terça-feira, dezembro 7, 2021

Gripen para o Brasil

‘IstoÉ’ e ‘IstoÉ Dinheiro’ destacam negociação de caças com os russos

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

DSC_0189 - Su-35 TVC cauda - FOTO JF AURAN

A revista semanal IstoÉ e a revista semanal sobre Economia e negócios IstoÉ Dinheiro publicaram notas sobre as negociações do braslil com a Rússia no campo militar. Veja abaixo a transcrição das mesmas. O destaque fica por conta da eventual oferta de caças Sukhoi Su-35 para substituir os Mirage 2000.

Vale dizer que algumas informações contrastam com o que foi publicado por outros meios de comunicação. Por exemplo, a segunda reportagem abaixo diz que “equipamentos estarão disponíveis já em 2014, para uso antes da Copa do Mundo”, enquanto matéria do Brasil Econômico (clique aqui para acessar) afirma, a respeito das baterias antiaéreas Pantsir S-1, que “o equipamento ficará pronto em 18 meses, contados a partir da assinatura do contrato. Logo, não chegará ao país antes da Copa do Mundo, mas poderá ser utilizado nos Jogos Olímpicos”. Clique nos demais links da lista ao final para ver diversas as versões sobre o mesmo assunto, e tire suas próprias conclusões.

‘Compra de armas, negociação de caças e acordo antiespionagem’

por Antonio Carlos Prado e Elaine Ortiz

Foi produtiva a visita do ministro da Defesa da Rússia, Sergei Shoigu, ao Brasil. Mesmo sem assinar o contrato – que só será formalizado em 2014 –, ficou estabelecida a compra de R$ 2 bilhões em armas antiaéreas russas. A cooperação militar foi aprofundada também no que se refere à negociação da aquisição dos caças, em andamento desde 2001.

Pelo acordo, o Brasil poderá receber o Sukhoi-35 para substituir seus Mirage-2000, que serão aposentados ainda este ano, até o Sukhoi T-50 (foto abaixo) atingir estágio operacional em 2016. Os países também formaram um grupo de trabalho para sugerir soluções contra a espionagem informacional.

Russos nos céus brasileiros

por Hugo Cilo

As negociações entre o Brasil e a Rússia no campo militar, enfim, decolaram. Na quarta-feira 16, o governo brasileiro fechou um contrato de US$ 1 bilhão para a compra de baterias antiaéreas e a construção conjunta de aviões de caça russos. Os equipamentos estarão disponíveis já em 2014, para uso antes da Copa do Mundo.

O ministro da Defesa, Celso Amorim, afirmou que o País, diante da cooperação bélica, está pronto também para ajudar a desenvolver em o projeto russo Sukhoi T-50, que já conta com cinco protótipos voando e que servirá de base para um outro modelo a ser produzido em parceria com a Índia. E mais: a indústria aeronáutica russa participará, a partir de agora, da concorrência para venda de caças à Força Aérea do Brasil, já disputada pelos modelos F/A-18, da americana Boeing, o francês Rafale, da Dassault, e o Gripen, da sueca Saab.

Sukhoi T-50 - protótipo - foto Sukhoi

FONTES: ISTOÉ e ISTOÉ Dinheiro

FOTO DE BAIXO: Sukhoi

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

28 Comments

Subscribe
Notify of
guest
28 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
solskhaer

Li essa matéria mais cedo e ela irá repercutir como uma “banana nova na feira” aqui no Poder ou seja, mera especulação prá mim!
Agora caso contrário, e aí Boeing, Dasault e Saab?!?!?!

Renan Ramos Balieiro

Sukhoi entrou na disputa do FX-2? Pode isso Arnaldo?

juarezmartinez

Agora juntou a fome com a vontade comer, ou seja as promessas Russas e as” compration news” da “Quanto é”, tá bom, tá ficando muito bom, só faltou combinar com a Copac e Comaer.

Grande abraço

Edgar

Como? Quanto absurdo junto! Tem repescagem agora no FX-2? Se for assim, que voltemos com o F-35!

Baschera

Acesa não !!!!!

Sds.

Nick

Essa “versão” da Isto é realmente é bem diferente (para não dizer divergente) dos outros veículos. 🙂

Resta saber se eles estão certos e os demais errados, ou vice-versa.

[]’s

Gilberto Rezende

O Sukhoi no FX-2 não existe dito pelo próprio Ministro Amorim em entrevista conjunta com o Ministro Russo. Só caberia como uma aquisição de aeronave Tampão de prateleira… e poucas unidades (6 a 12)…

O que poderia ser verdade são as baterias anti-aéreas para a Copa do Mundo, pois fazer esta aquisição só para as Olimpíadas de 2016 me pareceu um anacronismo…

Aguardemos mais informações ou desmentidos…

joao.filho

QUe venham Su-35 sim!!! O que nao pode e continuar de F-5 de 40 anos de idade!!! Deixem de sonhar, para como estamos o que sair (se sair) esta muito bom.

Vader

Quanto é…

eduardo pereira

Será que virao estes super bichoes ? Nos dariam um poder de reaçao nunca experimentado pela Fab com um excelente vetor em maos , mas……………….como diriam os espartanos;
_ Isto é Brasil !!!!!

Sds.

Fighting Falcon

Que caça gigante.

Wagner

O tamanho dele me lembra muito Os Mig 31. Aliás, aquela coleção em que saiu os Mirage em Mig 31 é perfeita para verificar os tamanhos das aeronaves.

Veio o Phantow e eu comparei com o Mirage, e pensei : Nossa, o Phantow é grande !

veio o Mig 31 e eu fiquei espantando : Poxa vida, é um caça enorme ! nunca tinha me tocado do tamanho dele.

o bom de comprar ou construir maquetes é que vc tem a ideia real das dimensoes deles.

Observador

Senhores,

De acordo com a revistinha a serviço do partidinho, podemos concluir o seguinte:

Assim como o Julgamento do Mensalão, o FX-2 também tem embargos infringentes!

HMS TIRELESS

Mais uma vez Istoé justifica seu apelido: Quanto é!

Augusto

IstoÉ, quem não te conhece que te compre!

O histórico dessa revista é suficiente para mostrar que sua credibilidade é nula.

Wagner

Tudo isso é revolta contra a Istoé ?? Mas a Veja vc é um leitor assiduo, nao é mesmo, Tireless ?? Só pq a Istoé falou bem dos russos ? Ou pq ela tambem denuncia o PSDB ?? Cara, pare com essa neura, ninguem pode falar nada da Rússia que vcs começam de nhe nhé nhé ! Agora a revista atua para o PT, que ridiculo… Bom, se a VEJA atua para a Direita, a Istoé que atue pelo PT, pronto. Eu voto pelo equilibrio… Pronto, agora vcs podem fazer o relatorio e entregar para o o general do departamento… Read more »

Santana Denis

Nada contra os caças Russos, mas convenhamos é GIGANTE, chega ser estranho desproporcional para um caça, eu não consigo acreditar que temos estrutura, física e financeira para manter esses “Frankenstein”. Não consigo acreditar que a FAB tenha grana para “torrar” treinando seus pelotões para deixar pelo menos próximo dos que tínhamos com os Mirages e mesmo com os F-5, falando de doutrina, se já é complicado mander uma doutrina mínima com esses vetores imagina com esses monstros, EU NÃO CONSIGO VISUALIZAR ISSO, mas como a especialidade dos nossos governantes é “meter o pé na lama” esperemos os próximos capítulos.

Carcará 01

Como é?? receber SU-35 ano que vem?? T-50 operacional em 2016??

Essa turma tá fumando um capim legal viu…

Já não bastasse ser a Quanto É, agora tão viajando numa maionese estragada daquelas… Dá nem pra levar a sério, só serve pros vermelhuxos molharem as calçinhas sonhando em ver essas estrovengas esponjas de combustível (QUE A FAB MAL TEM PROS “FRUGAIS” F-5…) na Força… pfffff

Colombelli

Se fosse verdade a possibilidade ate que não seria ruim como tampão. Mas não é.

Cuida-se apenas de jogo de cena para preparar o clima para o defenestramento do FX-2.

Será cancelado ao argumento de participação em um projeto mais avançado para a candidata Dilma “pinóquia” roussef não sair queimada com o público.

Observador

Wagner21 de outubro de 2013 at 18:59 # A revolta é porque a revista em questão simplesmente NÃO é séria e suas reportagens são fraquíssimas, em especial em matérias sobre defesa e sobre assuntos científicos. Ainda lembro da revistinha DENUNCIANDO a preferência pelo Gripen lá no finado no FX-1, como se fosse um escândalo, sob o argumento estúpido de que o avião não tinha autonomia para cobrir o território nacional partindo de Brasília. É má-fé ou muito desconhecimento ignorar reabastecimento aéreo e a operação do avião a partir de outras bases aéreas pelo território nacional. Para quem gosta de ler… Read more »

Mauricio R.

Bem se aquele executivo de fronteira paquistanês, o que intermediou a venda e ajudou a manter os “Hinds”, estiver envolvido, quem sabe, pode ser.
No mais outras possível trapalhada, digna de Banânia!!!

Sniper

PSDB de direita??? parei aqui…

Exceto pelo fato de ser um partido gêmeo siamês do PT, pode estar COLADO a direita deste. rsrs

Sniper

O motivo que me leva a temer que esse NEGÓCIO possa ser, de fato, fechado com os Russos, é exatamente porque essa é a decisão mais irracional, estapafúrdia, anti-estratégica, dispendiosa, desvantajosa e geopoliticamente suicida que o nosso DESgoverno pode tomar contra o Brasil. Exatamente tais fatores exercem uma força hipnótica irresistível em meio a petralhada. Que outra decisão a ser tomada no FX-2 poderia representar uma ruína tão assegurada para a FAB? Pensem como se fossem os psicopatas de nossa nomenklatura que vocês poderão compreender o que vos falo.

Ivan

E como anda a “parceria estratégica” entre russos e indianos, Sukhoi e Hal, em torno do PAK-FA? O sítio portugues areamilitar trás algumas notícias: India descontente com negociações do PAK-FA O projeto de construção da versão indiana do caça Stealth Sukhoi T-50 (projeto conhecido na Rússia como PAK-FA) aparenta estar a enfrentar problemas, com russos e indianos incapazes de chegar a um acordo. Ainda que em Junho tenha sido dada por terminada a fase preliminar que deveria determinar as características do modelo indiano do T-50, a partir daí, os russos não apresentaram nenhuma proposta quanto à participação indiana no projeto,… Read more »

HMS TIRELESS

Ivan:

Penso assim também. Acho que deveriamos escolher o Gripen E mas já iniciar as tratativas com os suecos para levar adiante o projeto do FS 2020. Seria uma oportunidade única.

Vader

Sniper 22 de outubro de 2013 at 11:06 # “O motivo que me leva a temer que esse NEGÓCIO possa ser, de fato, fechado com os Russos, é exatamente porque essa é a decisão mais irracional, estapafúrdia, anti-estratégica, dispendiosa, desvantajosa e geopoliticamente suicida que o nosso DESgoverno pode tomar contra o Brasil. Exatamente tais fatores exercem uma força hipnótica irresistível em meio a petralhada. Que outra decisão a ser tomada no FX-2 poderia representar uma ruína tão assegurada para a FAB? Pensem como se fossem os psicopatas de nossa nomenklatura que vocês poderão compreender o que vos falo.” Esse comentário… Read more »

champs

Ivan, Também penso que o primeiro passo é este, escolher o Gripen E. Só acho que não devemos aguardar muito em relação à 5ª geração, os russos querem conversa porque precisam de dinehiro, na minha opinião, devemos fazer a mesma coisa que a India, sentar na mesa e negociar. O projeto do FS 2020 é outra opção interessante, só que começando do zero e sem um certeza que encontrará parceiros para financiar o projeto, no T-50 seríamos um sócio minoritário mas com a certeza de que o projeto sairia do papel e teríamos as aeronaves antes de 2030. Enfim, não… Read more »

Sniper

Vader,

Grato pela menção! Muito sucesso nos encargos e demandas pessoais que vao afasta-lo da trilogia – esperamos que por breve tempo -.

Saudações

Últimas Notícias

Desaer apresenta o ATL-300, turboélice para 40 passageiros

A nova fabricante brasileira Desaer apresentou nesta terça-feira (7) na 6º edição da Mostra BID Brasil o novo modelo...
- Advertisement -
- Advertisement -