Home Noticiário Internacional F-35 é desdobrado pela primeira vez na Europa

F-35 é desdobrado pela primeira vez na Europa

3017
0
Um F-35A Lightning II do 34th Fighter Squadron da Hill Air Force Base, Utah, pousa na base da Royal Air Force em Lakenheath, Inglaterra, em 15 de abril de 2017 (U.S. Air Force photo/Master Sgt. Eric Burks)

RAMSTEIN AIR BASE, Alemanha – Caças F-35A Lightning II, aviadores e equipamentos de acompanhamento chegaram à base Royal Air Force Lakenheath, na Inglaterra, hoje, marcando o primeiro desdobramento do avião para a Europa.

Os F-35As são do 334th Fighter Squadron, 388th Fighter Wing e do 466th Fighter Squadron, 419th Fighter Wing, da Base de Força Aérea de Hill, Utah e conduzirão treinamento aéreo durante as próximas semanas com outras aeronaves com base na Europa em apoio à European Reassurance Initiative.

“Esta é uma oportunidade incrível para os aviadores da USAFE (U.S. Air Forces in Europe) e os nossos aliados da OTAN para sediar este primeiro desdobramento de treinamento no exterior da aeronave F-35A”, disse o comandante Tod D. Wolters, das Forças Aéreas dos EUA na Europa. “Como nós e nossos parceiros do F-35 teremos esta aeronave em nossos inventários, é importante que treinemos juntos para nos integrarmos em uma equipe homogênea capaz de defender a soberania das nações aliadas.

Como parte da progressão natural do programa F-35, um desdobramento de treinamento no exterior tem sido parte do plano da Força Aérea desde que o F-35A foi declarado capaz para o combate no ano passado.

“A RAF Lakenheath será a primeira locação no exterior do F-35A, permitindo que nossos pilotos e mantenedores aprendam mais sobre o ambiente operacional europeu e melhorem nossa interoperabilidade com parceiros da região”, acrescentou Wolters.

Como parte do desdobramento de treinamento, a aeronave será encaminhada para as nações da OTAN para maximizar oportunidades de treinamento, construir parcerias com forças aéreas aliadas e obter uma ampla familiaridade das diversas condições operacionais da Europa. A introdução do caça de quinta geração na área de responsabilidade europeia traz consigo sensores de estado-da-arte, interoperabilidade e uma vasta gama de munições avançadas ar-ar e ar-superfície que ajudarão a manter os direitos fundamentais de soberania de todas as nações.

O voo transatlântico para este treinamento foi apoiado pelo Air Mobility Command e 100th Air Refueling Wing, RAF Mildenhall, Inglaterra. Várias aeronaves de reabastecimento aéreo de quatro bases diferentes transferiram mais de 400.000 libras de combustível durante a “ponte-tanque” dos Estados Unidos para a Europa. Além disso, as aeronaves C-17 e C-5 moveram o apoio de transporte aéreo, movimentando equipamentos e pessoal de manutenção.

FONTE: Headquarters U.S. Air Forces in Europe and Air Forces Africa

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here