sábado, julho 2, 2022

Gripen para o Brasil

Array

Seis anos após tragédia, pilotos do Legacy são condenados a três anos

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Pouco mais de seis anos após um dos maiores acidentes aéreos do país, os pilotos norte-americanos Jan Paul Palladino e Joseph Lepore foram condenados, pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região, por homicídio culposo, com pena de 3 anos, 1 mês e 10 dias de prisão em regime aberto, a ser cumprida nos Estados Unidos.

Os dois réus conduziam o jato Legacy, quando ele colidiu com o Boeing da Gol, em setembro de 2006. No acidente, morreram as 154 pessoas a bordo da aeronave da empresa brasileira.

O julgamento ocorreu em 2ª instância, depois de o Ministério Público Federal (MPF) e a Associação de Familiares e Amigos das Vítimas do voo 1907 entrarem com recurso para alterar a punição dada em 1ª instância em maio do ano passado.

Na ocasião, os pilotos do jato foram condenados a quatro anos e quatro meses de detenção, em regime semiaberto, mas a pena foi revertida em cumprimento de serviço comunitário nos Estados Unidos. O recurso pedia a manutenção da primeira decisão.

FONTE: Correio Braziliense (reportagem de Julia Chaib), via Notimp

FOTO: AFP via Diário do Nordeste

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

4 Comments

Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Franco Ferreira

Senhores

7 dias e meio de “serviços comunitários nos EEUU” pela vida de cada brasileiro que ceifaram por incúria e inépcia!

País de m______, este nosso!

Franco Ferreira

EDITADO

Max

Como sempre a vida humana quando se trata de Brasileiros não vale muito por aqui.
Pelo menos a impunidade é democrática atingindo todos os níveis de
criminosos.
Um “di menór” sofre pena parecida por tirar a vida de inocentes.

Vader

Se é nos EUA esses cabras estavam presos pelo resto da vida. Eles devem estar dando risada até agora de nossa “justiça”.

E com razão.

Roberto F Santana

O comandante do 1907 era amigo meu…

Um dia Deus fará a justiça e toda lágrima será enxugada.

Rezo por sua alma Décio.

Últimas Notícias

Marinha e Força Aérea dos EUA testam novo míssil de microondas de alta potência

ALBUQUERQUE, N.M. - Os laboratórios de pesquisa da Marinha e da Força Aérea dos EUA estão encerrando um esforço...
- Advertisement -
- Advertisement -