quarta-feira, maio 12, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Dubai Air Show 2009 – presenças esperadas:

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

f-22-raptor1 

rafale-13

 typhoon-raf-foto-eurofighter-500x350

f-15e-strike-eagle-2

m-346-foto-alenia-aermacchi

F-16

O Dubai Air Show 2009 ocorrerá de 15 a 19 de novembro, na mais famosa cidade dos Emirados Árabes Unidos. Para saber mais, clique aqui e acesse a página do evento.

- Advertisement -

24 Comments

Subscribe
Notify of
guest
24 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Felipe Cps

Caraca, pode até ser um excelente avião, mas que ficou feio pacas esse F-16 “Tunadão” ah, isso ficou… até demorei pra reconhecer, no começo pensei que fosse um Tornado, rsrs…

E o tal M-346 parece um AMX que tomou “bomba”…

Engraçado, será que a SAAB não levará o Gripen?

Sds.

Wilson "Giordani" de Souza

Bonita a pintura do F-22…

[]s

alfredo.araujo

Dubai sempre roubando a cena!!
E faltava isso mesmo… Um show aéreo para desbancar Royal Air tatto, Le bourget e Marks..

Ivan

O M-346 Master poderia ser o substituto do Xavante na missão LIFT, sucessor do AMX na missão de ataque e ser um futuro caça leve, para complementar o FX-2 em uma combinação HI/LOW.
Abç,
Ivan.

Ivan

Felipe,

O F-16 é impressionante. ‘Tunado’ e ‘Anabolizado’.
Mas continua sendo uma máquina impressionante.

Ivan.

flaviodepaula

Será que o Gripen NG vai??

Ah, foi mal, é só um projeto….Mas o Rafale vai não é???

rsrsr, galera, é só pra curtir mesmo, não levem a sério.

alenio01

Salve amigos, é engano meu ou esse eurofighter typhoon tem a bandeira do Brasil na lateral. Agora deigasse de passagem esse F-22 é o avião, os outros naum chegam nem perto dele infelizmente…abraços

Clésio Luiz

Interessante notar que até agora o F-22 ainda não se apresentou num mesmo show onde estejam presentes os Flanker. Será o medo de comparações?

Paulo Renato

Belas fotos heim !!!!

A turma do Rafaleco não perde tempo memso !!!!

Abs.

Francisco AMX

Felipe, o NG não tem como ir… sabe pq não é?! rsrsrs
já o Demo, não tem alcance! rsrssrs

Brincaderinha bro! é que tu levantou a bola “nóis qué cabeçiá”!

Aos amigos que insitem em dizer que o Sh é mais capz do que o F-15E/K, dêem uma olhadinha na foto do F-15 aí de cima, olhem para dentro do seu “eu” e falem a verdade! nem aqui nesta vida e nem em outra um SH é páreo para o Eagle, já não era com o radar passado, imaginem agora com o APG-82…. ACORDEM!

Saudações!

MO

desculpem o ofii topica em relação a feira dos dubaianos

mas se não viram, sugiro, principalmente pra quem gosta do F 14

‘Cavaleiros dos Ares’ – (Speed Angels)

HBO 2 10:00 Sex 13/11/2009

HBO 2 07:15 Ter 17/11/2009

HBO 2 02:25 Seg 23/11/2009

HBO 2 05:25 Sáb 28/11/2009

Maxprime-DL 10:30 Seg 7/12/2009

Maxprime-DO 13:30 Seg 7/12/2009

PS: declaro que o MO em nada tem a ver com isso ….

Felipe Cps

Fco AMX: Então nessa meu amigo, peguei você e todo mundo: perceba que eu perguntei se a SAAB não levaria o GRIPEN e não o Gripen NG… Quanto ao Gripen NG demonstrator, você pode crer que, com o supercruiser da magnífica turbina F-414G+, ele chegaria lá antes de todo mundo, com um único REVO, e sem qualquer necessidade de tanques extras ao redor das asas, fuselagem, leme, canards, trem de pouso, canopy, orelha do piloto, etc, bem ao contrário da aparência e da aerodinâmica um tanto “pesada” de certas bicheiras francélicas, rsrsrs 🙂 Quanto ao Eagle, essa velharia deve ter… Read more »

Francisco AMX

He he Felipe! faz parte!

VC realmente acredita que o F-15 não enxerga o SH antes? fala sério? o F-15E da USAF tem “coisinhas” no recheio que não são levadas por mais nenhum avião no mundo, a não ser o F-22… na arena de superioridade aérea ele “papa” todos os vetores dos USA, menos o F-22 claro.

Abraço Bro!

Felipe Cps

Chicão, e o RCS “baleiar” dele?

Francisco AMX

Felipe, apesar do F-15 ser grande (não é só tamanho que determina seu RCS, na verdade tamanho não é o que mais pesa) seus materiais e forma… (dos F-15 mais novos) e o amigo há de convir que o F-15 certamente já usa, desde sua criação/projeto materiais adequados e só recebeu melhorias neste sentido com o passar dos anos, e sua forma geral tb contempla isso, não é de hoje que a busca por RCS mais discreto é prerrogativa em caças de superioridade aérea, principalmente os concebidos para ficar como dominantes deste aspecto, caso do F-15 e F-22, esta conversa… Read more »

Felipe Cps

Ah Chicão, esse papinho é o mesmo que os defensores do caça acrobático usavam… “que os russos estão adiantados em material RAM, e blábláblá”…

Fatos, não especulação broe… acreditar que um caça de projeto de 40 anos teve o RCS reduzido por “milagre” não faz sentido.

Abs.

Ivan

Francisco, Eu li a certo tempo que quando o F-16 recebeu o APG-68 e, consequentemente teve capacidade BVR usando o AMRAAM surpreendeu os pilotos de F-15 em combates simulados. Estes pilotos de F-15 simplesmente não conseguiam “ver” os pequenos e arrendodados F-16, que por sua vez “fechavam” com facilidade nos imensos F-15… Eu li também que os pequenos AMX italianos impressionaram os operadores de radar dos AWACS nas operações sobre a Bósnia. Eram notadamente pequenos nos seus monitores… Sei que o material e técnicas de construção são determinantes sobre o RCS, mas não devemos menosprezar o tamanho. Tamanho ainda é… Read more »

Francisco AMX

Felipe, se especulações não servem para nada, vamos parar de “bloguear”, pois o próprio amigo vive especulando! pode estar certo? sim, mas pode não! E sobre o F-15… esquece, tu tá muito cabeça dura, sabe que o que eu falo tem fundamento, não é especulação não, o amigo não deveria abandonar o NG ainda, é feio rsrsrsr, tá passando para o SH agora? rsrsr – mas já começa errado tentando desqualificar um dos maiores sucessos da aviação moderna, perante um caça que, apesar de mais novo na idade tem uma essência de projeto mais antiga – estou falando em FATO!… Read more »

Francisco AMX

Ivan, vc fala do F-15C com a primeira versão do APG-63, porém nos anos noventa entrou em operação uma versão do APG-PESA, se não me engano a terceira, que começou a equipar os mais novos F-15C e E, aí foram utilizadas tecnologias restritas, que só forma passadas para aliados recentemente com os F-15K, o que me chama a atenção é que o SH é oferecido com o APG-79 desde de que este está disponível para o caça… estranho não é?… não é não! o APG é moderno e eficiente, mas não como o APG-63 atual já chamado de APG-82… Ivan… Read more »

Francisco AMX

Ah Felipe não me dei conta… mas “papinho”? pq isso? só pq não concordei com vc, aliás ultimamente está difícil, tu tá muito odioso pelo FX-2, e tudo que pode se tornar contra o Rafale vira seu bibelô! não se irrite tanto – tira o pé camarada.
Eu não tenho problema em aceitar qualquer um dos 3! tomara que venha alguma coisa, esta é nossa maior diferença!
Quer saber, acho que eu serei o único feliz aqui do blog, independente do resultado!

Felipe Cps

Ow Chicão, fica frio, o “papinho” foi uma referência aos antigos russófilos, não a vc, rsrs 🙂

Abs.

Bosco

Chicão, depois dessa “pergunta pro Bosco…” eu vou dormir bem mais feliz. rsrs… Mas embora tenha me referido devo te lembrar que o maior expert em ‘furtividade’ do blog é o ausente Welington. rsrs… Mas já que gosto do assunto não vou fugir de dar meu pitaco. Realmente o ‘tamanho’ não é diretamente proporcional ao RCS de modo geral já que existem outros fatores mais determinantes. Seria lógico pensar que no caso de se comparar aeronaves que não foram pensadas para terem uma assinatura radar reduzida, que a maior tem um RCS proporcionalmente maior, mas isso pode não ser verdade… Read more »

Ivan

Bosco,

Obrigado pela empolgação.
Muito esclarecedor.

Abç,
Ivan.

Francisco AMX

Bosco, perfeito! viu! não te chamei em vão! rsrsrss “O que quero dizer é que um F-15 com RCS de 10 m2 carregado de armas externas nos cabides não faz grande diferença, mas um F-16 carregado de peduricalhos faz. Assim como faz no Rafale, no SH ou no Gripen. Se no passado um F-15 era detectado por um F-16 a 90 km (com ou sem carga externa) esse mesmo F-15 podia detectar um F-16 a 130 km tendo em vista ter um radar mais eficiente e o incremento da assinatura radar do caça menor devido as necessárias cargas externas.” Isso… Read more »

Reportagens especiais

Stealth: por que os europeus demoraram tanto para adotar a tecnologia?

Mesmo depois do desenvolvimento pelos americanos de aviões de combate dotados de tecnologia furtiva F-117A Nighthawk, B-2 Spirit, F-22 Raptor, F-35 Lightning II,...
- Advertisement -
- Advertisement -