terça-feira, dezembro 7, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Será que a BAE vai oferecer Typhoon mais barato à Índia?

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

A Dassault, vencedora na Índia, ofereceu contra-oferta mais barata na Suíça após ser derrotada na concorrência para substituição dos caças F-5 suíços. Agora pode ser a vez do consórcio Eurofighter fazer o mesmo na Índia.

Segundo matéria da Reuters, com informações do Financial Times, a BAE Systems procura todas as opções para reverter a derrota na concorrência indiana de caças, em que o Typhoon do consórcio Eurofighter perdeu um contrato para 126 aeronaves, estimado em 20 bilhões de dólares, para o Rafale da francesa Dassault.

O chefe executivo da empresa, Ian King, disse ao Financial Times na terça feira: “Discutirei com nossos parceiros o que fazer daqui pra frente. Na minha visão, todas as opções estão na mesa.” Ainda segundo o Financial Times, King disse que a BAE estava considerando a redução do preço do Typhoon, mas precisaria consultar os parceiros alemães, italianos e espanhóis sobre as melhores opções à disposição.

FONTE: Reuters (tradução, adaptação e edição: Poder Aéreo)

FOTO: BAE Systems

BATE-PAPO ONLINE: Converse com outros leitores sobre este e outros assuntos no ‘Xat’ do Poder Aéreo, clicando aqui.

- Advertisement -

3 Comments

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vader

Poderia ser bom para a Índia. Mas não vai mudar nada: a decisão no MMRCA foi política, não financeira.

Guilherme Poggio

Bom, as próprias autoridades indianas disseram que os preços estavam muito próximos. Qualquer descontinho aqui ou ali e uma proposta bate a outra.

Mauricio R.

Dançaste Ventão, agora é bola prá frente e pimba na gorduchinha, garfar a venda p/ os UAE, Malásia, etc, etc, etc!!!

Últimas Notícias

Alto oficial da Força Espacial diz que a China está desenvolvendo capacidades ‘duas vezes mais rápido’ que os EUA

Para o general David Thompson, China pode ultrapassar os EUA em capacidades espaciais em 2030 O vice-chefe de Operações Espaciais...
- Advertisement -
- Advertisement -