domingo, junho 13, 2021

Gripen para o Brasil

A Supermanobrabilidade comparada

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Quem se sai melhor, o F-22 ou o Su-35? Quem impressiona mais? Assista aos vídeos e comente!

- Advertisement -

87 Comments

Subscribe
Notify of
guest
87 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Bosco

Os dois são incríveis. Interessante que a potência dos motores em uma relação maior que 1 pra 1 com o peso permite que eles literalmente parem no ar e ganhem altitude totalmente na vertical. Eu continua defendendo a tese que empuxo vetorado na era do caça tripulado e dos mísseis ar-ar de curto alcance de quarta e quinta gerações não faz muito sentido. O vetoramento é eficaz para manobras em baixas velocidades (que só ocorrem em apresentações em feiras aéreas, dia da festas cívicas, etc.) em que as superfícies aerodinâmicas são menos efetivas. Como é pouco provável que um combate… Read more »

Bosco

O vetoramento também é útil para a capacidade de decolagens e pousos curtos ou super curtos.

Ah!Antes que me esqueça. Parabéns pelo blog das Forças Terrestres. E não perca as esperanças. Sem dúvida a quantidade de parceiros vais aumentar.
Um abraço!

Wilson Johann

O F-22 pode ser o caça mais avançado do mundo, mas em termos de manobrabilidade perde feio para o Sukoy SU-35. Ou tá faltando criatividade aos pilotos americanos. Repetem sempre a mesma manobra…
Se as coisas ainda se resolvessem a base do canhão, sei não, mas creio que os ianques levariam uma surra.

É isso. Abraços!!

Hornet

Os dois caças são ótimos…mas em termos de manobrabilidade, o Flanker é imbatível (no Youtube existem vários videos com os Flankers em ação…eles fazem coisas que parece que a lei da gravidade deixou de existir por alguns instantes)…Pena que essa manobrabilidade toda, ao que parece, e com bem disse o Bosco, talvez já não sirva mais pra nada, especialmente em um combate contra um F-22 ou um F-35. Mas se levarmos em conta apenas o quesito manobrabilidade, sou o SU-35 e ponto final.

abraços

Antonio

Sinceramente, acho que essas manobras do F-22 e SU-35 e são boas apenas para espetáculos aéreos.

Não vejo nenhuma aplicação prática num cenário tático real para elas nos dias de hoje.

Além do mais, tais manobras sempre são apresentadas com os aviões “limpos”, sem armamentos, tanques extra de combustível, etc. Será que carregadas elas teriam o mesmo desempenho ???

welington mendes

Não é justo compararmos aeronaves de gerações diferentes. Mais se colocarmos um su-35 BM num combate aproximado com um f-22 ou com um F-35 não sei não, acho que o flanker leva essa! Mas para combate de curto, médio e de longa distancia teremos o SUKHOI PAK FA T-50, que em minha opinião será superior ao F-22 Raptor e custar cerca de 2,5 vezes menos, ai vocês poderão comparar e outra coisa furtividade não será uma preocupação por muito tempo, os Russos tem vários radares de baixa freqüência e nada é Stealth com um radar com freqüência abaixo de 2… Read more »

welington mendes

A respeito da manobrabilidade, não tem comparação o SU-35 é o mais manobrável!

Alfredo_Araujo

Wilson.. a diferença é q o americano esta sentado em 250 milhoes de dolares.. e o russo em 50…
Talvez por esse motivo os pilotos americanos nao possam fazer muita gracinha com seus F-22…
Se vc ainda tiver duvidas da ousadia deles assiste uns videos dos Thunderbirds ou dos Blue Angels.. sao mto bons tmb!!

rodrigo rauta

Eu concordo com o Alfredo…acho que nem de longe os pilotos americanosestão usando a capacidade maxima dos F-22, acho até que isso seria um tipo de ordem, pra esconder o jogo mesmo…Mas não há duvidas que tanto um como o outro possuem uma capacidade absurda de manobras.Mas prefiro o Flanker!!! Além do que é muito mais “elegante” que o F-22!

Raphael

Na Supermanobrabilidade? O SU-35 toda vida! Apesar dos F-22 ter mais potencia debaixo do capo, os SU-35 tem os “Canards” e a vetoracao em 3d, enquanto os F-22 somente em 2d.

http://www.youtube.com/watch?v=B3q_pesYeOE
Neste video voce pode ver, no redor de 1:45!

Para Competir com o SU-35 neste quesito, so mesmo o X-31:
http://www.youtube.com/watch?v=ckq4pmuNXf8
http://www.youtube.com/watch?v=80tlsaFjGg4&feature=related

marcos

Muito bom os videos e os dois aparelhos mostraram muito bem para q foram desemvolvidos em suas modalidades!!mas hoje se aposta muito na velocidade e e isso q os americanos mostraram…infelismente qndo o Su 35 russo pensar em manobrar se seus radares forem inferiores ao F22 ele Ja estara no chao!!!
sds

Bosco

Se os combates aéreos fossem resolvidos na base do canhão, se os mísseis ar-ar de curto alcance tivessem ficado apenas na segunda geração (já estão na quinta), se não existisse a tecnologia stealth, se não existisse a tecnologia de fusão de dados via data-link, se não existissem radares com tecnologia AESA e característica LPI, se o ocidente não estivesse mais evoluído em relação à tecnologia de sensores (incluindo de radares), se não existisse a capacidade de “supercruzeiro”, o Su-35 ganharia com folga porque ele parece ser superior no dog-fight ao F-22.
Se meu pai fosse mulher eu teria duas mães….rs.

Tomcat

Vejam o F-14 tomcat, já fazia a manobra cobra, antes mesmo do empuxo
vetorado:

http://br.youtube.com/watch?v=1lVvfSQGqoc

Em uma comparação considerando todos os aspectos não há duvida de que o Raptor é melhor que o SU-35. (inclusive o preço é maior) Agora se olharmos só a supermanobrabilidade o caça russo ganha, como já falaram existem videos no youtube onde o caça russo faz coisas incríveis.

Se observarmos que só os americanos possuem o F22, por enquanto o caça russo pode ser considerado o 2º mais letal ou um avião que possue radar na traseira pode ser considerado presa fácil ???

CorsarioDF

O Bosco tem razão no seu comentário, mas como ele próprio disse que está em desenvolvimento uma nova geração de radares. Alguém se lembra do F-117 (invisível aos radares) ter sido derrubado na Yuguslavia em 99 se não me engano? Pois é, quem sabe os Russos também não estão desenvolvendo um radar para captar os caças Sthealth, então também essa tecnologia vai pro buraco, e volta a tona a supermanobrabilidade de novo!!! O F-22 hoje é sem dúvida o melhor avião, mas o Su-35 é um oponente a altura, talvez a único capaz de fazer alguns arranhões no binômio F-22/35;… Read more »

Tiago Jeronimo

Muito bem dito Bosco. Os fãs do SU-35 e seus “Se”s são uma graça.

maxiliano

Apesar do F-22 ter uma aparência mais clean,o F-35 consegue ser melhor do que o caça americano.

carlosargus

Pô, sem dúvidas alguma o Su-35 e imbatíval, mt superior ao F 22…Espero q FAB adquira e produza sob licenças milhares destes p/ ontem.O perigo está ao norte.

konner

De fato, O F-22 foi projetado em cima desse conceito de invisibilidade para sobreviver no teatro de operação, tanto que, embora mais manobrável que todos os aviões americanos atuais, ele ainda não é capaz de igualar a taxa de giro de seu maior concorrente, o Su-27 Flanker. Deve-se ter em mente, porém, que em termos de razão de subida e taxa de giro, a diferença entre esses dois aviões é muito pequena sendo que o resultado de — um combate à curta distancia, estará nas mãos do melhor piloto. Porém nem tudo são “flores” quanto a esse avião. A atual… Read more »

konner

Agora, que é MUITO BONITO VER ESSE AVIÃO VOANDO, isso é !!!

Su-27 Flanker — A LENDA DA AVIAÇÃO DE CAÇA.

Fábio Max

Não adianta muito avaliar por vídeos assim.

Penso que só em combate, se um dia acontecer, é que seria possível avaliar um contra o outro.

Raphael

konner, como voce mesmo falou, no momento nao tem como traquear os avioes furtivos. Mesmo com os sistemas de radares de banda larga, que nao serve para uma resolucao final. Por isto que a Russia esta investindo em tecnologias furtivas tambem. Os Russos sabem muito bem que no momento, nada que eles tem se opor ao F-22. Eles tambem se mostram menos confiantes do que o senhor sobre as tecnologias “anti-furtivas”, se nao nao gastariam bilhoes de dollares (que eles nao tem pra gastar) em tecnologias furtivas.

Raphael

*nada que eles tem pode se opor

Walderson

pelos dois vídeos,
só dá o SU-35. Parece-me que o piloto do F-22 só sabe fazer uma manobra. Parece a mesma manobra de vários ângulos. O SU-35, não. Parece que colocaram um fumaceiro no comando.
Um abraço.

konner

Sr. Raphael,

Sua lógica de raciocinio peca na essência …

A sua leitura do meu comentário ‘transcende’ ao que eu realmente disse.

As informações que tenho a respeito dos desenvolvimentos tecnológicos na área militar na Russia, não dão conta desta — ‘sua opinião particular’ — sobre as razões que lévam os russos ao desenvolvimento de tecnologias.

Paulo

Vamos sair do “se” e vamos a realidade nua e crua: 1 – um custa US$ 250 milhões a unidade (F22), o outro US$ 50 milhas (SU35); 2 – um jamais será colocado a nossa disposição (F22), o outro está sendo oferecido para compra já (SU35), com opção de montagem aqui!; 3 – um já é supostamente de 5ª geração e só assim consegue ser efetivo contra o outro, que ainda é 4.5ª…(se supõem então que o F22 não será apto a combater o PAK-FA full, mas não entremos no “se”…) Não dá pra comparar…se nós não podemos comprar o… Read more »

Tiago Jeronimo

Minha nossa temos agora espiões com informações privilegiadas comentando aqui no blog. É claro que a Russia não está desenvolvendo ou vai desenvolver um caça furtivo, o Pak-FA é só pra enganar os americanos, eles devem estar desenvolvendo algo muito melhor do que o ocidente como sempre pena que pelo menos um espião já tem essas informações sobre esse programa secreto. Konner, Então segundo o senhor a Russia tem capacidade de vetorar inteceptadores até eles, mas os raderes dos aviões e dos misseis não conseguem um lock-on no Raptor, então vão vetorar eles pra que? Tirarem fotos(“Olha só querida hoje… Read more »

Jonas Rafael

Não acho que supermanobrabilidade seja tão dispensável assim. talvez agora, mas no futuro, se todos caças forem totalmente furtivos os combates vão voltar a ser de canhão de novo não acha?

Raphael

Konner, entao explique aqui para os leitores. Por que a Russia, a beira de desenvolver tecnologias “anti-furtivas”, estao gastando o que nao tem (incluindo aceitando merrecas do Brasil hehehe) para criar um meio furtivo para eles? Ou voce acha mesmo que a Russia estaria aceitando merrecas de outros paises para conseguir desenvolver o seu caca de quinta geracao se eles realmente acreditassem que um caca nao furtivo conseguice combater um furtivo efetivamente???

E tente nao dar respostas sem sentido, mais sim rebater a minha logica com as informacoes que o senhor diz ter.

Raphael

Jonas Rafael, dificilmente. Os missiels de curta distancia sao muito mais eficientes que canhoes e tem o perseguidor de infra-vermelho (calor eh quase impossivel de esconder suficientemente para atrapalhar os sensores que temoshoje em dia). O canhao so mesmo em ultima, ultima instancia.

konner

Sr. Tiago Jeronimo,

Falta-lhe conhecimento de causa, mas ninguem tem de conhecer a respeito afinal, tecnologia militar russa é realmete algo complexo para o ocidente até porque tem sua planta de desenvolvimento em parametros próprios, portanto totalmente distinto [leia-se desenvolveu-se de forma autonoma a do ocidente].

Contudo, podereia com satisfação fazer algumas dissertações com o Senhor a respeito mas, noto seu precario interesse devido ao seu comentário rico em desinformação no tema em questão, mas prodigioso em leviandade e deboche.

Diante deste fato prefiro declinar de delongar-me com o Senhor sopre este objeto.

Saudações e, tenha uma Boa Noite.

Raphael

Konenr, entao explique para os outros que querem saber.

konner

Sr. Raphael,

As tecnologias furtivas e anti-furtivas estão sendo óbviamente, desenvolvidas concomitantemente, não seria inteligente se fosse diferente.

Quanto as minhas respostas serem sem sentido, só posso lamentar mas, a acepção quer de palavras, frazes ou raciocínios, depende não somente da capacidade de quem fala mas, também das faculdades perceptivas de quem escuta.

Raphael

Konner, gostaria que o senhor inves de atacar a minha pessoa, rebutasse o que mais de uma pessoa aqui esta dizendo com fatos, ou opinioes que fazem sentido e sejam baseadas em logica. Pena que o senhor soh sabe falar asneiras, e quando alguem aponta as mesma, o senhor falte o respeito com os bloggeiros.

lula

Seria bom se o su 35 fizesse parte da esquadrilha da fumaça que manobras heim !?!? tem hora que não da nem pra enteder !!!!

Almeida

Estao esquecendo aqui que o video russo eh de um Su-30MK(I), nao o de um Su-35 que ainda eh PROTOTIPO e nao esta EM OPERACAO muito menos EM PRODUCAO. Eh soh atentar para os canards e o freio aerodinamico dorsal, inexistentes no PROTOTIPO do Su-35. Supermanobrabilidade? Ainda serve em combate sim, eh claro! Mesmo em um cenario BVR ou WVR com misseis de 5a geracao e miras montadas em capacete, a capacidade de decolar, subir ate altitude de interceptacao e entrar supersonico rapido sao essenciais em um conflito real. Fora a capacidade de mudar de uma situacao tail-chase para uma… Read more »

Almeida

Sobre os avioes estarem manobrando em configuracao limpa, bem, o Su-30 esta com 2 misseis ar-ar de curto alcance e o F-22 pode carregar ate 4 misseis dentro de seu bomb-bay. Dificil dizer que isso atrapalharia muito mais a manobrabiidade deles, dificil dizer que nao.

paulo

Ei, quando lançaram o phanton f4 os dogfigths também não tinham “ficado no passado” segundo engenheiros e afins? Tanto que os gênios americanos, de início, não equipavam os F4 com canhões ou metralhadoras….Veio o Vietnam e os dogfigths começaram, com os americanos sem poder reagir aos mig’s…. Também não tivemos dogfigths na guerra dos seis dias? E até pouco tempo, nos céus do iraque, também ninguém se “encontrou”? Ok,ok…misseis de quinta geração, mas na hora do vamos ver, quando se olhar para asa, ou “no container” (f22),e nada estiver “pendurado” o pessoal vai ter que apelar pro velho canhão de… Read more »

Galante

Mauro, melhor não brincar assim, temos muitos amigos de Portugal lendo nossos Blogs.

Meirelles

Su-35xF-22 em dogfigth? Su-35 com certeza,sem desmerecer,claro,o F-22.

Francisco M. Xavier

Buenas! Acho que a monobrabilidade é super importante hoje e será amanhã, e o canhão também, No Red Flag 08 (ouvi confidencias de um piloto do 14, que não foi ao Red mas soube pelos seus colegas) que muitas vezes, americanos, Brasileiros, Suecos… se viam combatendo a distancias bem menores que eles queriam ou deveriam… penetrações, as vezes não intencionais aconteciam direto, por isso a importância de um exercício como o RedFlag… tudo pode! mas sobre a manobrabilidade acho que será de suma importância para se chegar ao scape zone, lembrem-se!, para ser derrubado o aviaão precisa ser, depois de… Read more »

[…] A Supermanobrabilidade comparada […]

BAD  WOLF

caros ingenuos , todos pagem pal para os gringos kkkkkkkkkkkkkk compare as gerações leigos kkkkkkkkk…. mig-15 x sabre, f-4 phanton x mig-25 , f-15 x su-27, e ai, quem sempre teve o melhor caça…. nem preciso falar neh, nw tem como compara nada com o f-22, ele é de 5 geração, esperem chegar o pak-fa, ai comparem cabecinhas kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Bosco

Os dois são incríveis. Interessante que a potência dos motores em uma relação maior que 1 pra 1 com o peso permite que eles literalmente parem no ar e ganhem altitude totalmente na vertical. Eu continua defendendo a tese que empuxo vetorado na era do caça tripulado e dos mísseis ar-ar de curto alcance de quarta e quinta gerações não faz muito sentido. O vetoramento é eficaz para manobras em baixas velocidades (que só ocorrem em apresentações em feiras aéreas, dia da festas cívicas, etc.) em que as superfícies aerodinâmicas são menos efetivas. Como é pouco provável que um combate… Read more »

Bosco

O vetoramento também é útil para a capacidade de decolagens e pousos curtos ou super curtos.

Ah!Antes que me esqueça. Parabéns pelo blog das Forças Terrestres. E não perca as esperanças. Sem dúvida a quantidade de parceiros vais aumentar.
Um abraço!

Wilson Johann

O F-22 pode ser o caça mais avançado do mundo, mas em termos de manobrabilidade perde feio para o Sukoy SU-35. Ou tá faltando criatividade aos pilotos americanos. Repetem sempre a mesma manobra…
Se as coisas ainda se resolvessem a base do canhão, sei não, mas creio que os ianques levariam uma surra.

É isso. Abraços!!

Hornet

Os dois caças são ótimos…mas em termos de manobrabilidade, o Flanker é imbatível (no Youtube existem vários videos com os Flankers em ação…eles fazem coisas que parece que a lei da gravidade deixou de existir por alguns instantes)…Pena que essa manobrabilidade toda, ao que parece, e com bem disse o Bosco, talvez já não sirva mais pra nada, especialmente em um combate contra um F-22 ou um F-35. Mas se levarmos em conta apenas o quesito manobrabilidade, sou o SU-35 e ponto final.

abraços

Antonio

Sinceramente, acho que essas manobras do F-22 e SU-35 e são boas apenas para espetáculos aéreos.

Não vejo nenhuma aplicação prática num cenário tático real para elas nos dias de hoje.

Além do mais, tais manobras sempre são apresentadas com os aviões “limpos”, sem armamentos, tanques extra de combustível, etc. Será que carregadas elas teriam o mesmo desempenho ???

welington mendes

Não é justo compararmos aeronaves de gerações diferentes. Mais se colocarmos um su-35 BM num combate aproximado com um f-22 ou com um F-35 não sei não, acho que o flanker leva essa! Mas para combate de curto, médio e de longa distancia teremos o SUKHOI PAK FA T-50, que em minha opinião será superior ao F-22 Raptor e custar cerca de 2,5 vezes menos, ai vocês poderão comparar e outra coisa furtividade não será uma preocupação por muito tempo, os Russos tem vários radares de baixa freqüência e nada é Stealth com um radar com freqüência abaixo de 2… Read more »

welington mendes

A respeito da manobrabilidade, não tem comparação o SU-35 é o mais manobrável!

Alfredo_Araujo

Wilson.. a diferença é q o americano esta sentado em 250 milhoes de dolares.. e o russo em 50…
Talvez por esse motivo os pilotos americanos nao possam fazer muita gracinha com seus F-22…
Se vc ainda tiver duvidas da ousadia deles assiste uns videos dos Thunderbirds ou dos Blue Angels.. sao mto bons tmb!!

Reportagens especiais

Os F-5 da Jordânia, agora na FAB

A Real Força Aérea da Jordânia recebeu um total de 61 Northrop F-5E Tiger II e outros 12 F-5F...
- Advertisement -
- Advertisement -