quinta-feira, junho 17, 2021

Gripen para o Brasil

Embraer seleciona aeroporto da Flórida para fazer aviões

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Legacy 450 e 500 - imagem Embraer

O objetivo é produzir o avião executivo Legacy 450 e 500

 –

O governador do Estado norte-americano da Flórida, Rick Scott, afirmou nesta quarta-feira, 30, que a Embraer decidiu fabricar seus jatos Legacy 450 e 500 no Aeroporto Internacional de Melbourne, o que deve criar 600 empregos e gerar US$ 28 milhões em investimentos. Uma decisão final ainda depende, porém, da aprovação das parceiras locais da companhia.

O anúncio foi feito no próprio aeroporto, em um evento que contou com a participação do presidente e executivo-chefe da Embraer, Frederico Curado. Segundo Lynda Weatherman, presidente da Comissão de Desenvolvimento Econômico do programa Space Coast, há cinco anos a Embraer trabalhava em parceria com a comissão para instalar a fábrica no local.

Voa terceiro protótipo do Legacy 500 - foto Embraer

ClippingNEWS-PA“Os jatos Legacy 500 e 450 incorporam o pensamento visionário que é a marca da Embraer e se encaixarão perfeitamente no nosso rico histórico de construir aeronaves de ponta”, afirmou ela, segundo comunicado divulgado no site do governo da Flórida.

No evento, Curado disse que a Embraer está muito satisfeita com o sucesso da linha de montagem do modelo Phenom no aeroporto de Melbourne. “Nós estamos prontos para dar o próximo passo aqui, ao expandir a operação e incluir a montagem dos Legacy 450 e 500, para atender às necessidades do nosso maior mercado”, comentou.

FONTE: Exame, via Notimp

IMAGENS: Embraer

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

2 Comments

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos

A Embraer está de olho é no pessoal altamente capacitado que trabalhavam no programa SpaceShuttle e que hoje estão disponíveis no mercado local.

Mauricio R.

Até tu, Embraer:

“…a investigação conduzida por autoridades do Brasil e dos Estados Unidos nos últimos três anos sobre uma suposta propina paga pela Embraer para obter um contrato de venda de aviões à Força Aérea da República Dominicana.”

(http://br.yahoo.com/_ylt=ArgFlIuJQUvee3QQgi.YMCqU7q5_/RV=1/RE=1384694709/RH=YnIueWFob28uY29t/RO=2/RU=aHR0cDovL2JyLmZpbmFuY2FzLnlhaG9vLmNvbS9ub3RpY2lhcy9hdmFuJUMzJUE3YS1pbnZlc3RpZ2ElQzMlQTclQzMlQTNvLWVtYnJhZXItMTAxOTAwNjk5LS1maW5hbmNlLmh0bWw-/RS=%5EADAjD3s.UfAiOCUAm40LpKRETqvhwQ-)

Reportagens especiais

Saab Press Trip 2019 – parte 2

Entrega do primeiro Gripen E brasileiro Por Guilherme Poggio Linköping é uma cidade pequena para os padrões brasileiros (possui cerca de...
- Advertisement -
- Advertisement -