quinta-feira, setembro 29, 2022

Gripen para o Brasil

Array

Força Aérea da Líbia foi debilitada durante rebelião

Destaques

Guilherme Poggio
Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Dentre os movimentos populares que assolaram o mundo árabe desde o final do ano de 2010, a rebelião na Líbia é, até o momento, a mais violenta de todas. O movimento teve início em 13 de fevereiro de 2011 e os rebeldes chegaram a ocupar boa parte da costa líbia, desde o froteira com o Egito atá a cidade de Sirte.

O líder líbio Muammar Kadafi respondeu energicamente e contra-atacou os rebeldes com todo o arsenal das Forças Armadas do país. Parte do inventário militar líbio caiu nas mãos dos rebeldes e atualmente é utilizado para combater as tropas do governo.

No dia 20 de fevereiro rebeldes líbios destruíram um helicóptero Mil Mi-24 no aeroporto de Benina (Bengazi) e outros dois foram capturados (foto do alto). Neste mesmo dia os rebeldes disseram ter derrubado um helicóptero (Mi-24 ou Mi-8) perto de el-Beyda.

Aeronaves da Força Aérea Líbia leais ao governo entraram em ação desde os primeiros momentos. Logo no dia 21 de fevereiro dois oficiais líbios deserdaram e voaram seus Mirage F1 para Malta após desrespeitarem as ordens de ataque a cidadãos líbios.

Dois dias depois, Abdessalam Attiyah al-Abdali e Ali Omar al-Kadhafi, tripulantes de um Sukhoi-22, ejetaram perto do vilarejo de Ajdabiya após recusarem-se a atacar a cidade de Bengazi.

Ainda segundo fontes rebeldes no dia 23 de fevereiro um helicóptero Mil Mi-24 foi destruído no solo e um segundo Mi-24 foi derrubado perto de Misrata no dia 28.

No início de março um Mirage F-1 foi derrubado sobre a cidade de Brega e no dia 5 foi a vez de um Su-24 cair perto de Zawiyha (ver detalhe da deriva na imagem acima). Outro Mi-24 foi destruído em Ras Lanuf no dia 6. Também existem relatos de um outro Su-22 abatido em 7 de março.

Esta semana os rebeldes informaram ter derrubado um MiG-21 nos arredores de Bohadi (veja vídeo abaixo).

Hoje (17/3), rebeldes informaram ter derrubado outros dois aviões (não identificados), enquanto estes atacavam o aeroporto de Bonina, em Bengazi.

Os rebeldes também disseram que os pilotos abatidos ou capturados são da Síria e do Sudão.

- Advertisement -

2 Comments

Subscribe
Notify of
guest

2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vader

Um ditador tão popular que usa mercenários estrangeiros para atacar seu próprio povo.

Wagner

MIg 21 ???

Ainda ??

Poxa, tá igual a Coreia do Norte ! E seu ” Bem amado líder” …

Últimas Notícias

VÍDEO: Novos caças Gripen sobem aos ceús no Brasil

Dois caças Gripen E da Força Aérea Brasileira (FAB) chegaram ao Brasil no último domingo, 25 e voaram hoje,...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -