Home Noticiário Internacional Vida longa para o Falcon

Vida longa para o Falcon

263
7

USAF vai modernizar mais de 300 jatos F-16C/D

A Força Aérea dos Estados Unidos está planejando atualizar de 300 a 350 caças F-16C/D Night Falcons Block 40 e F-16C/D Falcons Block 50 com novos aviônicos e aumento de vida da fuselagem.

A informação foi dada pelo vice-chefe de operações da USAF, tenente-general Herbert J. “Hawk” Carlisle ao Congresso.
Ele disse que o upgrade do F-16 é essencial para que a Air National Guard (ANG) e Reserva da Força Aérea de caças da USAF mantenham a capacidade de combate eficaz antes que o F-35 Lightning II Joint Strike Fighter (JSF) de quinta geração torne-se operacional.

O Programa de Extensão de Serviço de Vida (SLEP) do F-16 incidirá sobre o aumento da vida útil da estrutura do caça de 8.000 para “pelo menos” 10.000 horas, permitindo que os aviões de combate possam continuar voando por mais 8 anos. O upgrade vai custar em torno de US$ 9,4 milhões por aeronave.

Entregas totais de caças F-16 à USAF ao longo do tempo
Block F-16A F-16B F-16C F-16D Total Entrega
YF-16A 2 2 1974
FSD 6 2 8 1976-1978
Block 1 21 22 43 1978
Block 5 46 27 73 1979-1980
Block 10 188 25 213 1980-1981
Block 15 409 48 457 1981-1985
Block 25 209 35 244 1984-1986
Block 30 359 48 407 1986-1989
Block 32 57 5 62 1987-1989
Block 40 232 34 266 1988-1993
Block 42 152 44 196 1989-1992
Block 50 188 28 216 1991-2004
Block 52 41 12 53 1992-1996
Totais 664 122 1,238 206 2,230

VEJA TAMBÉM:

7
Deixe um comentário

avatar
7 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
6 Comment authors
Ricardo CascaldiedcreekNautilusMarceloStorm Rider Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Clésio Luiz
Visitante
Active Member
Clésio Luiz

Na época que o F-16 foi projetado, 8.000 horas de voo em um caça era algo extraordinário, já que as gerações anteriores eram projetadas para durar a metade disso. Fora que o F-16 foi também o primeiro caça a permitir operação a 9Gs com frequência, sem prejuízo à vida útil da aeronave. As aeronaves anteriores podiam atingir até mais de 9Gs, mas operacionalmente eram limitados a 7,5Gs (7,33 no caso dos caças americanos).

Storm Rider
Visitante
Storm Rider

Uma pena porquê que isso também significa que os A-10 vao se aposentar.

Marcelo
Visitante
Member
Marcelo

Storm Rider, os A-10 irão voar pelo menos ate 2025. No ano que vem 2/3 dos A-10C começarão a receber novas asas. O Warthog vai longe!

Marcelo
Visitante
Member
Marcelo

gostei da tabela. mais de 2000 só para USAF! É outra realidade…

Nautilus
Visitante
Nautilus

Mais duas mil horas significa que o uso projetado para cada célula é de 250 horas/ano por oito anos. Isso para uso por unidades da Guarda Aérea Nacional, não é nada mal.

edcreek
Visitante
Member
edcreek

Olá,

Vejo que o A-10 não tem muito com isso, acho que isso quer dizer:

“O barato e multifuncional F-35 vai atrazar ainda mais e não será tão barato”, se fosse outro pais(China, Russia ou França) todo mundo ia cair de pau em cima, mas como são os EUA, todo mundo acha bonito!

Abraços,

Ricardo Cascaldi
Visitante

Modernizar 300? ‘-‘

Manda 50 pra cá Tio Sam, você tem outros meios para utilizar até o F-35 chegar 😀