domingo, maio 9, 2021

Gripen para o Brasil

Angola torna-se principal comprador africano de armas da Rússia

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Su-27 Angola_4

A Rússia assinou com Angola contratos militares no valor de um 1 bilhão de dólares (739 milhões de euros), fazendo de Luanda o principal comprador de armamentos russos na África, escreve hoje o diário Vedomosti.

Estes contratos preveem, nomeadamente, o fornecimento de 18 caças Sukhoi-30, que foram fabricados nos anos de 1990 e utilizados depois pela Índia, precisa o jornal, que cita uma fonte no seio da empresa pública responsável pelas exportações de equipamentos militares.

Os contratos foram assinados na semana passada durante uma visita de Dmitri Rogozin, vice-primeiro-ministro russo, a Angola.

O diário russo recorda que Angola manteve estreitos laços com a União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), que equipou as suas forças armadas nas décadas de 1970 e 1980 durante a longa guerra civil que atingiu o país.

Com o regresso da paz a Angola, em 2002, o Uganda passou a ser o principal cliente de Moscou no continente africano.

Dentro em breve, está prevista a venda de sistemas de defesa antimíssil ao Brasil e Peru, tentando compensar desse modo a diminuição de importação de armamento russo pela Venezuela devido a problemas econômicos, acrescenta o jornal.

As vendas de armas da Rússia aumentaram de forma considerável durante dez anos e atingiram, em 2012, um montante recorde de 15 bilhões de dólares (11 bilhões de euros), o que faz de Moscou o segundo fornecedor de equipamentos militares do planeta depois dos Estados Unidos.

FONTE: Lusa

- Advertisement -

7 Comments

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
joao.filho

Essa sim foi ótima. Agora até a Angola tem uma aviação de caça mais moderna que o Brasil. Mais quem sabe? Talvez daqui a cinquenta anos quando derem baixa na Angola, chegam ao Brasil.

Soldat

Até a Angola.está a nossa frente.. rsrsrs…….

Edgar

Soldat, em breve Angola irá nos ultrapassar em muitos quesitos, incluindo IDH, PIB per capita, Tecnologia da Informação, Segurança, etc., basta o Governo utilizar os recursos do “pré-sal” deles de uma forma mais produtiva, organizada e com foco em Educação e R&D, que você verá eles despontando como uma das economias mais importantes do continente. Em 1980 o IDH da Coréia do Sul (0.640) era um pouco maior ao atual de Angola (0.508), mas se avaliarmos a evolução do IDH de Angola desde o ano 2000 (0.375) podemos traçar um cenário onde ela alcance o da Coréia do Sul atual… Read more »

Apollo

Edgar, é improvável que Angola chegue até o patamar que você extrapola em seu comentário pelos seguintes motivos: a) O país saiu de nada para alguma coisa por isto a elevação brutal do IDH em tão pouco tempo. Era um pais arrasado e em sua maior parte ainda é; b) O país é uma ditadura na prática o que leva a crer que qualquer dado sobre IDH pode ser facilmente manipulado; c) O presidente não possui sucessor e está velho. Provavelmente após sua morte o país irá ter uma disputa extremamente acirrada pelo poder. E torço por seu povo para… Read more »

Edgar

Apollo, não me baseei em compra de armamento russo para meu comentário, e sim nos dados oficiais da evolução do IDH de Angola na ONU (http://hdrstats.undp.org/en/countries/profiles/AGO.html) e do início dos projetos de exploração do petróleo no pré-sal deste país (http://www.angonoticias.com/Artigos/item/39623/bp-angola-exploracao-do-ouro-negro-no-pre-sal-em-fase-experimental).

Com um governo com um bom projeto de Estado e, como você citou a idade avançada do presidente, um bom sucessor, não é improvável que Angola chegue ao patamar, no mínimo, igual ao do Brasil atual (0.730). Bastaria manter o ritmo de crescimento do IDH que apresentou nos últimos anos.

Wagner

Parabéns a Angola que tomou uma decisão muito inteligente.

Eles tem senso prático. Já nossa FAB , recheada de americanofilos, e nosso governo esquerdista do PT, são incapazes de comprar 36 caças.

Mais um usuario para os Su 30 !

Parabens a Rússia, mais um sucesso de exportação ( embora meio retrofitado…).

Mayuan

Edgar:

Só te digo uma coisa, não entra por esse caminho de estatística não rapaz. Números, se habilmente manipulados provam qualquer coisa que você queira.

Reportagens especiais

VÍDEO: Conheça o novo caça da FAB – Saab JAS 39E/F Gripen

  O Saab JAS 39E/F Gripen é o novo caça de nova geração (NG) da Força Aérea Brasileira e da...
- Advertisement -
- Advertisement -