Home Aviação de Transporte KC-135 realiza pouso de emergência após suspeita de vazamento de combustível

KC-135 realiza pouso de emergência após suspeita de vazamento de combustível

217
3

KC-135_foto-PA-poggio

Uma suspeita de vazamento de combustível de um avião de reabastecimento aéreo KC-135 da Força Aérea dos EUA (USAF) obrigou a tripulação do mesmo a realizar um pouso de emergência na ilha espanhola de Mallorca ontem (30/9).

O KC-135 Stratotanker pousou no aeroporto de Sol San Juan em Palma De Mallorca, segundo uma nota da embaixada dos EUA em Madri. A aeronave não apresentou danos e deveria deixar o aeroporto assim que o problema for reparado.

A aeronave, baseada em McConnell Air Force Base (AFB), estado do Kansas, decolou da base aérea de Moron (Força Aérea Espanhola), próximo da cidade de Sevilha.

Com mais de 50 anos de serviços prestados, a frota de reabastecedores KC-135 tem demonstrado o peso da idade. Stratotanker realizaram pousos de emergência neste ano em Wichita, Indiana e Tampa Bay, com relatos de falhas no trem de pouso e nos motores.

A USAF planeja substituir os Stratotanker pelos KC-46, que devem entrar em operação em 2017.

FONTE: Stars & Stripes (tradução e edição do Poder Aéreo a partir do original em inglês)

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Clésio Luiz
Clésio Luiz
7 anos atrás

Embora muitos tenham inveja da frota da USAF, do ponto de vista de quem esteve por lá nos anos 60/70, dá é pena. Boa parte da frota já passou muito do limite de vida útil estipulado pelo fabricante (B-52. KC-135, T-38, A-10, F-15C/D, boa parte da frota de F-16C/D) e ao invés de substituir por tipos novos, eles estão esticando ao máximo a vida útil das aeronaves existentes. Isso era impensável na época da Guerra Fria. Os esforços para substituir o B-52 e o F-15 podem ser considerados um fracasso, pois não só não se conseguiu a substituição completa, como… Read more »

Fighting Falcon
Fighting Falcon
7 anos atrás

Se fosse o KC-137 estaria cheio de comentários ruins a respeito.
Acidentes e Incidentes acontecem, o problema é que aqui não é culpa da FAB e sim do GF.

Mauricio R.
Mauricio R.
7 anos atrás

“…com relatos de falhas no trem de pouso e nos motores.”

Xí, nem o F-108 (CFM 56) tá dando no couro??? Assim fica difícil.