Home Indústria Aeronáutica ‘Não sonhe grande, sonhe enorme!’, diz fundador da Embraer

‘Não sonhe grande, sonhe enorme!’, diz fundador da Embraer

264
5

A aviação brasileira não seria o que é hoje se não fosse o sonho de Ozires Silva. Com 20 e poucos anos, na cidade de Bauru, no interior de São Paulo, ele já sonhava em construir aviões no Brasil, afinal, nascera no país natal de Santos Dumont. Desde a década de 1940, Ozires Silva não se conformava com o fato de que, no Aeroclube de Bauru, todos os modelos tinham fabricação internacional.

Formou-se engenheiro no recém-criado ITA e apesar das críticas e dúvidas uma oportunidade de ouro surgiu: conseguiu falar com o presidente da República e o convenceu de que a Embraer era um projeto viável e um sonho possível para o país. Hoje, a companhia fabrica e opera em mais de 90 países, com engenheiros brasileiros. E se a aviação brasileira é referência no mundo todo é por causa do sonho de alguém.

Ozires Silva garante que não basta sonhar grande, tem que sonhar enorme e acreditar sempre. Veja a história de sucesso desse empreendedor:

Palestra na versão completa

FONTE: Yahoo Finanças

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos
Marcos
7 anos atrás

E se a Embraer não tivesse sido privatizada, hoje estaria fabricando avião agrícola e o Guia Geniau dizendo “nunca antes na história desse país…”

Mauricio R.
Mauricio R.
7 anos atrás

Está explicada a razão da megalomania da Embraer.
Vem de berço…

RomauBR
RomauBR
7 anos atrás

O choro é livre, chora mesmo que é bom, mauricio

Antonio M
Antonio M
7 anos atrás

E saiu esta reportagem sobre os testes com túnel de vento do Emb390, inclusive com vídeo:

http://economia.ig.com.br/empresas/industria/2012-11-21/novo-aviao-da-embraer-e-testado-em-tunel-de-vento-holandes-assista-ao-video.html

E de resto é isso mesmo, lugar de chorar é na cama ……..A Embraer se livrou do destino que teve a Engesa e que ainda pode ser o da Dassault ….

Antonio M
Antonio M
7 anos atrás

Aliás, o fato de não termos um túnel de vento como este é que me deixa indignado principalmente quando da propanda feita do tal “Brasil Potência”. Não seria tem o tal túnel de vento que resolveria essa questão mas, que ainda temos um logo caminho a seguir e a distância entre o discurso e a prática é explícita? Acabei de ver uma reportagem da movimentação dos setores do agronegócio que estará fazendo o que for possível para escoar a nossa produção de grãos para 2013, devido aos eternos problemas de infraestrutrura rodoviária, ferroviária e de navegação. E por falar em… Read more »