quinta-feira, junho 30, 2022

Gripen para o Brasil

Primeiro voo noturno do F-35C

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

- Advertisement -

4 Comments

Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos

Falta um avião no mercado. Falta um substituto para o F-5.
E qual era a proposta do F-5? Atender países aliados e com poucos recursos.
Alguém vai dizer que Kai T-50 seria esse substituto. Não, não é. O T-50 é um concorrente do F-5, um concorrente novo, mas continua sendo um concorrente. O substituto do F-5 seria uma aeronave furtiva de baixo custo. Nada dos excessos do F-35, mas uma aeronave com eletrônica simplificada e desenhofurtivo, mesmo que utilizando-se de materiais mais antigos.

Marcos

Falta um avião no mercado. Falta um substituto para o F-5.
E qual era a proposta do F-5? Atender países aliados e com poucos recursos.
Alguém vai dizer que Kai T-50 seria esse substituto. Não, não é. O T-50 é um concorrente do F-5, um concorrente novo, mas continua sendo um concorrente. O substituto do F-5 seria uma aeronave furtiva de baixo custo. Nada dos excessos do F-35, mas uma aeronave com eletrônica simplificada e desenho furtivo, mesmo que utilizando-se de materiais mais antigos.

Groo

Um “Super Mako” 😉

Marcos

Um Mako com desenho mais furtivo já atenderia a demanda.

Últimas Notícias

45 anos do EMB-111 Bandeirante Patrulha

O projeto do EMB-100 Bandeirante, iniciado antes mesmo do nascimento da Embraer, deu base ao desenvolvimento de diferentes aeronaves,...
- Advertisement -
- Advertisement -