Caças F-5E da Força Aérea Mexicana continuam voando

Caças F-5E da Força Aérea Mexicana continuam voando

5471
6
F-5E 4510 da Força Aérea Mexicana – Foto: Arnold dez Pas

Ao contrário do que se pensava há alguns meses, os F-5 ainda estão voando no México. Foi noticiado em setembro de 2016 que o avião tinha sido retirado de serviço, mas recente visita à Base Aérea de Santa Lucía provou o contrário.

Dos dez caças F-5 que estavam em serviço, dois foram doadas para o Museu da Força Aérea, em Santa Lucía. Das oito aeronaves restantes, quatro estão operacionais, enquanto as outras quatro estão aguardando motores recondicionados pela RUAG. A empresa com sede na Suíça confirmou a informação, mas não deu mais detalhes. Na foto, o F-5E matrícula 4510 na Base Aérea de Santa Lucía, uma das quatro aeronaves atualmente ainda operacionais com o EA.401. (Arnold dez Pas / 4Aviation)

6 COMMENTS

  1. Apesar do ângulo não ajudar, dá para notar que esse dever um dos exemplares fabricados nas últimas levas, com o nariz bico de pato e os LERX retangulares, desenvolvidos para o F-20 e depois aproveitados nos F-5 ainda em produção.

  2. Nunca tive uma certeza do que seria a barbatana dorsal junto à deriva, antena UHF, antena HF ou somente um opcional para dar mais estabilidade ao avião principalmente ajudá-lo na saída de um parafuso não intencional.

  3. Até hoje não entendo o pq deles não comprarem F-16 dos estoques americanos.
    Ou eles não se interessam por aviação de caça pois fazer frente contra os EUA seria impossível ou simplesmente tem outras prioridades.

  4. Leo,
    .
    Acredito que “simplesmente tem outras prioridades”.
    .
    Se observar a frota de aeronaves COIN, são 35 (trinta e cinco) Pilatus PC-9 (salvo engano na versão M), provavelmente para uso interno, contra o narcotráfico.
    Possivelmente também em função de uma ‘Mexican Drug War’ a força aérea opera uma boa quantidade de helicópteros:
    MD500 – utilitário leve – 14;
    Bell 206 – utilitário leve – 20;
    Bell 407 – utilitário médio – 15;
    Bell 412 – utilitário ‘mediozão’ – 31
    Bell UH-1H – utilitário ‘clássico’ – 1;
    Sikorsky UH-60M – utilitário tático – 9 (com 31 encomendados);
    Mil Mi-8 & Mi-17 – utilitário médio/pesado – 28;
    Eurocopter EC225 – SAR – 11.
    .
    Apenas acredito que os F-5E – que são de 1982 (mais novinhos…) – poderiam ser modernizados para compatibilizar com sistemas modernos de vigilância e controle de tráfego aéreo.
    .
    Abç.,
    Ivan, o antigo.

  5. Ivan, no caso deles nem precisaria alterar muito o avião… Radar e rádios modernos, HUD e troca o display do radar por um MFD colorido e pronto… Talvez alguns equipamentos para auxiliar na segurança (ILS/GPS)…

LEAVE A REPLY