Home História da Aviação 50 caças FW190 A-3 enterrados na Turquia?

50 caças FW190 A-3 enterrados na Turquia?

7545
16

fw190-a-3-turkey

Um historiador turco afirma que cinquenta warbirds FW190 A-3 foram enterrados sob o aeroporto de Kayseri em 1947.

Uluhan Hasdal disse que os Estados Unidos queriam os aviões destruídos como uma condição para a venda de seus aviões de guerra usados para a Turquia.

A Turquia tinha obtido 72 FW190s e cinquenta deles foram levados para Kayseri para serem enterrados e eliminados do inventário.

fw190-a-3-turkeywwii
A aparência dos Fw190 como foram entregues, vestindo camuflagem estilo Luftwaffe e as marcações turcas. A insígnia era um quadrado vermelho que já havia sido usada pelo Império Otomano na Primeira Guerra Mundial e permaneceu até a Força Aérea Turca aderir à OTAN

FONTE: www.ntv.com.tr

16 COMMENTS

  1. Até alguns anos atrás, da última vez que eu tinha checado, os únicos FW-190 voando eram réplicas (muito bem feitas por sinal) usando motores soviéticos Ash-82 produzidos na China (!).
    .
    Se alguns desses exemplares puderem ser resgatados e estiverem em condições de serem trazidos de volta ao voo, seria um grande acontecimento no mundo dos Warbirds, pois o FW-190 é o único dos modelos lendários daquela época que não tem exemplares originais voando.

  2. “Clésio Luiz 17 de outubro de 2016 at 16:58

    o FW-190 é o único dos modelos lendários daquela época que não tem exemplares originais voando.”

    Dessa eu não sabia, então todos estes que já vi em vídeos no YouTube são replicas?!

    Saudações!

  3. Há um engano nas afirmações do Clésio Luiz, pelo menos dois exemplares originais e restaurados do FW190 estão voando em eventos aeronáuticos! Além do mais um ex-piloto de combate e dublê americano Wilson Connell Edwards, que fez a maioria das cenas aéreas do filme Batalha da Inglaterra, aceitou ficar com a maioria dos aviões usados no filme! Além de Spitifires, Mustangs, ele também ficou com os aviões alemães! Originários da Força Aérea Espanhola ( que ainda estavam em serviço pouco antes do filmes começar a ser feito em 1967!). “Connie” Edwards enriqueceu depois dessa época investindo em campos de petróleo no Texas onde tem um rancho o “Edwards Ranch” com um galpão onde guarda as aeronaves! Ele nunca se desfez das aeronaves, inclusive comprando outras mais de diversos tipos sempre que podia! Mas hoje, amargurado e abalado com a perda do único filho em um acidente rodoviário, colocou os aviões a venda! Ele tem muitos Me-109 “Búchon” fabricados pela CASA na Espanha que foram usados no filme e AVia-S199 versão romena, além de Spitifires e Mustangs que estão com a pintura original usadas em combate real!!! Edwards é um mistério! Não diz tudo o que tem nos galpões,e pouca gente foi autorizada a ver e fotografar parte do acervo que está na internet (https://www.aopa.org/news-and-media/all-news/2014/august/pilot/f_talltale), mas boa parte permanece trancada e ele não autoriza ninguém a ver! Ele não tem dois ou três exemplares de Spitifires, Mustangs, ou Me-109, ele tem dúzias! Tem motores, tem células desmontadas, armamento, pesquisadores especula que ele pode ter pelo menos dois Heinkel-111 9raríssimos) e pelo menos uns dez FW-190 ocultos no rancho. Um entusiasta chegou a divulgar inclusive que ele ficou com um exemplar do ME262 trazido para os EUA para testes no pós guerra e jogado no depósito de Tucson no Arizona da onde ele o resgatou via permuta com a USAF!
    Boa parte das fotos ainda está na internet e podem ser vista pelo Google Imagens pesquisem :”Warbirds hidden in barns, awaiting discovery” E vocês verão!
    O Site Warhistoryonline.com foi um dos primeiros a divulgar o achado mas Edwards pediu a retirada da ṕagina do ar por causa do assédio de malucos por aviões (Who? me?) que o estão pertubando no Rancho!

  4. seria um achado pra entrar para a história! agora quero ver ele conseguir a permissão para cavar o aeroporto hahahaha. Também gostaria de saber novidades sobre os Spitfires de Myanmar,

  5. Augusto, Leandro: obrigado pelas informações. Como eu disse antes, até alguns anos atrás, quando iniciaram a construção das réplicas do FW-190A-8, não havia exemplares originais voando, só em museus. Bom saber que existem pelo menos dois por aí.
    .
    Para quem não sabe, o FW-190 é considerado o melhor caça daquela guerra em harmonia de comando e qualidade de voo. Numa época onde muitos caças apresentavam características bizarras e até perigosas, o 190 era exemplar na sua pilotagem.

  6. Quanto aos Fw-190 da reportagem eles devem estar em uma situação deplorável pois o peso da terra jogado por cima deve ter destruído toda a lataria. Mesmo que ocorra alguma escavação ela só servirá para confirmar o triste fim desses aviões e dificilmente algum estará bem preservado para ser exposto em algum museu.

  7. Francisco Edson Pacheco 18 de outubro de 2016 at 11:54
    .
    O Avia S-199 foi o primeiro caça adquirido por israel. Usava o motor Jumo 211 em vez do DB605, por isto era de difícil pilotagem. Era conhecido como mula (mezec).
    Esquisito o Estado judeu comprar uma cópia malfeita do caça padrão nazista ? Sim, mas considerando que Israel enfrentava um embargo, tinha que pegar o que pudesse. Aliás não faltaram outras armas nazistas, e de diversas outras procedências, naqueles tempos bicudos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here