quinta-feira, setembro 23, 2021

Gripen para o Brasil

Produção de caça em massa é assim

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Linha de produção da Curtiss em Buffalo (esto de Nova York) em 1939. Até 1944, destas instalações sairiam quase 14.000 P-40 Warhawk / Tomahawk / Kittyhawk (clique na imagem para ampliar e ver detalhes da foto).

FOTO: AP

- Advertisement -

4 Comments

Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fernando "Nunão" De Martini

Por ser de 1939, ainda antes da entrada dos EUA na guerra, a foto surpreende.

Mas acho ainda mais surpreendente a quantidade de P-40 que continuou sendo produzida após o caça já ter sido superado qualitativamente por outros caças norte-americanos – embora ainda fosse uma aeronave de combate útil.

Clésio Luiz

Se essa foto é de 1939, com explicar os modelos serem da variante P-40D/E, que surgiu muito depois?

Fernando "Nunão" De Martini

Boa pergunta, Clésio (por ter comentado aí em cima à uma da manhã, nem me toquei disso…) O histórico do P-40 é de início da produção do modelo D em 1941. Talvez haja um erro na legenda original da imagem ou coisa do gênero. Pode-se perceber nas fotos o grande radiador do “queixo” (nos modelos iniciais ele era menos pronunciado) e a aparente ausência de carenagens para metralhadoras no nariz, indicando que o armamento seria todo nas asas, como era o caso das versões D para a frente. Ainda assim, é certo de que a foto é pré-entrada dos EUA… Read more »

Últimas Notícias

Eve, da Embraer, e Bristow firmam parceria para desenvolver operações de UAM com pedido de até 100 eVTOLs

Melbourne, Flórida, 23 de setembro de 2021 – A Eve Urban Air Mobility, uma empresa da Embraer, e a...
- Advertisement -
- Advertisement -