Home Força Aérea Brasileira EMAER – Tenente Brigadeiro Aprígio Eduardo de Moura Azevedo assume o Estado-Maior...

EMAER – Tenente Brigadeiro Aprígio Eduardo de Moura Azevedo assume o Estado-Maior da Aeronáutica

263
3

O Tenente Brigadeiro do Ar Aprígio Eduardo de Moura Azevedo assumiu (19/1) a Chefia do Estado-Maior da Aeronáutica (EMAER). Ele substitui o Tenente Brigadeiro do Ar Jorge Godinho Barreto Nery, que desempenhará o cargo de conselheiro militar junto à Organização das Nações Unidas (ONU) em Genebra, na Suíça. A solenidade de passagem de comando, realizada no Salão Nobre da Base Aérea de Brasília, contou com as presenças do Ministro de Estado da Defesa, Celso Amorim, e do Comandante da Aeronáutica, Tenente Brigadeiro do Ar Juniti Saito. Também participaram da cerimônia oficiais generais do Alto Comando da Aeronáutica, ex-ministros da Aeronáutica, ministros do Superior Tribunal Militar (STM), além de oficiais generais da Marinha e do Exército Brasileiro.

“A partir de hoje, o Estado-Maior da Aeronáutica passa a contar com a respeitada liderança do Tenente Brigadeiro do Ar Aprígio Eduardo de Moura Azevedo. Oficial general congregador, dotado de aguçada visão estratégica e inquebrantável dedicação, detentor de inquestionável capacidade de manter o elevado padrão de excelência nas atividades do EMAER”, ressaltou o Comandante da Aeronáutica.

O Tenente Brigadeiro do Ar Azevedo nasceu na cidade de Florânia, no Rio Grande do Norte. Ingressou na Força Aérea Brasileira (FAB) no dia 1º de março de 1967, na Escola Preparatória de Cadetes do Ar, em Barbacena (MG). Entre os principais cargos ocupados estão o de Chefe da Comissão Aeronáutica Brasileira em Washington; Chefe da Seção de Planejamento Logístico do Estado-Maior da Aeronáutica; Chefe do Subdepartamento de Desenvolvimento e Programas e Presidente da Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate; Chefe da Assessoria Parlamentar do Comandante da Aeronáutica; Comandante do Quarto Comando Aéreo Regional; e Chefe do Gabinete do Comandante da Aeronáutica. Possui 6.000 horas de voo, das quais 1.800 horas na Aviação de Caça.

“Assumir o EMAER é um misto de felicidade, alegria e de responsabilidade, sem dúvida nenhuma. Porque a chefia do Estado-Maior da Aeronáutica representa uma estrutura necessária de apoio ao planejamento do futuro da Força Aérea Brasileira, razão pela qual é verdadeiramente um motivo de muita honra e renovado entusiasmo para continuar me dedicando dia e noite à FAB”, explicou o Tenente Brigadeiro Azevedo.

A solenidade também foi uma oportunidade aos vários antigos amigos da turma de 1967 de compartilhar a ascensão do Tenente Brigadeiro Azevedo. Apesar de muitos deles não terem seguido a carreira militar, fizeram questão de presenciar a cerimônia. O Juiz de Direito Aposentado Paulo Roberto da Silva Passos, por exemplo, veio de São Paulo para assistir à posse. “Estudamos juntos no ano de 1967 em Barbacena. Sempre foi um grande companheiro. Essa amizade já dura 45 anos. Tenho certeza que seu desempenho frente a essa nova etapa de sua carreira será digna de nota, pois ele possui um grande amor pela Força Aérea”, ressalta o amigo de turma.

Outro colega de Turma, Gerson Oger Fonseca, atualmente Presidente do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros no Estado de São Paulo, relembra com saudosismo a época em que conviveram juntos tanto em Barbacena quanto na Academia da Força Aérea. “Tive o privilégio de conviver e de ficar amigo íntimo dele. E a gente ainda mantém esse laço de amizade, de união. É um prazer para todos nós da turma de 1967 chegarmos aqui com ele assumindo o posto máximo da carreira da Força Aérea”, diz Fonseca.

Na solenidade, o Tenente Brigadeiro Juniti Saito também manifestou o reconhecimento e a admiração pelo trabalho do Tenente Brigadeiro Godinho na condução das atividades do EMAER, desejando sucesso na nova função que o Oficial General desempenhará no exterior. “Tenho plena convicção de que o País estará representado por um grande homem, um profissional de elevada competência”, ressaltou o Comandante da Aeronáutica.

FONTE: Agência Força Aérea

3
Deixe um comentário

avatar
3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors
Justin CaseBascheraAlmeida Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Almeida
Visitante
Member
Almeida

Impressão minha ou nossas forças armadas tem muito cacique pra pouco índio?

Haja general, brigadeiro e almirante! Toda hora o Presidente da República nomeia um monte de gente. Capacidade de combate que é bom, praticamente zero.

Baschera
Visitante
Member
Baschera

Putz….. acertei na trave !!! Quase….. 🙂

Almeida,

Concordo contigo….. é muito cacique, muito índio e pouco tacápe e flexa.

Haja dinheiro para pagar tanta aposentadoria.

Falando nisto, a PresidentA ordenou o corte de R$ 60 bi do orçamento 2012.

Adivinhem prá quem vai sobrar ????

Sds.

Justin Case
Visitante
Member
Justin Case

Amigos,

O Brig Azevedo, como se pode notar no currículo, é piloto de caça, chefiou SDDP/COPAC, foi Chefe da Assessoria Parlamentar, foi Chefe de Gabinete do Comandante da Aeronáutica (seu último cargo foi o de Secretário de Finanças da Aeronáutica). No discurso de posse, comentou a oportunidade de trabalhar pelo futuro da Força.
Sua designação como Chefe do Estado-Maior da Aeronáutica certamente é uma boa notícia para o Projeto F-X2.
Que venham os caças!

Abraços,

Justin