Home Sistemas de Armas A vantagem das aeronaves ‘stealth’ em operações de bombardeio

A vantagem das aeronaves ‘stealth’ em operações de bombardeio

1269
28

penetration 1

No gráfico acima, uma operação típica de ataque de penetração com bombardeiros B-1B. A primeira barreira é o AWACS inimigo que poderá detectar os bombardeiros e alertar as defesas. Se conseguirem passar pelo AWACS sem alertá-lo, os B-1B ainda terão que passar pelos radares terrestres e de direção de tiro dos mísseis antiaéreos (SAM). Fatalmente alguns bombardeiros serão abatidos.

No gráfico abaixo, o mesmo cenário tático, mas com bombardeiros “stealth” B-2. Graças à sua baixíssima RCS, o alcance dos radares inimigos fica bastante diminuído, possibilitando aos B-2 evadirem-se do AWACS e penetrarem nos buracos criados nas defesas. Os B-2 passam entre os SAM para atingirem seus alvos.

penetration 2

ILUSTRAÇÕES: Bill Sweetman

Subscribe
Notify of
guest
28 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
robert
robert
10 anos atrás

nao seria vantagem tambem eles irem passando e destruindo os SAM e os radares para abrir caminho pros outros?

se eu nao me engano foi assim na primeira guerra do golfo, com os f-117…

falcon
10 anos atrás

muito boa esta serie de materias que o blog esta fazendo sobre a tecnologia ststealth. Agora entendi mais um pouco sobre esta tecnologia. No caso do grafico acima,os B-2 quase nao podem ser notados pelos radares inimigos.

Felipe Cps
Felipe Cps
10 anos atrás

Obviamente que nesse cenário os primeiros alvos seriam os SAM.

LBacelar
LBacelar
10 anos atrás

Esse esquema me faz lembrar dos F4G e F111 wild weasel, que mesmo sem furtividade nenhuma, tinham como alvo inicial os SAM’s, estações de radar e baterias AA no Vietnã. Devido ao alto risco da missão muitos pereceram ao tentar executá-las.

Dalton
Dalton
10 anos atrás

LBacelar…

os F4G entraram em seviço após o Vietnã…se vc quis “dizer” que
foram desenvolvidos com a experiencia ganha no Vietnã, faz mais sentido.

Desconheço F111 wild weasel, parece que nem os australianos utilizaram os deles com este fim.

abraços

Humberto
Humberto
10 anos atrás

Posso estar redondamente enganado, mas não iriam utilizar o B2 para liquidar baterias SAM, o bombardeiro é utilizado para atacar alvos estratégicos ou de altissmo valor tático, a priori, ele iria passar por onde o radar do inimigo não o possa detectar. O B2 é um avião fantastico (eu acho ele feio para burro rsrs) mas muita gente acredita que o mesmo não vale para os dias atuais (ele foi desenvolvido pensando em bombardear a antiga União Soviética) pois o B-52 e/ou B-1 podem fazer o mesmo serviço para as necessidades atuais (como por exemplo jogar bombas (inteligentes ou não)… Read more »

grifo
grifo
10 anos atrás

“Desconheço F111 wild weasel, parece que nem os australianos utilizaram os deles com este fim.”

Realmente, quem fez wild weasel no Vietnam foi o F-105.

LBacelar
LBacelar
10 anos atrás

Perdão senhores, foi o F4E, e da experiência rendeu o desenvolvimento para a versão G.

Sobre os F111 de acordo com a revista Força Aerea, os mesmos foram usados em missões anti radiação sim, não lembro o número, mas assim que achar eu posto aqui

Bosco
Bosco
10 anos atrás

Humberto, hoje o uso de bombardeiros ou mesmo caças stealths para destruir radares e SAM é muito válida tendo em vista o conceito DEAD. Ao contrário das operações SEAD onde a supressão de defesa aérea visa tão somente permitir o sucesso de uma missão contra alvos de alto valor na DEAD o sistema de defesa aérea é o alvo principal. Na SEAD (passiva ou ativa) se faz uso em larga escala de mísseis antiradiação e de aeronaves de guerra eletrônica e é muito dependente do radar da IEDS estar emitindo. Ou seja, é uma ação reativa. Na DEAD provavelmente as… Read more »

Ivan
Ivan
10 anos atrás

B2 is the biggest rip-off of the taxpayer. This is not the first B2 to be lost, the Serbs shot down both an F117 and a B2 back in the kosovo war. The B2 was not shown on TV, because it came down in Croatia (a US ally back then) and the area was sealed off immediately. And funnily enough the serbs did this with old soviet equipment, so the B2 is not that stealth after all.

Ivan
Ivan
10 anos atrás

Сообщения о сбитии B-2 во время войны в Югославии
Некоторые российские источники на основании данных сербской армии полагают[8], что в ходе войны НАТО против Югославии (1999) были сбиты два самолёта B-2: первый (88-0329, «Дух Миссури») сбит 20 мая года над пригородом Белграда ЗРК С-300П, второй (88-0332, «Дух Вашингтона») подбит 1 июня и упал в Хорватии.

Американская сторона потерю вышеуказанных бомбардировщиков не признала.

Ivan
Ivan
10 anos atrás

Ivan,

Não fazia a menor idéia que um B-2 havia sido abatido nos Balcãs.
Há algum site em inglês falando sobre isso?

Saudações,
Ivan, de Pernambuco-Brasil.

humberto
humberto
10 anos atrás

Concordo com a sua explanação Bosco, contudo creio que usar um avião que custa quase 2 bilhões de dolares para faze-lo é um tanto arriscado quando existem outros vetores que poderiam estar fazendo (como o F-15 (com AN/ALR-56M ), F-16CJ e o F-18 Growler). No mais existem diversos artigos que falam sobre a capacidade furtiva dos aviões, o interessante é que os aviões (no caso dos caças) são otimizados para os radares dos caças (dei uma rápida consultada e achei este artigo..http://defense-and-freedom.blogspot.com/2009/04/f-22-great-sead-aircraft.html). E por fim, dizem que o momento menos furtivo de um bombardeiro é quando ele abre o seu… Read more »

Tiago Jeronimo
Tiago Jeronimo
10 anos atrás

Thanks for the conspiracy theory Ivan, let me wear my tin foil hat.

😀

Ivan
Ivan
10 anos atrás

Retired general Bozidar Delic claims that a B2 Stealth bomber was hit during the Kosovo war. http://www.svedok.co.yu/index.asp?show=49109 He was the commander of the 549 Brigade during 1999 war. The interview is pretty long and I can’t translate it at the moment. He talks about various subjects related to the war in the former YU. The bit about the B2 is towards the end of the interview. Retired general Bozidar Delic claims that a B2 Stealth bomber was hit during the Kosovo war. http://www.svedok.co.yu/index.asp?show=49109 He was the commander of the 549 Brigade during 1999 war. The interview is pretty long and… Read more »

Ivan
Ivan
10 anos atrás

The first B2-A was Heavily damaged after a direct hit by Yugoslav air defense . It tried to crash-land but ‘cut off’ a mountain top instead and exploded near the Petrovic Airfield at Skopge .
The 2nd one (Spirit of Missouri, serial no. AV-8 88-0329) was shot down again by Air Defenses at Surcin , near Belgrade .

The B-52H was hit and damaged. Aircraft then headed toward Dobanovci (near Nova Pazova) where it crashed. 17 people killed .

http://www.steelbeasts.com/sbforums/archive/index.php/t-4572.html

grifo
grifo
10 anos atrás

Ivan, acho que os seus dados estão incorretos. Os EUA não perderam nenhum B-2 na guerra do Kosovo, e o “Spirit of Missouri” que supostamente teria sido derrubado pode ser visto na foto abaixo retornando de uma missão no Iraque em 2003:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:B-2_Spirit_returns_to_WHITEMAN_AIR_FORCE_BASE.jpg

Ivan
Ivan
10 anos atrás

Re: grifo em 03 fev, 2010 às 15:45

Segundo esta fotografía posso dizer, que o avião representado nela é igual igualzinho aos outros B-2 da força aérea norte-americana. Como é que você consegui ver os números de série detse avião e identificá-lo como o Spirit of Missouri, serial no. AV-8 88-0329???

Ivan
Ivan
10 anos atrás

http://www.airliners.net/search/photo.search?regsearch=88-0329&distinct_entry=true

Está aqui também representada uma fotografia “oficial” do “Spirit of Missouri” 88-0329 após a guerra do Kosovo de 1999. Os americanos mostram fotografias deste tipo ao todo mundo para esconder o fato que o B-2 Spirit of Missouri foi derrubado pelo sistema anti-aéreo S-125 NEVA na Serbia em 1999.
Se observar bem o número de série desta aeronave (1ª fotografia), da para ver que o número de série é 0040 (em vez de 0329 do derrubado Spirit of Missouri), que pertence ao “Spirit of Alaska”.
http://foto.mail.ru/mail/intelligence80/8/9.html

Ivan
Ivan
10 anos atrás

http://pvo.guns.ru/images/other/yugo/2007/s125_05.jpg

Aqui estáo representadas as marcações das vitorias obtidas na guerra do Kosovo em 1999. Na cabina de controlo do sistema anti-aéreo S-125М1Т “Neva-М”.
http://pvo.guns.ru/other/yugo/neva_kub.htm
Esta equipa de SAM além do famoso F-117 derrubado também tem na sua conta o abate dum F-16 e do B-2 “Spirit of Missouri”.

Wagner
Wagner
10 anos atrás

mas e se alguém inventar um radar que realmente capte os stealth ?
aí voltemos aos Bear e aos Convair B58 ! ah ah ah !!

Rogério
Rogério
9 anos atrás

Ae Ivan serve essa aqui tirado de uma base aérea de Guam em 2.004 ?

http://www.acc.af.mil/shared/media/photodb/photos/050406-F-1740G-004.jpg

Rogério
Rogério
9 anos atrás
Rogério
Rogério
9 anos atrás
Rogério
Rogério
9 anos atrás
Rogério
Rogério
9 anos atrás
Rogério
Rogério
9 anos atrás

OOH, mais o que temos aqui !!! o B-2 “Spirit of Missouri” voando na RedFlag 2.009!!!

aos 3’48″o vídeo mostra claramente o pouso do mesmo na Red Flag 2.009:

http://www.youtube.com/watch?v=mpipC1lTY1Q

Bom mentira tem perna curta e propaganda de guerra russa só engana russo mesmos.

[]s