sexta-feira, outubro 7, 2022

Gripen para o Brasil

Jobim e ministro da Defesa da Suécia falam sobre compra de caças

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Sten Togfors, Min Defesa Suécia - foto V Campanato Agência Brasil

Claudia Bomtempo

vinheta-clippingO ministro da Defesa, Nelson Jobim, recebeu nesta segunda-feira (22) seu colega da Suécia, Sten Tolgfors. A poucos dias da decisão sobre a compra de 36 caças para reequipar a Força Aérea brasileira (FAB), Jobim ouviu apelos para que o governo considere a proposta que, do ponto de vista sueco, é a mais competitiva: a do modelo Gripen NG.

O negócio pode chegar a US$10 bilhões e tem três interessados: os suecos, os franceses com o caça Rafale, e os americanos, com o F-18 Super Hornet.

Na semana passada chegou a Jobim o relatório final da FAB sobre a qualidade técnica dos caças. O relatório afirma que em termos operacionais, os três jatos satisfazem tecnicamente. Mas diferentemente das análises anteriores, desta vez a Aeronáutica reavalia que, considerando a Estratégia de Defesa Nacional, os caças franceses Rafale representam “a proposta mais consistente”. Inicialmente, a preferência da FAB era pelos caças suecos.

Proposta sueca

Segundo Tolgfors, além do preço mais baixo e menor custo de manutenção, a proposta do Gripen é a única que vai transferir ao Brasil o conhecimento para integração de armas. Ou seja, o jato sueco permite que, com a integração de sistemas, seja possível “montá-lo” com diversas opções de fabricantes.

Isso tornaria o Brasil “menos dependente de um só fabricante”, assegurou o ministro sueco. O Gripen NG opera com um só motor, de fabricação americana. E foi oferecido pela metade do preço dos concorrentes. Perguntado se ainda acredita que o processo esteja aberto, Tolgfors disse que sim e completou: “somos a favor da transparência – é como fazemos negócios na Suécia”.

Dentro de alguns dias, o ministro da Defesa vai apresentar seu próprio relatório ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que deverá escolher oficialmente o caça a ser comprado com base nos argumentos de Jobim.

Preferência por caças franceses

Jobim já havia afirmando na semana passada que os franceses tem vantagem na disputa. “A FAB diz que os três são satisfatórios, então o que pesa é a transferência de tecnologia e a redução da dependência”. Questionado se este quesito daria vantagem para a França, Jobim concordou: “Neste sentido, sim”.

Os Rafale da França possuem dois motores e os franceses afirmam que transferem tecnologia de forma irrestrita, além de oferecerem o mercado da América do Sul para o Brasil exportar a produção. A preferência do presidente Lula pelos caças franceses já é conhecida – foi declarada no dia 7 de setembro do ano passado durante uma visita do presidente francês, Nicolas Sarkozy, a Brasília.

FONTE: G1 FOTO: Agência Brasil

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

78 Comments

Subscribe
Notify of
guest

78 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Roberto

Alguém sabe a razão de curva dos três concorrentes?

mottaeiras

Virar o jogo nos acréscimos é meio dificil mas costurar um acordo fora do FX-2 não. Resta saber os detalhes, afinal seria uma garantia adcional na TT. O Gripen é um caça mais fácil de comercializar principalmente para AL e Africa.

Edcreek

Olá,

O Gripen não é tão facil assim de comercializar, veja que a versão mais barata o JAS-39 teve menos de 220 unidades construidas. A tendencia é um numero ainda menor de NGs se ele sair do papel.

Porque ele não diz, bom vamos comprar 30-40 NGs para dar o star de produção. Mas agora já foi, mesmo isso seria tarde demais.

Abraços,

JOSE

Ministro Sten Tolgfors,oferece o grippen para a marinha,seria ótimo pra vcs e para nós,sendo grippen um caça em desenvolvimento poderia ser facilmente adaptado para operar no SÃO PAULO,e sem falar que a Marinha do Brail vai receber royalties do petroleo,a marinha tem 2 bilhoes a receber do governo!

Fabio Mayer

DO jeito que o governo Lula é conciliador e pouco afeito a juizos técnicos, arrisca comprar 12 rafales, 12 Gripens e 12 Super Hornets… a FAB viraria o samba do crioulo doido!

mottaeiras

Se a comercialização não se mostra tão viável outra hipótese seria atender a MA, ainda assim vai de contra a pradronização dos meios.
Logo saberemos os objetivos da visita nesse quesito e o pq da propaganda do Gripen na TV.

JULIO

Esta é mais uma conversa protocolar, é o ombro para o choro.
Já esta tudo decidido a favor dos Franceses. Ainda bem.

Fsinzato

“somos a favor da transparência – é como fazemos negócios na Suécia”

Mas não é a forma como fazemos no Brasil.

Abs.

Nick

Minstro Sten Tolgfors: Oferecemos melhor custo de aquisição e manutenção, TTs “reais” que serão transferidas a partir da 1ª celula do Gripen NG.
Ministro Jobin: Rafale……..

Aguardando o anúncio do Rafale.

[]’s

João

mottaeiras em 23 mar, 2010 às 12:32 Concordo contigo e também pergunto, pq não costurar um acordo fora do F-X2? Não tenha dúvida que será mais vantajoso. JOSE em 23 mar, 2010 às 12:54 “Ministro Sten Tolgfors,oferece o grippen para a marinha,seria ótimo pra vcs e para nós,sendo grippen um caça em desenvolvimento poderia ser FACILMENTE adaptado para operar no SÃO PAULO” (grifo meu). Facilmente não! Aih tah pegando pesado demais a favor do Gripen. Fsinzato em 23 mar, 2010 às 13:16 Certamente que os negócios feitos na Suécia são transparentes. Mas nos temos que reconhecer que somos uma republiqueta… Read more »

LBacelar

“somos a favor da transparência – é como fazemos negócios na Suécia”.

Isso mesmo, são super transparentes, inclusive quando subornaram oficiais da ROKAF para tentar roubar o projeto de avião de 5ª geração, ou quando convidaram um simples prefeito para conhecer as instalações no país!

Sinceramente, tem gente que acha que brasileiro é indio, que continua sendo bobo depois de mais de 500 anos de exploração.

Nenhuma das três propostas é totalmente transparente e ainda querem dar lição de moral. Quero ver tirar essa onda com grande parte da população do país ganhando menos de R$ 1.000,00

Lol

Digam-me qual país da AL iria querer comprar o Rafale, o porque e se esse país conseguiria manter esse caça operacional.

JOSE

Lbacelar tem outra como os suecos sabem que a proposta deles é a melhor,aposto que os franceses melhoram e muito a sua proposta,achei tb uma falta de respeito com o brasil e até uma certa imposição ao brasil.

João sou a favor do rafale mas acredito que seja melhor o grippen para a marinha pois eles tem tempo de esperar o desenvolvimento do grippen,e se o brasil não pegar o projeto provavelmente nenhum outro país pegara,por isso acho acertado a marinha pegar o projeto,já para a FAB é rafale pra ontem!

Galileu

Se suécia der uma ajudinha $$$ pro molusco e cidadania também, quem sabe, mas sei lá Paris é mais famosa…..tem mais butecos.

LOL o governo acha que o paraguai e a argentina tem potencial pra comprar os rafalecos ahhh e a africa tambem, o garcia disse que o governo está olhando para a africa..ahhaha

Francoorp

“desta vez a Aeronáutica reavalia que, considerando a Estratégia de Defesa Nacional, os caças franceses Rafale representam “a proposta mais consistente””

Olha só, então a FAB estava somente esperando a oficialização da END para colocar ela como prioridade na escolha dos meios que irá operar???

Como é que eu não vi isso antes!!!!

Valeu!!

Lol

Só nós aqui na AL vamos de Rafale. Chavinho vai de SU-30 e Chile de F-16.

mottaeiras

O Lula é postulante a cadeira de presidente(?) da ONU , como foi noticiado , isso custa dinheiro muitos acordos serão necessários. Por enguanto sua politica exterior é ineficaz.

Almeida

Não adianta, vamos ficar 30 anos reféns dos franceses (Dasault, Thales, Snecma e MBDA) e matar a nascente indústria aeronáutica militar brasileira (Aeroeletrônica, Mectron e cia.)

Ou vc acha q algum dia esses Rafales vai voar com armamento q nao seja de origem francesa? Com avionicos q nao sejam franceses?

Foi por causa da liberdade de escolha de parceiros na integraçao q eu sempre apoiei e apoio o Gripen. Depender de todos para nao depender de ninguem. Mas, o “acordo estrategico” ja foi feito, vamos deixar os grilhoes dos EUA para usar os grilhoes da França.

Raul

“somos a favor da transparência – é como fazemos negócios na Suécia”

Querem vender um avião que ainda nem existe, inventam especificações técnicas e preços de um avião que ainda não saiu do papel, atacam o Rafale e inventam mentiras sobre os franceses e ainda falam que são transparentes.

Isso se chama desespero.

Nick

Caro Raul,

Acredito que eles (a SAAB) não “inventam” as especificações de seus caças, tampouco os preços. E quanto ao fato de ser de “papel” é na minha opinião uma qualidade não defeito.

E quais mentiras eles inventaram sobre os franceses???

[]’s

luc

big brother edição avião, quem será que ganha? quem será o eliminado?

O engraçado é que a Dassault não fica na mídia falando com repórteres só na especulação… dá para se perceber que é uma empresa bem mais séria!!!

Francoorp

Lol em 23 mar, 2010 às 14:00

Por isso é que daremos um baile neles!! 🙂

mottaeiras em 23 mar, 2010 às 14:04

“O Lula é postulante a cadeira de presidente(?) da ONU , como foi noticiado , isso custa dinheiro muitos acordos serão necessários. Por enguanto sua politica exterior é ineficaz.”

Depois de todos os acordos bi-nacionais, Copa do Mundo, Olimpíada e o Brasil com moral no mundo inteiro eu não entendi essa não! 😯

João Augusto

É uma pena que o Gripen tenha rodado…
T.T
Nick em 23 mar, 2010 às 13:22 > hahahahahah Boa cara. XD

Lol

Nada é de graça. Esses países investiram bilhões no desenvolvimento desses aviões e o Brasil quer tudo de mão beijada? Hhahahaha. Nós temos é que pegar esses países que estão começando a projetar aviões e entrar no bonde deles, participar do desenvolvimento do avião desde o início, só assim teremos a tal ToT irrestrita.

Francoorp

Almeida em 23 mar, 2010 às 14:12 “Ou vc acha q algum dia esses Rafales vai voar com armamento q nao seja de origem francesa? Com avionicos q nao sejam franceses?” Claro que acho, pois ter ascesso aos códigos fonte para poder integrar qualquer tipo de armamento no FX2 é o principio básico da escolha!! 😉 “Foi por causa da liberdade de escolha de parceiros na integraçao q eu sempre apoiei e apoio o Gripen. Depender de todos para nao depender de ninguem.” E como é que se faz para realizar essa coisa de depender de todos para não se… Read more »

StoppingPower

“somos a favor da transparência – é como fazemos negócios na Suécia”.

Bartolomeu

Não adianta, os franceses têm mais argumento$$$ do que os ingênuos suecos.

mottaeiras

Francoorp em 23 mar, 2010 às 14:26

Me refiro as questões com Irã, Cuba, Honduras,”gafe” na visita a Israel, o Brasil engatinha nestas relações principalmente nas do Oriente Médio. Essas e outras não me fazem otimista nas pretenções de nosso presidente , embora ache importante a participação é assim q se ganha experiência.

Abraços

Adrik

Só alguns fatos:

Enquanto o programa do Rafale atrasou e superou o preço estipulado, o programa do Gripen A/B e C/D, foi realizado dentro do cronograma e a última aeronave entregue teve um preço 10% menor do que o previsto.

Não digo que seria a aeronave mais capaz, ou que tenha a mlehor ToT, mas não duvído que o projeto Gripen NG seja finalizado no prazo e dentro dos custos estipulados.

Só um comentário antes do apedrejamento… Minha preferência recai sobre os SH.

Bartolomeu

Caro Luc,
Não creio que este seja o blog para se tratar de política; nosso interesse é avião. Gostamos de avião. Mas como também somos contribuintes, não gostamos de ver comprar o mais caro entre três aviões que a FAB diz terem condições técnicas para atender suas necessidades.
Mas já que você foi tão enfático quanto ao Lula, por favor considere:
1) Os oito anos de Lula coincidiram com os de maior prosperidade na economia mundial;
2) A economia brasileira, nos últimos 8 anos, cresceu abaixo da média dos países em desenvolvimento (incluindo a média da África…)
CONTINUA

egreg

E as dezenas de milhares de homícios por ano, ele não resolve?

Bartolomeu

continuando caro LUC: 4 – O Lula continua a política econômica-financeira do governo anterior e, isso, deu condições de enfrentar a crise mundial; 3- O Brasil não assinou contratos de TRILHÕES com a China, mas fez a reconheceu como economia de mercado (que não é) sem receber nada em troca. 4 – Não existe o cargo de Presidente da ONU e, sim, Secretário-Geral, para o qual Lula não tem perfil (falta, digamos, raciocínio complexo e lógico) e, ademais, não tem equidistância de temas polêmicos (é declaradamente pró Cuba, pró Palestinos, anti-Israel e, evidentemente, é anti norteamericano) 5 – O governo… Read more »

URUTAU

Caro Luc Caro Luc vou um pouco adiante de onde parou o amigo Bartolomeu alias comentário muito bem embasado e sustentado diga-se de passagem parabéns Bartolomeu Luc como ja disse o amigo Bartolomeu o Brasil simplesmente reconheceu alias indevidamente a China como economia de mercado num acordo feito de que mediante tal postura brasileira ela ( China ) nos apoiaria na pretensão de uma cadeira no CS fizemos a nossa parte e os chinese foram os primeiros a irem contra a entrada do Brasil no CS A copa do mundo seria no continente e como recentemente EUA México Argentina já… Read more »

URUTAU

Carissimos editores

Sorry mas eu estava postando quando voces colocaram essa sua posição
Novamente sorry senhores

Um forte abraço senhores editores

Storm

Ele esta tentando eu na posição do Ministro Sueco também tentaria, até os Gringos sabem que o Brasil é o país da última hora e onde tudo é possível.
Até mesmo uma parceria com a Embraer, (em outros programas ou peças) mesmo com a Saab fora do FX2, Quem sabe?

luc

Storm em 23 mar, 2010 às 16:43

Interessante, deve ser por isso mesmo.

luc

Agora com o Lula presidente da ONU iria ficar fácil entrar no conselho de segurança da ONU:

-Já temos porta aviões
-Submarinos inclusive fazendo nucleares
-Helicópteros
-Aviões de última geração
-Apoio de muitos países inclusive da França e o Brasil faz parte dos BRIC

luc

Acho que a França influencia Rússia para votar no Brasil. Pois eles estão fechando um monte de parceria com os Russos e o Brasil idem.

Na área espacial os Russos estão querendo fechar várias parcerias com o Brasil.

Aí vai ficar moleza entrar no Conselho de Segurança.

brazilwolfpack

Depois de tanta enrolacao e ladainha,so vou acreditar neste “anuncio” quando o mesmo seja feito.

Fsinzato

“Raul em 23 mar, 2010 às 14:17

Querem vender um avião que ainda nem existe, inventam especificações técnicas e preços de um avião que ainda não saiu do papel…”

Prezado Raul,

O que você disse também se aplica ao KC-390? Se não, explique?

Abs.

URUTAU

Caro Fsinzato

Caro amigo congratulações alias melhor que isso touché rsrsrsrs

Um forte abraço

falcon

eu acho que o Brasil deveria comprar 18 rafales e 18 gripens pois assim teriamos maior independencia.

luis alberto

O programa FX-2 perdeu a credibilidade no fatidico 7 set 2009. A partir dai todo o processo ficou contaminado. Lamentavelmente, no futuro, qdo, por exemplo, o Exercito precisar trocar os seus fuzis, o Min Def dirah ao Exercito: por questoes politicas e de estrategia, que somente o Min Def entende, o fuzil a ser comprado serah o made in Paraguai, que, apesar de ser o mais caro, eh o que atende ao disposto na END. E assim, lamentavelmente segue o enterro. PS – De fontes seguras (ABIN) a Bolivia manifestou o desejo de adquirir um lote de 18 Rafales fabrique… Read more »

mottaeiras

A suposta parceria especulada pode se limitada a componentes, armamentos e quem sabe futuramente a aviões de varios propósitos. O Brasil hoje é um atraente mercado em qq área. A SAAB se expõem na midia como forma de se manter em evidência, acredito q veremos essa marca a vista mesmo com os Rafales por aqui.

Getulio - São Paulo

Até parece que no comércio de armas tem a “transparência” alegada pelo ministro sueco eles mesmos pagam propina para alavancarem seus negócios.

robertobozzo

Saiu no DefesaNet:

http://www.defesanet.com.br/01_lz/fx2/01_dci_23mar10.htm

” É dada como certa a compra de caças Rafale para a Força Aérea Brasileira (FAB), fabricados pela empresa francesa Dassault, que mudou a estratégia de precificação e troca de tecnologias com o País para sair da terceira posição na disputa pela venda dos caças ao governo brasileiro…
As informações são do deputado federal Willian Woo (PSDB), que pertence a Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional. “

Francoorp

robertobozzo em 23 mar, 2010 às 17:53

E a novidade qual é??? 😈

Pelo que me lembro desde o inicio da novela temos novidades deste tipo com mudança nas propostas e nos preços… álias por falar em preço, vejo que nas recentes matérias o preço chega a até 10 bilhões X 36 unidades 😯 , vejo isso um pouco forçado pela imprensa, isso sim que é querer chamar a atenção contra o governo e a FAB!! 👿

Valeu, acho!! 😕

Francoorp

URUTAU em 23 mar, 2010 às 16:29 “Brasil simplesmente reconheceu alias indevidamente a China como economia de mercado num acordo feito de que mediante tal postura brasileira ela ( China ) nos apoiaria na pretensão de uma cadeira no CS fizemos a nossa parte e os chinese foram os primeiros a irem contra a entrada do Brasil no CS” Urutau, só esqueceu de dizer que isso aconteceu porque o Brasil, a Alemanha, a Índia e o JAPÃO, fizeram uma proposta conjunta a muito tempo atrás onde um apoiava o outro para entrar para o conselho de segurança da ONU, e… Read more »

henrique

QUERIA SABER QUAL O PAIS NA AMÉRICA DO SUL TEM CONDIÇOES DE PAGAR O VALOR DE 300 MILHÕES DE DÓLARES POR CADA RAFALE…….SÓ MESMO O PUXA SACO LULA PRA FAZER ESSA _____________________

EDITADO

URUTAU

Caro Francoorp

Caro camarada me perdoe por derrubar teu castelo de areia mas as chances são infimas para não dizer nulas pois EUA China Russia e Inglaterra com toda certeza irão barrar nossa entrada
Te digo mais é mais facil ocorrer um novo diluvio desta vez localizado
no Atacama do que estes votarem por nossa entrada no CS

Um forte abraço camarada

Últimas Notícias

Embraer avança na produção do primeiro KC-390 Millennium para a Hungria

Hungria é o segundo cliente internacional do programa KC-390 Entregas estão programadas para começar em 2024 Gavião Peixoto –...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -