaios em voo ainda este ano”, disse Maureen Dougherty, vice-presidente da Boeing e gerente do programa KC-46 Tanker.

O primeiro voo de um KC-46 do programa de ensaios, sem os seus sistemas de reabastecimento aéreo, deverá ocorrer no meio do ano, seguido pelo primeiro voo de um KC-46A no início de 2015. A primeira entrega de uma aeronave de produção para a Força Aérea está prevista para início de 2016. A Boeing espera construir 179 aeronaves até 2027, se todas as opções nos termos do contrato forem exercidas.

FONTE: Boeing (tradução e adaptação do Poder Aéreo a partir do original em inglês)

- Advertisement -

14 Comments

Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Carlos Alberto Soares

Éh, nossos 02/3 KC 767 IAI estão “chocando’, um dia a casca quebra.

Com dois C 130 indo para o Chile, estamos a pé ops sem KC ou aerotransp de médio/grande porte.

Ficaram os Amazonas.

Quantas ? Até 179 !

Esses americanos, esses americanos, parece que queriam “doar” uns 04 ou 06 KC 707 para nós, precinho simbólico coisa e tal, mas daqui 04 anos vamos ter o 1° KC 390, é primeiro, até lá é rezar para a IAI nos ajudar com um trabalho bem rápido, se sair né.

Galeão Cumbica

Off off

http://rafalenews.blogspot.com/2010/10/bad-news-on-rafale-export-front.html

nao eh so o Rafale que tira aquelas fotos!

sds
GC

Carlos Alberto Soares

“Galeão Cumbica
19 de janeiro de 2014 at 4:01 #

Off off”

CZECH AIR FORCE ?

Não assusta, mais impõe respeito. kkkk rsrsrsrs

Marcos

Pergunta, que não tem nada haver com artigo, mas tenho de saber:

– Enquanto não chegam os Gripen E/F, não daria para pegar como tampão uns 36 F-18 E/F, novos de fábrica?

Marcos

Esquece os F-18!

– Enquanto não chegam os Gripen E/F, não daria para pegar como tampão uns 36 EF2000 T.3, novos de fábrica?

Carlos Alberto Soares

Compra-se 12 Kfir Block 60, em 12/24 meses terás todos,

Quando começarem a chegar os G NG, começa-se formar um esquadrão com eles na BAMN.

Os 02/3 MRTT 767(IAI) tem que estar em sintonia urgente.

bitt

CAS, perguntar não ofende… De onde vc tirou a ideia de que o GF/FAB haveria de utilizar aeronaves novas como solução temporária, independente de quais forem as ditas? Seria uma solução um tanto bizarra, me parece. Qto ao Kfir, faz mais sentido, já que todo mundo parece ter ficado entusiasmado pelo fato do caça ser oferecido com um radar AESA. Por sinal, acho q o Poggio ou o De Martini poderiam, eventualmente, esclarecer o que realmente é um “radar AESA” e pq a existência de um numa aeronave usada provavelmente seria uma solução apenas um pouco melhor do que os… Read more »

Marcos

“De onde vc tirou a ideia de que o GF/FAB haveria de utilizar aeronaves novas como solução temporária, independente de quais forem as ditas? Seria uma solução um tanto bizarra, me parece.” – Óbvio que fui irônico com a pergunta. Deixar de escolher determinada aeronave para, em seguida, sem compensações, ToT, sem nada, comprá-la de prateleira seria o cúmulo do cúmulo. E porque coloquei o F-18? Porque, opinião minha, achismo mesmo, o F-18 era, não só o mais barato, mas o com melhor pontuação. De onde tirei isso? Da recusa de Amorim em dizer como ficou a classificação das três… Read more »

André Sávio Craveiro Bueno

Embora fugindo ao conteúdo do post, minha opinião sobre tampax é que eles devem necessariamente ser Gripen C/D porque, entre outras coisas, ao pegar a mão de pilotagem desses, o oficial estará bem próximo do que será voar em um Gripen E. Não há qualquer outra hipótese.

Carlos Alberto Soares

“bitt 20 de janeiro de 2014 at 9:24 # CAS, perguntar não ofende… De onde vc tirou a ideia de que o GF/FAB haveria de utilizar aeronaves novas como solução temporária, independente de quais forem as ditas? Seria uma solução um tanto bizarra, me parece.” Caro bitt, desculpe-me, mas onde você viu tal afirmação da minha parte ? Não encontrei ! Quanto aos Kfir, já havia exposto este assunto anteriormente no PA. A comunalidade do suporte “de chão”/hangar que já temos, vetor em canard/delta, armas do Tio David etc …. tem muito haver. Tio David aceita todas as células e… Read more »

Carlos Alberto Soares

Antes que citem novamente,

O RADAR É O AESA EL/M-2052.

Carlos Alberto Soares

Reportagens especiais

Força Aérea Italiana comemora os 30 anos do AMX

O jato de ataque AMX "Ghibli" italiano fez 30 anos e os italianos comemoraram o aniversário em grande estilo. Em...
- Advertisement -
- Advertisement -