Home Aviação Naval Piloto da Marinha do Brasil realiza voo com AF-1M

Piloto da Marinha do Brasil realiza voo com AF-1M

363
12

AF-1M

No dia 3 de setembro, foi realizado mais um voo do protótipo modernizado AF-1B “Skyhawk”, nas instalações da Embraer Defesa e Segurança, na cidade de Gavião Peixoto (SP).

A aeronave que está inserida no Programa de Modernização, já realizou diversos voos, mas esta foi a primeira vez em que um piloto de asa fixa da Marinha do Brasil, Capitão-de-Corveta (FN) Paulo Mário, realizou o voo com o protótipo modernizado.

FONTE: Nomar

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Galeão Cumbica
Galeão Cumbica
7 anos atrás
Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Galeão Cumbica
7 anos atrás

Obrigado, Galeão Cumbica.

Já coloquei no ar.

Saudações!

Groo
Groo
7 anos atrás

Essa foto como papel de parede do meu PC em 4, 3, 2…

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
7 anos atrás

Eu até preferia, desde que se anunciou a modernização do AF-1, um padrão um pouco mais modesto (basicamente transformá-lo num A-29 a jato, para treinamento e só), mas confesso que o novo radar deverá dar uma bela revigorada na doutrina, assim como RWR etc. Mas, a partir do momento em que se decidiu mandar ver nessa modernização mais extensa e padronização com aeronaves da FAB, notadamente quanto à aviônica, fico pensando se teria valido a pena também trocar os canhões para DEFA de 30mm, como fizeram os Israelenses com seus A-4, assim como os Argentinos buscaram alterar também os seus… Read more »

HSJ
HSJ
7 anos atrás

Nunão, pq estes canhões de 30mm, dos velhos Mirage III, não foram parar no F-5M?
Já que a arma orgânica do F-5M é o solitário M39 A2 20mm, o DEFA 30mm não traria alguma vantagem no seu lugar ?

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  HSJ
7 anos atrás

HSJ, A lógica do meu comentário sobre o canhão do A-4 é apenas baseada em precedentes. Desconheço qualquer precedente de instalação de canhão de 30mm em F-5. Em compensação, há precedentes e conhecimentos técnicos quanto à troca dos canhões de 20mm do A-4 por DEFA de 30mm. Lembrando que o modelo M39 de 20mm que equipa os F-5 (derivado do Mauser MG 213 alemão da IIGM, do qual aliás também deriva o DEFA) não tem nada a ver com o Mk12 dos A-4 (derivado do Hispano). O Mk12 tem um histórico ruim em combate, sujeito a engasgar com frequência. Já… Read more »

luizblower
luizblower
7 anos atrás

Onde ficam os RWR do AF-1B?

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  luizblower
7 anos atrás

Ótima pergunta, porque eu também procurei e juro que não encontrei nada que parecesse com um.

Mayuan
Mayuan
7 anos atrás

Nunão, no caso do F5, melhor ainda se tomassem como exemplo o A10, em que se construiu o avião ao redor do canhão rsrsrs. Pega o bicudo, aproveita o canhão e constrói outro avião ao redor dele, de preferência um de quinta geração rsrsrs. Com a penúria das FAs, só viajando na maionese mesmo.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
7 anos atrás

Ótima explanação, Roberto. A troca dos canhões em Skyhawks argentinos já havia sido cogitada em 1981, foi interrompida por causa da Guerra das Malvinas e retomada após o conflito, no qual ficou patente a necessidade devido a diversas número de missões em que os canhões paravam de funcionar depois da primeira rajada. A respeito da troca, aproveito para acrescentar trecho do livro “McDonnell Douglas A4C Skyhawk”, número 21 da “Serie Fuerza Aérea” escrito por Jorge F. Núñez Padín. Segue trecho interessante da página 37 do livro, a respeito da troca em sete jatos A4C (protótipo mais seis)e, posteriormente, em A-4P… Read more »

Fighting Falcon
Fighting Falcon
7 anos atrás

Nunão,
Em outro post você elencou variaveis que devem ser consideradas sobre o alcance dos radares nos caças, apesar do modelo ser semelhante tem outras considerações que devemos observar.
Sabe me dizer qual seria o alcance aproximado dos radares do F-5M e do novo A-4M?

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Fighting Falcon
7 anos atrás

Fighting Falcon,

Desconheço os números exatos e os aproximados não ajudam muito. A internet tem dados para todos os gostos (conforme a aeronave em que estão instalados os sistemas, tamanho do radome, da antena, versão do radar mais antiga ou mais nova etc) então é questão de procurar e filtrar com muita atenção.

Boa sorte!