Home Noticiário Internacional Israel bombardeia comboio com armas na Síria

Israel bombardeia comboio com armas na Síria

422
28

Israel Air Force

Informantes confirmam ataque aéreo na Síria perto da divisa com Líbano. Alvo seriam mísseis antiaéreos fornecidos para a milícia xiita do Hezbollah. Líbano nega o ataque.

vinheta-clipping-aereoA Força Área de Israel teria bombardeado na madrugada desta quarta-feira (30/01) um alvo ainda não confirmado na Síria. As informações são de autoridades de segurança da região. O ataque teria ocorrido em uma localidade do país sírio próxima à divisa com o Líbano. Segundo os informantes, o motivo do ataque, presumivelmente, seria interromper o fornecimento de armas à milícia do Hezbollah, no Líbano. Informações dão conta de que o comboio atacado estava transportando mísseis antiaéreos, conhecidos como míssil superfície-ar, do tipo SA-17, fabricados na Rússia.

Israel ostenta a preocupação de que armas químicas e outros equipamentos modernos de guerra, pertencentes à conturbada Síria, caiam nas mãos do grupo xiita no sul do Líbano. O ministro para o desenvolvimento regional de Israel, Silvan Schalom, declarou no domingo que Israel iria tomar as medidas cabíveis para evitar que isso acontecesse.

O Líbano negou o ataque israelense. A agência de notícias estatal NNA declarou que “a notícia sobre o ataque israelense na divisa entre Síria e Líbano são infundadas”. Entretanto, a Força Aérea libanesa confirmou que “perto da meia-noite, jatos sobrevoaram em baixa altitude e um barulho como o do rompimento da barreira do som foi escutado”.

Tropas da ONU no Líbano acentuaram que não têm conhecimento sobre o incidente, e o exército de Israel não quis comentar o ataque aéreo.

FONTE: www.dw.de

VEJA TAMBÉM:

 

  • Rússia expressa preocupações por informações de ataque de Israel na Síria

 

Subscribe
Notify of
guest
28 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Giordani
Giordani
7 anos atrás

E os russos estão tendo chilique, ao melhor estilo maria do rosário…

Marcos
Marcos
7 anos atrás

A cada dia eu tenho mais certeza de uma coisa…

Vamos ter as democracias (EUA, Canadá, Franca, Inglaterra, Alemanha, Japao…), vamos ter os doidos varridos (Ira, Libia, Siria e apanaiguados que querem destruir alguem em nome de alguma coisa), valmos ter a China e Coreia do Norte (a primeira como potencia e se opondo as democracias) e vamos ter o resto, paises dominados por entes corruptos e populistas (Brasil, Argentina, Bolivia, Venezuela…).

HMS TIRELESS
HMS TIRELESS
7 anos atrás

Parabéns à Heyl Ha’ Avir, sempre atenta na defesa de Israel.

Fabio ASC
Fabio ASC
7 anos atrás

Será que nossa Fragata “iluminou” as aeronaves neste ataque???

wwolf22
wwolf22
7 anos atrás

Favio ASC – Duvido !!!!!!!!!!!!!!!! aquilo ali nao ilumina nada nao…
Incrivel como Israel domina a arte da guerra eletronica… eles penetram em qq pais sem preocupacao alguma… o Pais pode te SA- 17, S-300, …
eles entram e vc so percebe depois….

Vader
7 anos atrás

Parabéns a Israel, país que não tergiversa com sua segurança. Só o que faltava os terroristas do Hizbollah terem acesso a armas químicas e a mísseis ar-sup russos fornecidos aos sírios.

A Rússia ao invés de criticar deveria é ter vergonha.

andreas
andreas
7 anos atrás

Bela dupla a dessa foto. Tivesse o Brasil comprado esses logo de cara na década de 80, e hoje não tínhamos de nos preocupar com os F-X da vida…

heverton_ribeiro
heverton_ribeiro
7 anos atrás

Estes F-16 são diferentes?

Vader
7 anos atrás

Sim. São Heyl Ha’ Avir.

Ozawa
Ozawa
7 anos atrás

São F 16′ customizados, São f 16’s SUFA ou “Tempestade” em hebraico.

Aos entuasiastas…

Lockheed F-16I Sufa Diecast Model
IDF/AF 408th (Negev) Sqn, Israel, 2007

http://www.flyingmule.com/products/WT-WTW72011-06

andreas
andreas
7 anos atrás

Heverton_ribeiro, essa “corcunda” por assim dizer, que você vê na parte de cima dos Falcons, é um espaço previsto de fábrica já, se assim o cliente quiser, para colocar equipamentos eletrônicos de contra-medidas e coisas assim. Porém, provavelmente Israel recheou isso com eletrônica deles, pois eles têm tradição de aviônica deles em seus aviões.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
7 anos atrás

Essa e a melhor forca aerea do mundo. Faz o que tem que ser feito e fim de papo.

Os sirios, o hezbollah e o Iran, podem espernear, amaldicoar e ameacar, mas na hora do quebra pau, vao sair com rabo entre as pernas ir para o cantinho lamber as feridas.

Go Israel.

HRotor
HRotor
7 anos atrás

Força Aérea serve pra isso (serviço de Inteligência também).
Quem não gostou que melhore suas defesas.

Carcará 01
Carcará 01
7 anos atrás

Nada escapa aos olhos do Tio Jacob… Boa israelitas, estou com vcs e não abro!! Paaaau nessa cambada de safados!!

Vader
7 anos atrás

Tem muita gente boa que diz que os SUFA são os melhores F-16 do mundo, superiores inclusive aos mais novos da USAF e, inclusive, aos poderosos Block 60 dos EAU.

De qualquer maneira, se não são os melhores são de longe os mais bem pilotados e melhor utilizados dentro de uma doutrina de combate.

Daglian
Daglian
7 anos atrás

Tadeu Mendes, Concordo com você, a força aérea de Israel é muito poderosa e eficiente. Mas daí dizer que é a melhor força aérea do mundo é um pouco demais, vide, por exemplo, o problema de logística que Israel enfrentaria se quisesse atacar o Irã, o que demonstra certa deficiência da força aérea deles. Existem ainda diversas forças aéreas também muito poderosas no mundo, tais como a do Japão (JASDF), da Coréia do Sul, dos Emirados Árabes Unidos, da Arábia Saudita, etc. O que se pode dizer é que Israel possui uma das melhores doutrinas e treinamento além de alguns… Read more »

HRotor
HRotor
7 anos atrás

Não sei que indicadores foram usados para destacar tais FAe.
A de Israel está em combate desde sua criação, junto com seu País, em 1948.
Desde então, manteve a soberania aérea onde foi preciso e destruiu os alvos que lhe foram designados.
Ainda não conhece a derrota.
Tem indicador melhor que esse…?

Baschera
Baschera
7 anos atrás

Eu aposto como a fragata Constitução detectou a incursão israelense….

http://www.naval.com.br/blog/2012/06/06/fragata-uniao-grava-320-invasoes-aereas-de-israel-no-libano-2/#axzz2JVfhFlOU

E lembro que, se for verdade, os israelenses terão problemas…. pois um SA-17 é na verdade um sistema Buk M2E e não meros foguetes SAM improvisados e sem radarização.

Sds.

Vader
7 anos atrás

Daglian disse:
31 de janeiro de 2013 às 19:18

Na boa Daglian: pouquíssimas FAes no mundo detém plena capacidade expedicionária. Diria que EUA, Rússia, GB e França. Nem a China a detém, ainda.

Israel é uma nação minúscula. Ter uma FAe que está há 60 anos em estado de guerra, invicta, é coisa que nunca se viu na história humana.

Sds.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
7 anos atrás

Caro Daglian, Eu disse que a IASF (Israeli Air and Space Force) e a melhor do mundo, mas nao a mais poderosa. Ela nao foi criada, nao foi dimensionada, e nao esta doutrinada para campanhas expedicionarias. E uma forca aerea de defesa, sem alcance estrategico. Mas o amigos podem notar que a sigla mudou. Como postei acima, a IASF esta abrangendo a analise de inteligencia a nivel estrategico atraves de seus satelites. Sim, voce tem razao quanto ao suporte logistico para operacoes de longo alcance, mas eu sei que o Tio Sam tai para qualquer eventualidade, em outras palavras, para… Read more »

Rogério
Rogério
7 anos atrás

Alguem duvida que a Heyl Ha’ Avir será a 1º a usar o F-35 em combate? E quando o fizer será em cima de equipamento russo, aí quero ler o chororô sobre a falta de treinamento, equipamento antigo e outras perolas p/ justificar o fracasso, mas cada um cuida de seus aliados com pode né!!!!

[]s

andreas
andreas
7 anos atrás

Rogério, seu comentário me deixou na dúvida: Israel já assinou alguma coisa referente ao F-35?

Mauricio R.
Mauricio R.
7 anos atrás

A fragata brasileira pode até ter “visto” a movimentação israelense mas assim como o componente terrestre da UNIFIL, que não se mete a valente frente o Hez ou ao Hamas, ficou quieta e calada.
Sabem mto bem aonde o calo aperta, naquelas paragens.
E qnto aos russos, o chororô é livre.

Vader
7 anos atrás

andreas disse:
1 de fevereiro de 2013 às 7:22

“Rogério, seu comentário me deixou na dúvida: Israel já assinou alguma coisa referente ao F-35?”

Já assinou contrato para 20 e já obteve autorização do DoD para mais 55.

Assim como o Japão, que já adquiriu 42: http://www.aereo.jor.br/2011/12/20/japao-escolhe-o-f-35-estreitando-seus-lacos-com-os-estados-unidos/

___________________

Rogério disse:
31 de janeiro de 2013 às 23:50

Rogério, vai ser um festival de borrachas quando os trastes soviéticos começarem a ser abatidos, hehehehe…

Saudações.

Rogério
Rogério
7 anos atrás

andreas disse:
1 de fevereiro de 2013 às 7:22

Andreas,

Como o Vader disse, em 2010 Israel assinou o contrato p/ compra de 20 F-35 p/ $ 3 bi, com a previsão de entrega p/ 2016.

[]s

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
7 anos atrás

Amigos,

Vai ser um espetaculo poder assistir um combate entre os F-35 de Israel e os F-50 (PAK-FA) da Siria……….isso.se sobrar algo da Siria no futuro.