quarta-feira, abril 14, 2021

Gripen para o Brasil

Mais um F-5 ‘bizarro’ e não é iraniano*

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

f-5e-nasa

vinheta-especialEste é um autêntico Northrop F-5E Tiger II modificado para ensaios em voo supersônico da NASA. Quando uma aeronave voa em velocidade superior à do som (1.226 km/h ao nível do mar), as partículas de ar que estão à sua frente são comprimidas formando uma onda de choque. As ondas de choque propagam-se pelo ar e atingem o solo depois da passagem da aeronave. Quem estiver no solo num ponto próximo à trajetória da aeronave ouvirá um forte barulho chamado ‘estrondo sônico’ (“sonic boom”).

Um dos inconvenientes do estrondo sônico são os inúmeros desconfortos causados para a população civil. Em função disso foram criadas legislações ao redor do mundo que inibem ou proíbem a voo supersônico próximo do solo. Em função dessas imposições legais o Concorde, por exemplo, acelerava para o voo supersônico sobre o mar e em altitudes elevadas, minimizando os efeitos do estrondo sônico sobre a terra.

A NASA, em associação com a Northrop Grumman e a DARPA (Defense Advanced Research Projects Agency), desenvolve um programa de estudos visando a redução da intensidade do estrondo sônico. Dentre os diversos estudos deste programa está a busca por formas aerodinâmicas mais eficientes em voos supersônicos.

Em 2003, durante o programa SSBD (Shaped Sonic Boom Demonstration) um F-5E Tiger II da USN foi modificado para servir de plataforma de ensaios em voo. Muitas vezes denominado F-5 QSP (Quiet Supersonic Platform), a aeronave realizou uma série de voos de ensaio, acompanhada por outros aviões e monitorada por sensores instalados no solo. O objetivo do programa é compreender melhor o voo supersônico e aplicar o conhecimento adquirido tanto no meio militar como no meio civil.

f-5e-nasa-2

*Para ver as modificações feitas pelos iranianos nos seus caças F-5E, clique aqui.

FOTOS: Dryden Flight Research Center – NASA

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Hornet

Vixe! Pensei que o Nunão tivesse reativado a seção dos caça bizarros…aliás, podia reativar…era bem legal! E ficou faltando a série prometida do “Esquadrão Abutre” (Pegarrrr Pombo!!!)…

Mas isso aí é um F-5 aonde? No nome apenas, né?

ai, ai, ai….

abraços a todos

Baschera

Cruzes….. o bixo está barrigudo…. será gravidez ???

Sds.

Jacubao

Minha nossa, o bichinho ficou feio demais, prefiro o original.

welington

F-5 pelicano, rsrsrs.
Um grande abraço a todos.

Bosco

A tecnologia que irá proporcionar a uma aeronave voar a quase Mach 2.0 “silenciosamente” está em processo de se tornar viável dentro de alguns anos.
Existem várias iniciativas tecnológicas nesse sentido tanto para aplicação militar quanto civil.
Um abraço a todos.

Clésio Luiz

Esse é o F-5P. P de “Padudo” 😉
Eu acho que todo piloto sente um certo orgulho ao se aproximar de um caça bonito. Eu pessoalmente ficaria.

Agora, o piloto que voou esse papudo aí não devia sorrir muito ao se aproximar do avião na linha de vôo.

Sopa

Acho que o Brasil devia seguir esses passos e usar os poucos Mike´s que tem para usar com plataforma de testes da Embraer, quem sabe poderíamos desenvolver novas tecnologias com nos EUA !

Façam igual ao Canadá contratem engenheiros Militares Americanos pro Brasil !!! somos fera em Jatos Civis, podemos ficar nos Militares tb!!

Sds.

madvad

tá de quantos meses esse Tigre???

Lucas Calabrio

Putz será premonição Hornet?

Vassili

Esse eu quero bem longe das fileiras da FAB.

Tenho que concordar com o pessoal, ele parece “grávido”………….

Hornet

Vixe! Pensei que o Nunão tivesse reativado a seção dos caça bizarros…aliás, podia reativar…era bem legal! E ficou faltando a série prometida do “Esquadrão Abutre” (Pegarrrr Pombo!!!)…

Mas isso aí é um F-5 aonde? No nome apenas, né?

ai, ai, ai….

abraços a todos

Baschera

Cruzes….. o bixo está barrigudo…. será gravidez ???

Sds.

Jacubao

Minha nossa, o bichinho ficou feio demais, prefiro o original.

welington

F-5 pelicano, rsrsrs.
Um grande abraço a todos.

Bosco

A tecnologia que irá proporcionar a uma aeronave voar a quase Mach 2.0 “silenciosamente” está em processo de se tornar viável dentro de alguns anos.
Existem várias iniciativas tecnológicas nesse sentido tanto para aplicação militar quanto civil.
Um abraço a todos.

Clésio Luiz

Esse é o F-5P. P de “Padudo” 😉
Eu acho que todo piloto sente um certo orgulho ao se aproximar de um caça bonito. Eu pessoalmente ficaria.

Agora, o piloto que voou esse papudo aí não devia sorrir muito ao se aproximar do avião na linha de vôo.

Sopa

Acho que o Brasil devia seguir esses passos e usar os poucos Mike´s que tem para usar com plataforma de testes da Embraer, quem sabe poderíamos desenvolver novas tecnologias com nos EUA !

Façam igual ao Canadá contratem engenheiros Militares Americanos pro Brasil !!! somos fera em Jatos Civis, podemos ficar nos Militares tb!!

Sds.

madvad

tá de quantos meses esse Tigre???

Lucas Calabrio

Putz será premonição Hornet?

Vassili

Esse eu quero bem longe das fileiras da FAB.

Tenho que concordar com o pessoal, ele parece “grávido”………….

Combates Aéreos

Caça J-20 marca 17 x 0 em exercício de combate aéreo

Apesar de estar em desvantagem numérica, um piloto do Exército de Libertação Popular da China (PLA) voando um caça...
- Advertisement -
- Advertisement -