Home Tecnologia Infográfico do Sukhoi T-50 (PAK FA) incluindo comparativo com F-22 e J-20

Infográfico do Sukhoi T-50 (PAK FA) incluindo comparativo com F-22 e J-20

1012
27

Infográfico comparativo Sukhoi T-50 - PAK FA - Ria Novosti

FONTE: Ria Novosti (clique na imagem para ampliar)

27
Deixe um comentário

avatar
25 Comment threads
2 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
12 Comment authors
REQUENAchampsClésio LuizAlmeidaIvan Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
joao.filho
Visitante
Member
joao.filho

Que belissimo exemplar.

Nick
Visitante
Member
Nick

Mesmo que o PAKFA não seja tão furtivo como o F-35, será muito superior à qualquer 4.5ª geração.

48 SU-50 “Firefox” para Anápolis e Santa Cruz já! 🙂

[]’s

Nick
Visitante
Member
Nick

Caro Nunão,

2020 é logo ae! 🙂

Nada impede de a Russia aumentar a cadência de produção, a partir de digamos, 2020. As primeiras unidades já estariam voando na Força Aérea Russa, e eventuais bugs comuns ao primeiro lote seriam corrigidos nos lotes direcionados à FAB.

Os da Índia sairão pela HAL, então não é problema… hehehe.

Mas, se fôssemos um pouco mais ambiciosos, com uma linha de produção por aqui, desde que em um lote maior (60 no mínimo) não seria contra não. Imagine a FAB com 60 PAKFA e uns 120 Gripen E/F ….. hehehehe. 🙂

[]’s

Nick
Visitante
Member
Nick

Lendo meu comentário percebo um entusiasmo além da conta…. mas ter o SU-50 na FAB…. 🙂

[]’s

Marcos
Visitante
Member
Marcos

Nick

Supondo um T-50 para a FAB, ficaria só com ele.

Achei interessante o alcance do radar: acima de 400 km. Bom de um lado, ruim de outro. Se pode detectar um alvo a 400 km de distância, também pode ser detectado, por tabela, à mesma distância.

Edgar
Admin
Member

Como pode o F-22 ser tão menor que o T-50 e ter quase 3T a mais de peso máximo de decolagem?? A propósito, nem este Su-27 “shapeado” nem a banheira chinesa tem o peso de decolagem do F-22. Realmente achei isso no mínimo curioso.

O Ivan e sua terrível calculadora acho que seriam capazes de explicar.

🙂

Nick
Visitante
Member
Nick

Caro Nunão,

Nem em meus delírios movidos à vodka conseguiria imaginar 84 PAKFA na FAB. 🙂

Mas esse detalhe de colocar uma empreiteira para reformar os hangaretes no pacote dos caças, poderia viabilizar o projeto…rsssss

Caças: US$8,4 bilhões. Hangaretes US$8,4 bilhões ….

Seria um belo ganha-ganha para todo mundo, FAB com novos caças, Embraer montando os mesmos, Odebrechet(?) nos novos hangaretes e claro contribuindo para a campanha eleitoral(legamente :))

[]’s

joseboscojr
Visitante
Trusted Member
joseboscojr

Sem querer ser muito acadêmico mas já sendo, sem mostrar a metologia para se chegar aos resultados qualquer comparação fica difícil.
Por exemplo, para determinar o alcance de detecção de 400 km e de 250 km usaram como comparação um mesmo RCS?
E o imenso alcance do T-50, como se explica?
Cadê nosso “frentista” oficial para nos esclarecer?
Rsrsrs

Nick
Visitante
Member
Nick

Caro Nunão,

SU-35S é pensar pequeno…. Se for como Gap filler até que vai mas….hehehe. 🙂

E se for para gastar em base aérea descente, podemos tomar como modelo essa daqui:

comment image

Nem um B-2 com bunker-busters daria conta..rsssss

[]’s

Lyw
Visitante
Member
Lyw

Esta velocidade máxima do J-XX apresentada no infográfico está estranha, já é quase concenso que se a China conseguir por um motor próximo do desejado seu caça será bem veloz, no mínimo mach 2.2!

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Bosco, P’ra começo de conversa gosto dos ‘Flankers’ e mais ainda do ‘FireFox’. Este registro é necessário porque, desagradando a muitos, defendo firmemente que o PAKFA é um projeto novo, de uma nova aeronave, mas amplamente baseada na estrutura e sistemas da profícua família Flanker da Sukhoi. Basta observar as fotos das duas aeronaves estacionadas, que inclusive foram publicadas aqui no Aereo, com a característica separação dos motores, dimensões, disposição do trem de pouso entre outros detalhes. http://www.aereo.jor.br/2010/03/08/flanker-e-pak-fa-lado-a-lado/ Como um Su-30MK pode levar mais de 9 (nove) toneladas de combustível interno e o mais novo Su-35 promete até 14.350 litros,… Read more »

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Nick,

Seu otimismo é contagiante.

Abç.,
Ivan.

Nick
Visitante
Member
Nick

Caro Ivan,

É a vodka. 🙂

Sobre o radar, o mais importante são as capacidades desse radar em operar no modo furtivo, à semelhança do AN/APG-77. As dimensões do mesmo, somado a capacidade em operar no modo LPI, e até mesmo como uma antena RWR, e ativamente como emissor contra-eletrônico seriam muito mais úteis que o alcance maximo.

[]’s

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Nick, Dificilmente o radar AESA do ‘Firefox’ será melhor que o AN/APG-77. Mas a solução adotada pela Sukhoi no conjunto de antenas em direções diferentes e, possivelmente, mais de um radar em bandas diferentes e certamente a fusão destes dados promete um conjunto muito interessante. O conjunto de sensores do Lightning, o verdadeiro rival do russo ao redor do mundo no futuro, deverá ser ainda melhor, mas a questão que defendo é que não precisa ser melhor, basta ser o que estão projetando: um verdadeiro caça de 5ª geração com os 5 ‘S’ básicos. O primeiro e principal alvo dos… Read more »

Nick
Visitante
Member
Nick

Caro Ivan, Talvez não seja melhor, mas poderá se equiparar, especialmente se os russos conseguirem fazer o mesmo operar em modo LPI, e ter os outros recursos. Tamanho e potência(além de ser AESA) para isso ele tem. Sobre mudar o modo de operar da USAF/Otan, é complicado heim. 🙂 Para o futuro se projeta a guerra centrada em redes, incluindo satélites. Ou seja, de um Centro de Comando, todo o cenário dever ser visto e controlado. Caças como o SU-50 em teoria equilibram as coisas em relação ao F-35. Complica mesmo. 🙂 O que fazer primeiro? Talvez destruir os radares… Read more »

Almeida
Visitante
Member
Almeida

Uma pequena nota sobre o sistema de detecção do PAK-FA: Vai muito além do tradicional radar sob o radome frontal. Por isso o termo “sistema de detecção”. Além do tradicional radar no nariz, ele também terá o característico radar traseiro da família Flanker mais dois radares de varredura de banda larga nos bordos das asas, todos AESA, além do sistema optrônico frontal russo e mais sensores IR 360 graus espalhados pela fuselagem. Este sistema integrado pode não ter o mesmo alcance que o radar APG-77 do Raptor, mas definitivamente será bem completo e inovador. Até mesmo o Raptor foi projetado… Read more »

Almeida
Visitante
Member
Almeida

Aliás, bastava o Su-50 ser um Su-30MK ou Su-35S com RCS uma ordem de grandeza mais baixa, no nível dos Eurocanards e Super Hornet, que já valeria a pena… imaginem com baias internas, supercruise e todos esses sistemas de detecção!

Clésio Luiz
Visitante
Active Member
Clésio Luiz

Eu queria saber se esses dados sobre o T-50, especialmente as dimensões e o peso, são oficiais, ou foram pesquisadas nos foruns de entusiastas na internet…

joseboscojr
Visitante
Trusted Member
joseboscojr

Clesão,
A proporção entre os aviões na figura está completamente errada. Nunca o F-22 é tão menor que o T-50.
Na figura onde mostra o T-50 com 22 metros computou-se a sonda Pitot, que não deve existir na versão operacional, daí o caça russo já ganhou uns 2 metros de comprimento. O F-22 tem 19 metros de comprimento (sem a sonda Pitot rsrsrs).
Dados de radar estão inconsistentes.
Dados relativos ao alcance (translado, raio de ação, etc) também merece uma maior discussão.
Enfim…
Um abraço.

joseboscojr
Visitante
Trusted Member
joseboscojr

Mediram o T-50 com o Pitot e depois no comparativo retiraram a sonda, mas mantiveram a proporção.

champs
Visitante
champs

Ivan disse: 27 de abril de 2013 às 9:31 “O conjunto de sensores do Lightning, o verdadeiro rival do russo ao redor do mundo no futuro, deverá ser ainda melhor, mas a questão que defendo é que não precisa ser melhor, basta ser o que estão projetando: um verdadeiro caça de 5ª geração com os 5 ‘S’ básicos.” Almeida disse: 27 de abril de 2013 às 16:04 “E como eu sempre digo, o Su-50 não precisa ser melhor que o F-22A e nem mesmo o F-35: basta ser melhor que os caças de geração 4.5++…. Aliás, bastava o Su-50 ser… Read more »

REQUENA
Visitante
REQUENA

É o que eu sempre me pergunto.

Já que o pessoal do governo federal tem “tara” pela Russia, resquícios da antiga paixão pela URSS, porque diabos não entram nesse projeto!?!?!?!

Se abracem com os russos e indianos, fabriquem o “caça dos BRIC´s” e pronto. Custa pensar grande, pelo menos uma vez?