terça-feira, maio 18, 2021

Gripen para o Brasil

Sobrevoo de KC-137 assusta moradores de Porto Alegre

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

KC-137-fotoFAB

O sobrevoo de um Boeing 707 da Força Aérea Brasileira (FAB) por vários bairros de Porto Alegre (RS) na tarde deste domingo assustou alguns moradores da cidade. “Ele estava em baixa altitude e com o trem de pouso à mostra”, conta o internauta Danilo Dias da Cunha.

O barulho intenso do motor e a fumaça levaram algumas pessoas a pensar que a aeronave apresentava problemas. Segundo o sargento Dornelles, da corporação responsável pela área do Aeroporto Internacional Salgado Filho, a Brigada Militar urbana recebeu telefonemas de moradores preocupados com a situação. “Os bombeiros entraram em contato conosco para saber se havia alguma alteração no voo”, diz.

De acordo com a FAB, o avião está no Rio Grande do Sul para participar da Operação Laçador, um exercício operacional do Ministério da Defesa que envolve a Marinha, o Exército e a Aeronáutica, entre os dias 16 e 27 deste mês.

Na tarde deste domingo, o avião estava na Base Aérea de Canoas (RS) e precisou ser deslocado, por questão operacional, para a capital Porto Alegre. Segundo a FAB, em virtude da pequena distância, o trem de pouso não foi recolhido e a altitude de 1.500 pés, prevista para aeronaves deste tipo, foi mantida.

Ainda de acordo com o órgão, não houve qualquer tipo de pane e o voo foi realizado dentro das normas de segurança.

FONTE/FOTO: Portal Terra/FAB

Leia também:

- Advertisement -

10 Comments

Subscribe
Notify of
guest
10 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
alfredo.araujo

Estudo em Duque de Caxias (RJ) e sei o q é isso, pois a minha faculdade fica na rota de pouso do aeroporto Tom Jobim / Base do Galeão.
La é a base dos Corsários, entao de vez enquando, o professor chega a parar de falar por causa do barulho intenso das turbinas dos sucatões! Ele não ousa competir com o barulho…

Eu particularmente acho um barulho lindo… sem igual…

andrepoa

Lembram do caso do air force one dando rasantes em NY uns tempos atras? Parece que mesmo com mil avisos ainda tem gente que se assusta.

andrepoa

Agora falando serio, estes 707 são aviões muito resistentes (basta ver quantas decadas de uso) mas com um nível de ruído muito alto. Em varios aeroportos do mundo eles são proibidos de operar pela zoeira que fazem. Eles tem uma vida util muito longa, me lembra um pouco das histórias que lia dos tempos heróicos do DC-3, outro avião com vida util que termina nunca.

Walderson

Galera,

uma pequena pergunta: poder-se-ia substituir essas turbinas por outras mais silenciosas? Ou não vale à pena?

RodrigoMF

Existiu um projeto de substituir pela CF6M, mas para não perder o costume foi abortado por falta de recursos.

cmte.felix

1500ft para um learjet parece que ta bem alto… mas para um 707 com suas enormes asas.. parece rasante mesmo.

Os vizinhos do John Travolta também sofrem com o mesmo problema. rssssss

Clésio Luiz

Eu estava lendo em diversas fontes sobre a validade de modernizar o KC-137, e me parece que o problema é de escala. São só 4 unidades na FAB. Por ser um projeto antigo, ele precisa de muito mais manutenção que um A-330 ou 767. Você substitui os motores, mas ainda precisa dar manutenção em trem de pouso, servos dos flaps, spoilers, leme, estabilizadores. Tem que trocar pastilhas e discos de freio, pneus, e dezenas (ou centenas) de outras peças que eu não conheço, mas que precisam de reposição. E mesmo que você faça uma modernização nessas aeronaves, trocando motores e… Read more »

Jose Maria

Qualquer aeronave desenvolvida para maior velocidade, seja jato, pistão ou turboélice, para manter baixa velocidade necessita flaps e trens baixados…. se a aeronave estava mantendo baixa altura, provavelmente deve ter sido instruída a manter baixa velocidade, o que o obrigaria a arriar os flaps, e dependendo de quão baixa é a velocidade, os trens arriados também.

Felipe Maia

Não sei por qual motivo não optamos pela modernização dos 4 KC-137 em tempo hábil. Ao que me consta estas eram as células mais bem conservadas do mundo todo. Se o problema para voos internacionais eram o ruído, a poluição e a ausência de alguns equipamentos de segurança, trocassem os motores pelos CFM-56 e modernizassem a eletrônica. Ainda estaríamos com eles operantes e bonitões por aí.

Walfrido Strobel

Felipe Maia 11 de setembro de 2017 at 15:26
.
F. M., custo e idade das células, a melhor opção seria os KC-767 convertidos de B767 usados para poder voar com manutenção tranquila por muitos anos.

Reportagens especiais

Lenda Mach 3: North American XB-70 Valkyrie

Tendo voado pela primeira vez há mais de 50 anos, o XB-70 Valkyrie foi um obra-prima tecnológica do seu...
- Advertisement -
- Advertisement -