domingo, maio 9, 2021

Gripen para o Brasil

Sábado Aéreo em Brasília

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Dominique Lima

Cerca de 30 mil pessoas aproveitaram as brincadeiras, os voos e a popular apresentação da Esquadrilha da Fumaça durante o Sábado Aéreo, evento dedicado às comemorações do Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira (FAB), celebrado em 23 de outubro. As atividades promovidas pela FAB atraíram crianças, adultos e idosos à Base Aérea de Brasília. O intuito da organização é aproximar a população civil da rotina militar, com a oportunidade de chegar perto das aeronaves ou mesmo fazer voos panorâmicos. As comemorações da FAB para o Dia do Aviador se realizam há mais de 20 anos, sempre no fim de semana que antecede o dia 23.

Um dos pontos altos da festa foi o espetáculo da Esquadrilha da Fumaça, que, com suas acrobacias aéreas, mobilizou a atenção.

“O evento faz parte das celebrações do Dia do Aviador e do Mês da Asa, tradicionalmente comemorados em outubro, e contou, este ano, com eventos como o concerto da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional, uma missa especial e as atividades do Sábado Aéreo”, explica um dos organizadores, o capitão Roberto Ferreira. Ele conta que a ideia é apresentar as diversas áreas de atuação da FAB, além de mostrar a frota brasileira de aeronaves — composta de caças, aviões de transporte e carga, patrulha e reconhecimento — e suas diferentes funções em cada região do país.

“Viemos por indicação de um amigo, que participa da organização, para ver os aviões de perto e tentar fazer o voo panorâmico”, conta a estudante Rayanne Rodrigues, de 19 anos. Ela, o pai, o comerciante

Osmar Rodrigues, a mulher Janderlene e o filho Afonso: primeira vez na Base Osmar Rodrigues, de 43 anos, e o irmão mais novo, Rayan, de 12, foram pela primeira vez ao evento anual da Aeronáutica, impressionaram-se com os aviões e aproveitaram para tirar diversas fotos. O caráter educativo é um dos principais focos do evento, que contou com estandes de exames médicos básicos, ensino de práticas de higiene, simuladores de voo e exposição sobre a história da Aeronáutica brasileira.

As crianças tiveram atenção especial. Pula-pula, pintura de rosto e fotos com o uniforme da aviação foram as atrações mais disputadas. O servidor público Gerson Dias de Abreu e sua mulher, Janderlene Fontenele de Abreu, divertiam-se com a alegria do filho Afonso, de quatro anos.

Com uma réplica de brinquedo nas mãos, a criança corria entre as aeronaves fazendo o barulho das turbinas. “Viemos pelo nosso filho, que adora aviões. Ficamos surpresos com a boa organização e o fato de não estar cheio demais”, explica o pai.

Entre os fãs adultos, as visitas aos aviões e helicópteros e os simuladores de voo foram as atrações mais procuradas. Os três voos panorâmicos, com assentos sorteados entre os visitantes, foram os mais concorridos do dia. A cada sorteio, centenas de pessoas esperavam ansiosamente serem chamadas. Outro destaque foi a filantropia, outro objetivo da organização. Segundo o capitão Roberto Ferreira, pretende-se superar a marca de três toneladas de alimentos doados por visitantes, quantidade arrecadada no evento do ano passado. Tudo será repassado a cinco instituições de caridade.

O primeiro voo

O Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira é uma homenagem ao primeiro voo mecânico da história, realizado pelo brasileiro Alberto Santos Dumont com o 14 Bis em 23 de outubro de 1906. O aeroplano de Santos Dumont inspirou a produção dos aviões modernos e consagrou o brasileiro como um dos pais da aviação.

FONTE: Correio Brasiliense

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Reportagens especiais

Visita ao National Naval Aviation Museum – parte 2

Continuando a visita à parte externa do National Naval Aviation Museum em Pensacola-FL, pudemos fotografar várias aeronaves que marcaram...
- Advertisement -
- Advertisement -