quarta-feira, novembro 30, 2022

Gripen para o Brasil

KC-390: mercado de 728 aeronaves em 77 países

Destaques

Guilherme Poggio
Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Este é o mais recente estudo de mercado feito pela Embraer

 

KC-390 marketing and sales

vinheta-clipping-aereoA Embraer informou nesta terça-feira que o mercado para seu novo avião militar, o KC-390 – que está em fase de desenvolvimento – deverá permitir a venda de 728 unidades para 77 países, resultando na arrecadação de um valor superior a US$ 50 bilhões (cerca de R$ 100 bilhões).

O presidente da divisão de Defesa e Segurança da Embraer, Luiz Carlos Aguiar, afirmou em entrevista coletiva que a companhia está “preparada” para entrar no mercado e venderá o avião a preços “mais baixos que os oferecidos pela concorrência”.

Sem citar empresas, Aguiar disse que a concorrência vende aviões militares de carga semelhantes por um preço que varia entre US$ 90 milhões e US$ 125 milhões. Ele garantiu que a Embraer será “muito competitiva”, apesar de ter revelado valores.

Com o KC-390, a Embraer pretende entrar em um mercado de aviões dominado pelo C-130 Hércules, da empresa americana Lockheed Martin.

Aguiar também disse que as expectativas são de que a primeira venda do KC-390 seja realizada no final deste ano ou no primeiro trimestre de 2014. Segundo ele, o comprador deve ser um dos países que participam do desenvolvimento da aeronave (Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, Portugal e a República Tcheca).

O executivo informou que o cronograma de desenvolvimento do avião está em dia, e que os dois protótipos em fabricação realizarão seu voo inaugural no final de 2014.

De acordo com o diretor do programa de desenvolvimento do avião, Paulo Gastão, o KC-390 terá capacidade de transporte de, no máximo, 26 toneladas e poderá chegar a 36 mil pés de altura, além de se adaptar a condições de voo “inóspitas”.

Os países que fazem parte do consórcio construtor assinaram cartas de intenção de compra de 60 aeronaves do KC-390.

FONTE: EXAME

- Advertisement -

5 Comments

Subscribe
Notify of
guest

5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nick

Essa análise tem que tirar a Índia e Europa como potenciais compradores do KC-390. Os demais, pode ser. 🙂

[]’s

Marcos

Nick

Nem todo mundo na Europa está disposto a bancar um A-400M.
A Índia, tudo bem. Mas considerando que os indianos gostam de
comprar de todo mundo, diferentes modelos para a mesma missão,
não é de duvidar que venham a comprar.

Nick

Caro Marcos,

Realmente. Da Europa excluir somente os países participantes do programa A400M. Com relação a Índia o problema é que eles estão desenvolvendo em parceria coma Russia, um cargueiro similar ao KC-390, para não dizer idêntico.

[]’s

Ivan

“…o mercado para seu novo avião militar, o KC-390 (…) deverá permitir a venda de 728 unidades para 77 países…”

O pessoal do marketing e da assessoria de imprensa é terrível em qualquer empresa.

O que está escrito é que o mercado total para um avião com características semelhantes ao KC-390 é para 728 unidades, distribuídos em 77 países. Entretanto, como está escrito, um leitor desavisado, possivelmente os poucos que não visitam o Poder AEREO, 😉 pode ser levado a entender que o novo airlift da Embraer venderia sete centenas de unidades. Um desatino.

Sds.,
Ivan.

Ivan

…a companhia está “preparada” para entrar no mercado e venderá o avião a preços “mais baixos que os oferecidos pela concorrência”. Aqui mora o perigo. Preço não tem nada a ver com custo. O que determina o preço de um produto é quanto o mercado está disposto a pagar, considerando os benefícios que este agrega e eventuais alternativas disponíveis. Tomar como parâmetro o preço de um Lockheed C-130J praticado hoje pode ser perigoso, pois este é determinado pelo que os clientes atuais e futuros estariam dispostos a pagar. Possivelmente seus custos permitariam preços menores. Mas porque a administração da Lockheed… Read more »

Últimas Notícias

Chegam a Anápolis-GO os primeiros caças F-39 Gripen operacionais

Por Juliano Lisboa (Reportagem e Fotos) Os primeiros caças Saab F-39E Gripen operacionais da Força Aérea Brasileira pousaram hoje na...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -