segunda-feira, outubro 18, 2021

Gripen para o Brasil

A furtividade do PAK FA

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

PAK-FA-1

Depois da primeira aparição pública do PAK FA e das imagens disponíveis, começaram as especulações sobre o nível de furtividade alcançado pela aeronave. Quais as soluções encontradas pelos engenheiros russos para diminuir a Seção Reta Radar (RCS) do seu caça de 5a. geração?

Sabe-se que o maior refletor radar no aspecto frontal de um caça é o compressor das turbinas. Nas foto acima e abaixo percebe-se o desalinhamento das turbinas em relação às entradas de ar, para evitar que as ondas de radar atinjam diretamente os compressores.

PAK-FA RCS analysis

Pelas análises preliminares o PAK FA poderia alcançar um RCS frontal muito pequeno, devido à curvatura dos dutos de ar das turbinas.

Cerca de 90% do fan das turbinas pode ter sido ocultado da reflexão direta das ondas de radar. Observar nas marcações das fotos, o desalinhamento do eixo das turbinas em relação à entrada de ar.

PAK FA duct 2

Além de ocultar o fan das turbinas, os russos também seguiram a mesma técnica do alinhamento das bordas no PAK FA, como os americanos fizeram no F-22, só que usando ângulos diferentes.

PAK FA aligned edges

F-22 alinhamento das superfícies

Com os dados disponíveis, pode-se arriscar que o PAK FA terá um RCS muito baixo, semelhante ao do F-22 ou até superior, pelo menos no aspecto frontal. Isso sem levar em conta o emprego de material radar absorvente (RAM).

O RCS traseiro ainda terá que ser analisado, depois que as novas turbinas forem instaladas.

IMAGENS: Fórum Keypublishing

- Advertisement -

113 Comments

Subscribe
Notify of
guest
113 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
LK

Na minha Opinião ele deverá ser simillar ao F-35 em questão de frtividade

Rosan Amaral

Os russos já pegaram o F22 no seu radar. Agora tentam esconder o PAK FA dos radares yankes. Acho dificil. No final se resolverá no combate direto (a menos de 15 km de distância).

th98

me parece que o trabalho ainda esta na metade. quando ficar pronto vai ser um monstro aereo

Alex

muito barulho, e pouca informação. sera que não é isso tudo.

Wolfpack

Para quem desejar saber mais sobre furtividade, ai está uma historinha interessante: Bem, o que a história nos mostra é que a furtividade esteve mais presente na academia de ciência Russa do que Americana, o pesssoal da Lockheed Skunk Works basearam os seus estudos para o F117 e experimentos Russos. Procure por Ufimtsev, ou oberve os vídeos abaixo. http://www.youtube.com/watch?v=TZAuWzV4uf8 http://www.youtube.com/watch?v=gGG7sPDoeYQ&feature=related http://www.youtube.com/watch?v=WF-UA4jmWsg&feature=related http://www.youtube.com/watch?v=g7JFBJsA8Nc&feature=related http://sistemadearmas.sites.uol.com.br/index.html Ah, o os restos do F117 que a Sérvia entregou aos Russos serviram para quê? Somente para a aposentadoria prematura da criatura da Skunk Works? Olhe o drama do piloto após ser abatido e a reação dos… Read more »

Clésio Luiz

Essa questão das entradas de ar gerou uma longa discussão no fórum do Key Publishing. O pessoal lá é de alto nível para falar de coisas técnicas. Já aqui é desapontador ver o nível dos comentários. Ao invés de comentar sobre a aeronave, fala-se todo tipo de abobrinhas políticas e sonhos impossíveis.

Bosco

Uma coisa interesssante é que ele não parece ter baias laterais, contando apenas com duas ventrais em tandem.
Também salvo engano e salvo algum sistema de acomodação de armas giratório ou “um sobre outro”, não parece caber mais que 3 R77 em cada compartimento.
Em princípio não parece ser capaz de levar mais que a quantidade de mísseis transportados pelo F-22 em seus 4 compartimentos de armas que somam 6 AMRAAM’s e 2 Sidewinders, totalizando 8 mísseis ar-ar internamente.
O que acham senhores?

Hudson

Enpregando a capacidade de guerra do su35 com a material RAM ele vai dar trabalho para f35 ele nunca deverá enfrentar o f22 os PAK-FA devem ser vendidos para países inimigos da turma q comprar o F-35 eu creio nisso, se os Russos e Americanos se enfrentar vira guerra mundial.

Blau Blau

th98,

concordo com o amigo, ontem fiquei curiosos com relação a isso e fui procura fotos do YF-22, e é nítida a deferenças de angulas de varias partes da estrutura.

abraços.

Bosco

Outra grande fonte de reflexão no setor frontal é a antena do radar que no caso dos radares de varredura eletrônica americanos é alinhada provavelmente com a borda anterior dos estabilizadores verticais. Os russos parece que irão usar uma antena AESA móvel para aumentar a amplitude de varredura. Tal característica poderia ter implicações na furtividade? Provavelmente não já que ela poderia ficar num posição fixa inclinada pré-programada quando adentrando uma “zona hostil” e trabalhar com “limitação” de varredura. Outra maneira seria usar no radome material RAM seletivo que consegue “absorver” a energia radar que vem de fora mas é “transparente”… Read more »

Blau Blau

Desculpa pelos erros.

…e é nítida a diferenças de ângulo de várias partes da estrutura.

Bosco

Senhores,
a idéia de que ele possa enfrentar outro caça Stealth, seja o F-22 ou o F35, não é realista de pronto tendo em vista que o Pak FA agregou um maior grau de “furtividade” e não algum tipo inusitado de “sensor” ou “arma” que permita ao mesmo alguma vantagem substancial contra tais vetores.
Claro que ele será um adversário muito mais salgado para caças stealths inimigos, já que irá reduzir a distância de detecção provavelmente ao alcance visual, que é sabidamente uma “arena” mais equilibrada.
Um abraço a todos.

Wolfpack

Bosco, este é o demonstrador. E não fica bem mostrar tudo as câmeras na primeira surtida…
É claro que todos os IRST, SOAR, baias de armas e tomadas de ar e exaustores serão modificados….
Existe sim uma baia lateral sob as asas que poderá ser modificada no futuro. Os desenhos por sinal muito precisos do passado demonstram isso…
http://www.aereo.jor.br/wp-content/uploads/2010/01/pak-fa-28.08.2009.jpg
E por sinal somente os Americanos sabem como andam os projetos Russos? O contrário não existe?
[]s

Wolfpack

7. Capacidade de disparar mísseis para trás;
8. Poderá levar até 12 mísseis ar-ar internamente;
9. Duas baias internas para WLRAAMs e LRAAMs de até 700kg cada + duas baias para mísseis de curto alcance;
10. Enquanto o Raptor pode levar 8 mísseis;

Bosco

Wolf, eu noto que meus comentários têm sido muito mal interpretados hoje em dia quando me referi a equipamentos russos. “E por sinal somente os Americanos sabem como andam os projetos Russos? O contrário não existe?” Não entendi onde seu comentário se insere nos que eu fiz. Quanto a esse desenho que já conheço a pelo menos 6 meses eu não tenho a menor idéia de sua fidelidade. Olhando a foto “real” estampada em bom tamanho nesse post eu não consigo enxergar as tais baias laterais. Também, por favor, vamos nos ater aos mísseis que existem como os R-77, R-73,… Read more »

Bosco

Wolf,
essa “lista” de características publicada pelo blog foi de uma infelicidade tremenda, devo dizer.
Tudo bem. Vamos partir do princípio que a lista vazada é do próprio Ministro da Defesa Russo ou do Engenheiro Chefe do Projeto Pak FA, onde caberiam os tais 12 mísseis? Aliás já li em outras fontes que podem ser até 16 mísseis ar-ar.
Qual a solução de engenharia que foi adotada? Se forem dispostos lado a lado não parece que caibam mais que 3 mísseis R-77 em cada um dos compartimentos internos.

Bosco

Wolf,
realmente a tecnologia Stealth apresentada ao mundo pelo F-117 é mesmo uma furada, né?
Você tem toda razão de criticar. Deveríamos ligar para a Sukhoi parar com o desenvolvimento do PakFA. rsrsrs

Correção: no meu comentário das 15:25 eu quis dizer que os mísseis KS172 e R-27 não devem poder ser levados em compartimentos “internos” e não “externos”.

Mauricio R.

Ao contrário do F-22 que tem o trunking da sentradas de ar em S, isto não aparece no Pak-FA, então a capacidade de os russos mascararem o compressor da turbina é menor. “7. Capacidade de disparar mísseis para trás;” Pelo menos 4 misseis ocidentais tem a capacidade de engajamento “over the shoulder” comprovada. “8. Poderá levar até 12 mísseis ar-ar internamente;” Dependendo da evolução da solução, não bate, não há espaço p/ tanto. É só comparar c/ outros Flankers; entre as turbinas cabem 2 X Alamo em tandem ou 1 X Moskit. “9. Duas baias internas para WLRAAMs e LRAAMs… Read more »

Wolfpack

O que Ufimtsev fez é similar ao que o engenheiro do IME realizou publicando os algoritmos para cálculo da Bomba H…
Isso para quem viu os vídeos que postei acima…
[]s

Barracuda Mocambicana

Clésio Luiz em 31 jan, 2010 às 14:40 Concordo em grau, genero e numero por isso precisamos de pessoas como vc, poderia deixar sua analise sobres entradas de ar? assim enriquecerias o nível dos comentários. Com relação a abrobrinhas politicas gostaria apenas de lembrar que estamos no Brasil, falar de qualquer coisas sem abrobrinhas politicas, verbas acho que e sermos irreais com nossas realidades, com relação aos sonhos impossíveis , falo somente uma coisa se nao sonharmos na viveriamos e nao fariamos nada, pois, o desejo oriundos do sonhos e que nos motiva a fazer, quer um exemplo pratico imagine… Read more »

Wolfpack

Bosco, na boa, você elegeu os americanos como a fonte da sabedoria, mas eu sinto lhe informar que está não é a verdade. Existe vida inteligente fora da California… E ninguém mais que os Americanos sabem disso. A totalidade de seus programas pós Guerra basearam-se em projetos Alemães e cérebros russos, suecos, franceses, chineses e por ai vai… Até alguns brasucas já deram pitaco por lá. O F117 foi forçado a sair de linha pois sua tecnologia foi superada, suas formas e sua velocidade não o manteria vivo por muito tempo nos TO atuais. Depois da Sérvia, virou lixo tecnológico.… Read more »

Bosco

Não deveríamos nos ater aquela lista malfadada apresentada pelo blog para não denegrirmos o projeto russo. Sem dúvida ela foi elaborada por um completo ignorante no assunto. Mísseis lançados para trás? Mísseis com 400 km de alcance? Ora! tenham dó! Um caça stealth não precisa ter mísseis com zilhões de quilômetros de alcance já que ele pode se aproximar furtivamente. Quanto a ter mísseis disparados para trás eu acho que deva ser devido a grande capacidade HOBS do míssil R-73 que possibilita ao mesmo atingir alvos no hemisfério traseiro, e não que ele tenha sido montado voltado para trás. Seria… Read more »

Mauricio R.

KS-172 tá em serviço de esquadrão??? Foto da MASK 2009 não vale.

Bosco

Jogo a toalha e vamos encerrar a discussão.
O PakFA leva 68 mísseis ar-ar com 1200 km de alcance e tem o RCS de um “grelhinho de pulga” e pode detectar um F-22 um voando sobre o Alasca desde os Urais com seu radar AESA.

Mauricio R.

O F-177 qndo foi abatido em 1999 na Sérvia, era produto de uma tecnologia de 25 anos, de manutenção intensiva, cara.
Já tinha no B-2 um sucessor mais capaz.

Welington

Eu arisco a dizer com certeza que o RCS do SU-50 será igual ou inferior ao do F-22 A.

João Paulo Caruso

Concordo bastante com os opinões do Bosco. não é que os americanos sejam donos da verdade, mas na grande maioria das vezes eles cumprem o que dizem. Essa coisa de míssil russo com mais de 300 ou 400km de alcance se fala a mais de 20 anos e até agora não ficou pronto.As experências práticas com mísseis air-to-air russos muitas vezes foram decepcionantes, mesmo contra alvos com pouca defesa. Se não me engano, foram usados dois mísseis para derrubar aquele Boeing em 83, o primeiro errou. Nas gruerras do oriente médio os aviões árabes também tinham mísseis e agente nem… Read more »

Flanker

Wolfpack,

Vi os vídeos, mas parece um pouco propaganda, como os vídeos do History Channel por exemplo.

Só pra esclarecer, não acho os EUA os únicos poderosos, donos da verdade, e nem dúvido da capacidade Russa. Só não dou muita credibilidade ao vídeo.

Nick

Enquanto entusiastas, e de certa forma neutros, uma vez não somos nem americanos , nem russos ; podemos apenar apreciar o que eles estao fazendo. Os americanos com sua Máquina de Guerra e verbas praticamente ilimitadas, se comparadas com o resto do mundo. E a Russia que mesmo que com menos verbas, vem acompanhando e em alguns casos liderando a tecnologia militar. No caso de Caças Furtivos é evidente a liderança Americana. Digamos que é uma resposta a capacidade dos sistemas SAM russos. Com sistemas não furtivos, bombardear a Russia estava cada vez mais dificil. SR-71, U2, F-117, F-22, F35..e… Read more »

Welington

Há que se ressaltar que pode haver uma pequena carenagem na parte superior do duto, escondendo assim 100 % da face frontal do motor…
Um grande abraço a todos…

Welington

Não entendo porque muitos tendem a não acreditar que os Russos podem construir produtos tão bons como os dos EUA, sinceramente não entendo este preconceito, até parece que os mesmos começaram a desenvolver tecnologias de descrição steath ontem…
Um grande abraço a todos…

Alexandre Galante

Pessoal, vamos deixar a torcida por americanos e russos de lado e procurar analisar o avião tecnicamente. Será que conseguimos? ou só entusiasta gringo consegue?

G-LOC

para encobrir o motor a técnica pode ser um duto em “S” ou colocar uma proteção como uma persiana. O Flanker já usa uma grade para evitar FOD e seria uma solução com a mesma capacidade do F-117. Pode ser usada só quando existe uma ameaça.

A FAB já parece estar bem preparada para um combate com aviões de quinta geração pois os F-5, Mirage e AMX praticamente não tem radar. O combate é sempre no visual. No final vai acabar voltando ao passado.

Bosco

Comentário 1: Uma coisa interesssante é que ele não parece ter baias laterais, contando apenas com duas ventrais em tandem. Também salvo engano e salvo algum sistema de acomodação de armas giratório ou “um sobre outro”, não parece caber mais que 3 R77 em cada compartimento. Em princípio não parece ser capaz de levar mais que a quantidade de mísseis transportados pelo F-22 em seus 4 compartimentos de armas que somam 6 AMRAAM’s e 2 Sidewinders, totalizando 8 mísseis ar-ar internamente. O que acham senhores? Comentário 2: Outra grande fonte de reflexão no setor frontal é a antena do radar… Read more »

Alexandre Galante

Bosco, por favor não faça isso, se você deixar de colocar seus comentários aí é que o nível cairá de vez… 🙂

рустам

Welington по 31 января 2010 в 17:12 спасибо вам за поддержку русского оружия!!!!!!! Прежде всего хочу сказать что многие просто об нем не знают!!! русские системы всегда отличались своей низкой ценой и наивысшем качеством( пример автомат калашникова-лучший автомат за всю историю стрелкового оружия)Просто в 90 ые годы 20 века после распада советского союза мы погрузились в хаос, денег нет, армия в кризисе кругом коррупция, тысячи ученых уехали на запад, сотни тысяч русских идей покупались западными компаниями за дорма!!! Мы делали все что нам укажут США !!!! и этому не было конца!!! но в 2000 году пришел В В Путин и… Read more »

Alexandre Galante

рустам, Добро пожаловать и все русские читатели!

Rodrigo Cesarini

Já cansou essa bobagem de traduzir para o russo no Google

Felipe Cps

Pessoal, me desculpem a crítica, não sou especialista em ótica, mas me parece que as imagens carecem de passar melhor pelo “tira-teima”… Ou quem fez estava querendo provar alguma coisa (???) ou errou feio… Na imagem 2, me parece que o desalinhamento não passa de uns 40%, e isso apenas pelo trem de pouso, pois não enxerguei desalinhamento da entrada em relação à saída. Acho que quem fez as imagens puxou as linhas centrais um pouquinho para fora (de baixo pra cima), hehehe… Interessante notar entretanto que, vista de baixo, a tomada de ar tem um formato assimétrico bastante interessante.… Read more »

Felipe Cps

Wolfpack em 31 jan, 2010 às 15:50

“A totalidade de seus programas pós Guerra basearam-se em projetos Alemães e cérebros russos, suecos, franceses, chineses e por ai vai…”

Amigo Wolfpack, embora eu quase sempre não concorde com sua linha de raciocínio, alguns de seus comentários são embasados, não perca sua credibilidade à toa…

Quer dizer que “us americanu” não projetaram NADA após a WWII??? Pára com isso parceiro, fica ridículo sabe?

Sds.

Felipe Cps

Bosco em 31 jan, 2010 às 15:54

“Não deveríamos nos ater aquela lista malfadada apresentada pelo blog para não denegrirmos o projeto russo.”

Como sempre magistral caro Bosco. Perfeito: aquela lista de capacidades do T-50 só serve para denegrir um projeto sério que tem suas vantagens, criando uma aura mítica absolutamente imerecida.

Mísseis lançados para trás? Coisa mais “estranha”, rsrsrsrs…

Sds.

Welington

Bosco a principio o PAK FA poderá levar 8 mísseis BVRs se o mesmo utilizar um arranjo de pilones em que os mísseis vão sobrepostos. Uma antena de radar móvel pode sim diminuir o RCS da aeronave, já que a mesma pode ficar sempre a mais de 45º (Frontal, ou na direção de um provável inimigo) de um ponto fixo sem perder ângulo de busca. O PAK FA ira utilizar um radome seletivo assim como o SU-35 BM. O canopy ira ser dourado ou com outra tecnologia de absorção ou deflexão de EM. Desde o inicio do seu projeto o… Read more »

Welington

Рустам, я всегда поддерживал русский команду, потому что они конкретно напали предрассудков и предпочтений, в частности для оборудования, например, 3-й Наций, США, России и Германии, они продемонстрировали потенциал для развития, чем остальной мир …
Большая рустам обнять …

Felipe Cps

G-LOC em 31 jan, 2010 às 17:19

“A FAB já parece estar bem preparada para um combate com aviões de quinta geração pois os F-5, Mirage e AMX praticamente não tem radar. O combate é sempre no visual. No final vai acabar voltando ao passado.”

Amigo, isso que você disse é pra lá de injusto e estúpido. Não vou nem comentar ok?

Sds.

Nick

Apesar da tradução não estar perfeita, deu para entender o entusiasmo com esse caça. É um marco realmente… e espero q estejamos nele em um futuro não muito distante.

Parabens aos Russos!

Felipe Cps

Bosco, vc tem credibilidade a dar com pau. Deixa-os viajar na maionese… 😉

tyrion

eu desisto…vou deixar a poeira baixar…a paxonite dos dois lados…

cerberosph

…Há que se ressaltar que pode haver uma pequena carenagem na parte superior do duto, escondendo assim 100 % da face frontal do motor…Welington

Realmente tem uma foto gigante de frente num site russo e nota-se que tem um anteparo, não da para ver se movel, na frente do tunel que impede a visão do mesmo. Também o tunel não é reto, não chega a ser em forma de S, mais se você reparar o trem de pouso tampa uma parte da frente da turbina.

Bosco

Último comentário sobre o tema Russófilos/Americanófobos X Americanófilos/Russófobos: Tecnologia é “Ciência Aplicada”. Eu particularmente estou me lixando pra quem foi que primeiro teorizou sobre a furtividade, ou se os nazistas já tinham uma asa voadora, ou se foi o Von Braun o responsável pelo homem ter ido a lua, ou se foram os americanos que primeiro partiram o átomo, ou se os russos foram os primeiros a colocarem um satélite em órbita, ou se foi o Santos Dumont ou os Irmãos Wrigth que primeiro voaram em uma aeronave mais pesada que o ar, ou se foi o Leonardo da Vinci… Read more »

Wilhelm

F-117 : 1981
F-22 : 1997
F-35 : 2006

Em 2009, além de estarem 30 anos atrasados, os Russos apresentam um treco que não passa de um FLANKER FEITO DE ORIGAMI e todo mundo já diz que é melhor que doze F-22 juntos.

grifo

Quem diria que aqui temos gente que tem verdadeira “visão radar” e consegue analisar o RCS de uma aeronave só vendo a fotografia e vídeo de youtube.

Thierry

Товарищ русской дружбы. Да здравствует великая вечная Россия!

Últimas Notícias

China testa nova capacidade espacial com míssil hipersônico

O lançamento em agosto de um foguete com capacidade nuclear que circulou o globo pegou a inteligência dos EUA...
- Advertisement -
- Advertisement -