terça-feira, junho 15, 2021

Gripen para o Brasil

Força Aérea da Indonésia interessada em caças F-5 usados de Taiwan

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Segundo nota divulgada sábado (10 de março) pela Antara News, a Força Aérea da Indonésia está considerando uma oferta de Taiwan para adquirir um esquadrão de caças F-5E/F Tiger. A informação foi dada pelo chefe do Estado Maior da Força Aérea, marechal Imam Sufaat.

Sufaat disse à Antara News que a oferta “é boa e nós vamos considerá-la”. Ele disse também que a vida útil dos F-5E/F da Indonésia pode chegar ao fim em 2020: “Em média, as horas de voo restantes de nossos F-5 são de 4.000 horas, de um total de 10.000. Se eles voarem 200 horas por ano, poderão ser utilizados até 2020.”

O asssistente de planejamento do Estado Maior da Força Aérea, vice-marechal Rodi Suprasodjo, disse que se os F-5E/F puderem continuar a cumprir suas missões adequadamente, não precisarão ser modernizados.

FONTE: Antara News (agência de notícias da Indonésia)

Tradução, adaptação e edição: Poder Aéreo

FOTO: Taiwanairpower

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

26 Comments

Subscribe
Notify of
guest
26 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nick

Hmm… Quer dizer que a FAB tem concorrência hem….

[]’s

tplayer

Tomara que compre logo, antes que o pessoal de Brasilia fica sabendo da existência desses Forever-5.

Giordani RS

Acho que nem o mais otimista executivo da Northrop esperava uma longevidade tão grande para o Tiger…é…o fim da Guerra Fria foi uma benece ao caça…

E que a Indonésia compre todos! Mas todos!!! Se precisar vamos fazer uma campanha e arrecadar um troco para ajudar os indonésios…rsrsrsrsss

Giordani RS

Lembrei de ter lido, acho que aqui mesmo, que o Uruguay estava interessado nestes Forevis-5…mas isso já deve ter uns dois anos ou mais…

Marcelo

xiiiiiii, vamos perder estes?

maxi47

Chega de Forever 5 na FAB!

Paulo José

Nick disse:
12 de março de 2012 às 7:21

Pensei a mesma coisa Nick!rs rs

Ivan

Calma amigos !!!

A Real Força Aérea da Arábia Saudita possue pouco mais de uma centena de F-5 E/F Fredoom Fighter e grande parte deles serão substituidos por Typhoons.

É verdade que devem estar cheios de areia do deserto, mas a FAB já tem know how com este tipo de problema, tendo em vista a experiência com os jordanianos.

Tem Forever-5 para todo mundo… he he he.

Sds,
Ivan, na versão sádica… ou masoquista. 🙂

Giordani RS

Só uma correção Ivan, mínima, é verdade, mas o Fredoom Fighter é o F-5A/B, o E/F já é o Tiger…e o G é o gripen…ops…digo…é o F-20 Tiger Shark…rsrsrssss…

Ivan

Giordani,

Barbaridade, tchê!
Que tolice a minha, misturar Fredoom Fighter com Tiger II.

Sds,

Ivan

Nunão, Faz pouco tempo a manchete nos blogs era: “A Indonésia pretende adquirir mais 180 caças Sukhoi Flankers” Depois disso houve várias notícias diferentes, sendo sempre uma grande quantidade estudada e uma pequena quantidade efetivada. A situação geográfica deles é complicada, pois controlar uma ‘um monte’ de ilhas no meio do caminho entre o Oceano Pacífico e Oceano Índico, passagem obrigatória do petróleo do Oriente Médio para a China e Japão, com Austrália logo abaixo, Vietnã e Tailândia logo acima, Índia a noroeste e China a nordeste, é uma tarefa complicadíssima. Olha o mapa 🙂 : http://www.asia-turismo.com/mapas/mapa/indonesia.jpg Ainda mais com… Read more »

Giordani RS

A ndonésia está bem no caminho…são uma porteira que em caso de conflito regional(ou devo considerar mundial?) vai ter de ser aberta…nem que seja na marra!
Eles tem cerca de 110 caças…muito, mas muito pouco para os padrões da região(se bem que para qualquer padrão decente de defesa…). Alguém lembra daquela história dos A-4 israelenses? Que foram vendidos secretamente para os indonésios? E só a título de curiosidade, esses F-5´s substituíram na força os F-86 construídos pelos australianos.

Giordani RS

ops…INdonésia…teclados e teclados…

Ivan

Giordani,

Pelo que andei lendo os F-86 e os A-4 (estes de contrabando) não estão operacionais e devem ter virado sucata.

Ativos são cerca de 50 aeronaves, sendo que operam um punhado de Flankers, uma dezena de F-16 e pouco mais de uma dúzia de F-5.
Além de 3 (três) dezenas de Hawks para COIN.

Sds,

Mauricio R.

A região tem 2 grandes usuários de F-5, Taiwan e Coréia do Sul, aliás boa parte de seus Tiger II, foram fabricados sob licença.
Taiwan tem um nó cego amarrado c/ os EUA a respeito da desativação dessas aeronaves, umas 60 células, a China PRC tem feito mta pressão e o frouxo do Obama tem tolerado o bafo da mulher dragão, torrando a paciência.
Qnto a longevidade do design, a USAF ainda opera 508 T-38, que foi aonde a saga se iniciou.

Corsario137

Uma coisa nós temos que admitir, o F-5, em todas as suas versões, rendeu…ê, e como rendeu.

Quanto a Indonésia, esses são outros. O que falam não se escreve.

Giordani RS

“Mauricio R. disse:
12 de março de 2012 às 12:48
…Qnto a longevidade do design, a USAF ainda opera 508 T-38, que foi aonde a saga se iniciou.”

Correto, mas estamos falando do F(orevis)-5, um caça tático(sic!) de linha de frente, não do T-38 Talon, um treinador supersônico construído especificamente para tal…

Marcelo

ainda tem muitas e muitas viúvas do F-20 Tigershark por aí pelo mundo!!! Eu mesmo montei ele em 1:48 da Monogram, naquela pintura cinza escuro, ficou show!

Giordani RS

Há! F-18L e F-20? Su-27 na FAB? Viúva? É comigo mesmo!

Darkman

Essa é o tipo de notícia que não pode colocar no Blog Nunão.
Imagina se os caras da FAB olham isso, pronto aí vem mas F5M e acaba o Fx2.

O F5 vai se torna o caça do seculo com toda pompa do mundo.

rs..rs..rs..

Abs.

edcreek

Olá,

Compre logo antes que um certo brigadeiro e um ministro tupiniquim fiquem sabendo!!!

Abraços,

edcreek

errata, faltaram as aspas: “brigadeiro e um ministro tupiniquim”….

Marcos

Caro Edcreek

Pela primeira vez, concordo com vc em Genero, Numero e Grau

Ivan

Marcos e Ed,

Também concordo em NG (número e grau). 🙂

Sds,
Ivan.

Reportagens especiais

A estrela da semana foi o Gripen E, mas a Saab não se esqueceu do Gripen C

Empresa sueca ainda espera conquistar novos clientes para a versão atual do Gripen, nos próximos 5 a 8 anos - Fernando...
- Advertisement -
- Advertisement -