Home Divulgação Ágata 7: Forças Armadas e agências governamentais intensificam presença na fronteira

Ágata 7: Forças Armadas e agências governamentais intensificam presença na fronteira

331
8

FAB Realiza Operação Conjunta com a Polícia Federal, Força N

Brasília, 23/05/2013 – A intensificação da presença de tropas militares e de agências federais, estaduais e municipais nos 16,8 mil quilômetros de fronteira tem sinalizado que “o Brasil não é terra de ninguém”. A avaliação foi feita pelo ministro da Defesa, Celso Amorim, nesta quinta-feira (23), após participar de videoconferência sobre a Operação Ágata 7 com os comandantes militares sediados em Brasília (DF), Campo Grande (MS), Porto Alegre (RS) e Manaus (RS).

“Estamos trabalhando de forma efetiva para mostrar que a nossa fronteira não é terra de ninguém. E isso se reflete de maneira positiva para a população”, disse Amorim.
O balanço parcial apresentado ao ministro e oficiais generais mostra que uma operação com participação de fiscais do Ibama, da Funai e agentes da Polícia Federal, no Vale do Javari, na região Norte, resultou na apreensão de 200 metros cúbicos de madeira e 200 litros de gasolina contrabandeada do Peru. Na foz do rio Oiapoque, no Amapá, foram apreendidas duas embarcações cujos ocupantes faziam pesca ilegal. Três pessoas foram detidas e encaminhadas para a Polícia Federal.

FAB Realiza Operação Conjunta com a Polícia Federal, Força N

Ainda na região Norte, o comando da Ágata 7 detectou uma área de garimpo na reserva ianomami. Com isso, serão enviados militares para conferir e, se comprovada a irregularidade, o local será interditado. A operação no norte brasileiro conta com a participação de dois oficiais de ligação da legião francesa. A França emprega uma embarcação para patrulhar o trecho fronteiriço da Guiana Francesa com o Brasil.

“Esses oficiais de ligação estão em Clivelândia do Norte”, informou o vice-almirante Ademir Sobrinho. Ele contou também que uma lancha da Marinha do Brasil conseguiu interceptar um hidroavião pousado sobre águas fluviais. Na abordagem, segundo ele, ficou demonstrado que a aeronave estava em situação regular. “Foi um fato inédito de uma lancha interceptando um avião”, relatou.

FAB Realiza Operação Conjunta com a Polícia Federal, Força N

Vants

Na fronteira sul, o emprego de veículos aéreos não tripulados (Vants) demonstrou a integração da Força Aérea com a Polícia Federal. O comandante Militar do Sul (CMS), general Carlos Bolívar Goellner, explicou as imagens obtidas desses equipamentos servem para mapear, por exemplo, o fluxo de embarcações no lago de Itaipu.

A presença militar e a participação de fiscais de agentes públicos resultou na apreensão de 80 toneladas de pescado. “Essa operação é resultado de uma parceria com o Ibama”, disse general Bolívar. Os militares apreenderam também 25 mil litros de óleo diesel na região do município de São Borja.

A operação resultou também na apreensão de 230 quilos de maconha e oito pistolas. O combustível e as armas estavam nas proximidades de São Miguel do Iguaçu. Na região do Guaíra, um carro tentou furar o bloqueio. Os militares agiram rapidamente. Os ocupantes foram detidos e encaminhados para a polícia.

Nos 2.393 mil quilômetros da fronteira brasileira com Uruguai, Argentina e parte do Paraguai, os militares apreenderam um caminhão com 2.354 pacotes de cigarro. A carga foi avaliada em R$ 1,2 milhão. O balanço relata também a apreensão de US$ 260 mil de origem desconhecida e de um carro BMW.

FAB Realiza Operação Conjunta com a Polícia Federal, Força N

Produto radioativo

Uma das áreas que merece preocupação das Forças Armadas é a entrada, no território brasileiro, de material radioativo. Por isso, equipes da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) estão participando, na região Centro-Oeste, de blitzes em barreiras montadas nas estradas e nos patrulhamentos nos rios. Com o apoio da Marinha, do Exército e da FAB, os especialistas utilizaram equipamentos específicos para as vistorias.

Nos 2.503 quilômetros da fronteira oeste com Paraguai e Bolívia, as tropas apreenderam 104 quilos de entorpecentes – sendo 21 quilos de cocaína, 80 quilos de maconha e três quilos de pasta base de coca. Nestes seis primeiros dias da Ágata, 480 embarcações foram vistoriadas e 9.654 carros revistados.

No próximo fim de semana serão realizadas ações cívico-sociais (Aciso). A da região Oeste será em Porto Murtinho. No Norte e no Sul surgiram os primeiros resultados da atuação de médicos e dentistas junto às comunidades carentes. No dia 21 de maio, o 29º BIB desenvolveu Ação Cívico-Social (ACISO) para estudantes da Escola Municipal Ensino Fundamental Duque de Caxias, de Frederico Westphalen (RS)

Em cerca de 12 mil quilômetros da fronteira norte, as ações médico-hospitalares contabilizaram 11.270 pessoas atendidas. Foram distribuídos 6.641 medicamentos.

R35A

Ágata

Instituída com uma das ações do Plano Estratégico de Fronteiras (PEF) pela presidenta Dilma Rousseff, a Operação Ágata é de responsabilidade do Ministério da Defesa e coordenada pelo Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA). A execução cabe à Marinha, ao Exército e à Força Aérea Brasileira (FAB), com o apoio de 12 ministérios, cerca de 20 agências governamentais, forças policiais e agentes de dez estados e 710 municípios.

FONTE: Ministério da Defesa / FOTOS: Agência Força Aérea

8
Deixe um comentário

avatar
8 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
4 Comment authors
SoyuzGaleão CumbicaColombelliMarcos Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Marcos
Visitante
Member
Marcos

Quando fazem muita propaganda, significa que tem pouco trabalho.

Colombelli
Visitante
Member
Colombelli

Esta foto esta parecendo puro embuste. Os vants da PF não estavam proibidos de voar por conta exatamente da FAB? Até onde se sabe estavam parados. Esta foto foi pra marketing ou de fato dois deles estão operando? A segunda foto é o pessoal da FAB pilotando seus vants. Porque não há fotos do centro de comando dos da PF? Se for uma foto pra embuste e se os da PF não estão operando é um fiasco ter de fazer embustes deste tipo. So pra lembrar, o então ministro Tarso Genro adquiriu os vants e gastou mais de US$ 80.000.000,00… Read more »

Galeão Cumbica
Visitante
Galeão Cumbica

Colombelli

Veja este video, ai fala que os dois voaram juntos.

http://www.youtube.com/watch?v=X1QeG5WFG74

sds
GC

Soyuz
Visitante
Member
Soyuz

Em uma reportagem do Jornal Hoje a uma hora atrás apareceu o centro de controle do VANT da PF, no mesmo aeroporto onde os VANT´s estão baseados e ele estava voando. Apareceu também a demonstração do link SATCOM com a central em Brasilia.

Se é apenas relações publicas ou não eu não sei, mas o fato é que ambas as forças estavam operando seus VANT´s, o que por si só já é alguma coisa.

Colombelli
Visitante
Member
Colombelli

Sim, estes dois de fato estão operacionais. Os demais é que estão parados, por falta de pessoal treinado e manutenção, ja que adquiriram os veiculos mas não a manutenção de todos os exemplares e o treinamento de todos os operadores não foi completado.

Aparentemente a rusga entre a PF e a FAB restou dirimida. Houve denuncias de favorecimento há época inclusive, pois a empresa que teria fornecido o vant da FAB tinha um cunhado do Saito na direção. Tem várias noticias veiculada aqui no site a respeito.

Marcos
Visitante
Member
Marcos

A rusga é a seguinte: a PF adquiriu um equipamento que não tinha doutrina. As VANT’s voam no mesmo espaço aéreo que aviões, particulares ou comerciais, e as aeronaves necessitam de plano de vôo e contato via rádio como qualquer outra.

Galeão Cumbica
Visitante
Galeão Cumbica

A coisa ainda vai feder vejam esta

http://www.fenapef.org.br/fenapef/noticia/index/41626

sds
GC

Soyuz
Visitante
Member
Soyuz

Isto eu concordo Colombelli. O que aparece na TV é uma coisa a prática é outra.