Home Divulgação Portões Abertos da Força Aérea Brasileira – 2017

Portões Abertos da Força Aérea Brasileira – 2017

6172
20

Ala 5 recebe cerca de 45 mil visitantes para demonstração da Esquadrilha da Fumaça. População também conferiu de perto um pouco do trabalho dos militares da FAB

Após cinco anos, a Esquadrilha da Fumaça retornou a Campo Grande (MS) para se apresentar no tradicional Domingo Aéreo da Ala 5, ocorrido no último domingo (30/07). O show aéreo durou aproximadamente uma hora e atraiu um público de cerca de 45 mil pessoas.

O evento contou com diversas atrações ao longo do dia, entre exposições estáticas de aeronaves e artigos militares da Aeronáutica, Exército e Marinha, carros antigos, apresentações de motos esportivas e, ainda, uma ação cívico-social, voltada para atender a todos os visitantes com orientações sobre cuidados com a saúde e higiene bucal.

Diversos participantes do Domingo Aéreo contribuíram doando alimentos não perecíveis, o que já é uma tradição do evento. Ao todo, foram arrecadadas 15 toneladas de alimentos, que serão revertidos para 35 instituições de Assistência Social da capital sul-mato-grossense.

Portões Abertos – Campo Grande (MS)

Orientação sobre higiene bucal
Segundo o Comandante da Ala 5, Coronel Aviador Daniel Cavalcanti de Mendonça, neste dia organização abre os portões para que o público conheça de perto o trabalho dos militares da Força Aérea. “É um evento que já faz parte do calendário da cidade e as pessoas sempre comparecem em grande número”, ressaltou.

A senhora Marlene Aparecida Rosa, dona de casa, levou os dois netos para participar do Domingo Aéreo. “É a terceira vez que venho para este evento e acho muito legal. É um domingo que temos algo diferente para fazer com as crianças e elas adoram”, comentou.

FONTE: Força Aérea Brasileira

20 COMMENTS

  1. Alex, espero que sim, como todo ano.
    .
    Tomcat, duvido muito. Afinal de contas, BH não tem acesso ao mar 😛
    .
    Ok, estou brincando. Espero que a coisa fique mais organizada para vocês aí.

  2. A festa do Musal tem todo ano em Outubro, mas é organizada por eles. Este calendário é referente aos Portões Abertos nas Bases Aéreas, agora Alas.

  3. É, este ano irei conhecer a ALA 2, já que a 1 pelo calendário já era!
    Ao menos irei realizar esse sonho do meu filho e conhecer Anápolis por dentro

  4. A BASC reabriu ao público depois de muito tempo em 2014 e 2015. Depois da saída do Cel Macedo(comandante em 14 e 15), 2016 não teve devido aos corte orçamentários e diga-se de passagem, ir a uma Base de caças e não ter caças voando, não dá né.

  5. Depois de presenciar as demonstrações do Super Hornet e do Hornet em 2012, na AFA, fica difícil animar para ir em outro Domingo Aéreo, mas já garanti os ingressos (já esgotados) para esse ano.

  6. Uma coisa é certa: clientela não falta nunca. O que falta é ter o que ver. E pensar q o pai da aviação é brasileiro, se contentar é de desanimar mesmo. O q salva mesmo é o show da esquadrilha.

  7. Aliás, Alex, foi horrível, diga-se de passagem, em 2015.

    Só tinha o P-3, alguns aviões no hangar. Não podíamos ir ao Monumento do P-47, uma música alta tocando chata pra caramba, pagode e funk.

    às 13hs já tinha acabado tudo nas barracas de comida,

    Não sei para que abrir uma Base tão tradicional e as pessoas não poderem conhecer a História do 1. Grupo de Caça.

    Detestei

  8. Marcelo Andrade, em 2014 foi muito bom, os F-5 e A-1 com várias passagens baixas, de surpresa por cima do hangar, dupla de F-5 em várias passagens… em 2015 os F-5 e A-1 decolaram e sumiram…depois de 1 hora voltaram e pousaram!!! Não entendi nada, foi muito fraco mesmo.

  9. Não vejo uma apresentação de perto da esquadrilha da fumaça desde os meados dos anos 2000 aqui em Belém (ainda criança e.e),no ano passado o portões abertos foi bem fraco sendo o único ponto forte apresentação de motocicletas por parte de patrocinador.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here