Home Manutenção África do Sul: com caças armazenados, pessoal de apoio da Denel é...

África do Sul: com caças armazenados, pessoal de apoio da Denel é demitido

311
13

Gripen da SAAF - foto 2 Denel

Saab sueca vai empregar parte dos demitidos da sul-africana Denel que presta apoio aos caças Gripen, cuja frota foi em parte armazenada

Segundo reportagem publicada em 24 de março pelo jornal Business Day Live, a fabricante sueca Saab, que vendeu 26 caças Gripen à África do Sul, deverá empregar parte dos 383 empregados da companhia estatal Denel que serão demitidos ao final do mês (parte dos custos da demissão deverão ser pagos pela Força Aérea Sul-Africana – SAAF).

A equipe, que trabalhava na Denel Aviation, realizava serviços de manutenção de aeronaves à SAAF ao longo de um contrato de décadas, que foi cancelado em novembro devido a restrições orçamentárias. Da mesma forma, os contingenciamentos levaram  à decisão de armazenar por longo prazo 12 dos 26 caças.

Gripen da SAAF - foto Denel

Segundo Willie van Eeden, um dos diretores do sindicato Uasa que representa a equipe, “está claro que, devido a outro decréscimo no orçamento de defesa, a Força Aérea Sul-Africana teve que tomar uma ação drástica.” Van Enden prossegue: “Qual a utilidade de uma força aérea sem aviões em condições de voo para atender às necessidades dos cidadãos sul-africanos? Armazenar por longo prazo caças Gripen e jatos de treinamento Hawk que custaram bilhões é obviamente ridículo”.

139 empregados da Denel ligados à manutenção das aeronaves da SAAF serão mantidos

Aproximadamente 100 empregados da Denel, que trabalhavam em bases aéreas ao redor do país, conseguiram encontrar novos empregos. Entre as empresas que absorveram esse pessoal está a sueca Saab, segundo Willie van Eeden. Após muitas negociações, a SAAF concordou em continuar utilizando os serviços de 139 empregados, e negocia um novo acordo com a Denel.

O pessoal que permanecer deverá prover “serviços vitais de manutenção para a Força Aérea”, visando manter as aeronaves em condições em voo, informou a Denel. Espera-se que a equipe reduzida seja suficiente para manter as aeronaves que não forem armazenadas.

Hawk SAAF - foto Denel

No final do mês passado, a Denel divulgou nota sobre esse acordo finalizado com a SAAF, no qual se negociou que a empresa continuasse a prover serviços vitais de manutenção, no que descreveu como uma situação “ganha-ganha” (win-win situation) tanto para a Denel quanto para a SAAF, permitindo manter os 139 empregos que complementarão as capacidades próprias da Força Aérea. Quanto aos que serão demitidos ao final deste mês de março, a empresa se comprometeu a ajudá-los a encontrar outros trabalhos, o que inclui outras áreas de negócio do Grupo Denel.

FONTES: Business Day Live e Denel (tradução e edição do Poder Aéreo a partir de originais em inglês)

FOTOS via Denel

VEJA TAMBÉM:

13
Deixe um comentário

avatar
12 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
Justin CaseIvanFernando "Nunão" De MartiniAlmeidaglaison Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
juarezmartinez
Visitante
Member
juarezmartinez

Sintetizando o texto em uma frase:

A merd……………….a tá pegando preço……..

Grande abraço

Vader
Visitante
Member

Num tá fácil pra ninguém…

Observador
Visitante
Observador

Passado o oba-oba da Copa do Mundo por lá, os sul-africanos estão com aqueles estádios novínhos às moscas. Tem prefeitura sul-africana que gasta 15 milhões de dólares por ano só para manter um elefante branco destes e já falam em implodir o estádio, só para economizar. Fizeram uma série de investimentos para os quais não tinham dinheiro e taí o resultado. Até os caças adquiridos estão sendo estocados. Voltando ao Brasil e falando só na parte da Defesa, fico me perguntando como será por aqui, depois da copa e olimpíadas, se realmente os investimentos prometidos (FX-2, AAA e outras cositas)… Read more »

Nick
Visitante
Member
Nick

Hmm, dá para fazer um bem-bolado com a África do Sul. 🙂

12 Gripen C para o GDA, agora! 🙂

[]’s

Baschera
Visitante
Member
Baschera

Depois da euforia vem a ressaca…..

Todos os governos dos países que sediaram as Copas e também as Olimpíadas se ferraram…… Atenas(2004) está pagando pelas Olimpíadas até agora… e Barcelona (1992) ainda tem restos a pagar de dívidas feitas.

A Africa do Sul recuperou apenas 5% em receitas de turismo do que investiu….. e nós, os expertos, vamos pelo mesmo caminho. Pior ainda pois gastaremos duplamente, com estes dois eventos ridículos !!

Daqui quatro anos vão armazenar até ambulâncias no Brazil Putênfia !

Sds.

Baschera
Visitante
Member
Baschera

E a coisa está pegando também na Venezuela…..

Sds.

glaison
Visitante
glaison

Aqui acho que irão aposentar de fez os caças depois dos eventos (F-5M), então ficaremos com somente os Super Tucano.
Também da para aposentar o NA São Paulo.
E o submarino nuclear, também, quando ficar pronto, faz a apresentação ao público, o presidente em gestão tira foto junto com ele, e depois vai para armazenamento.

Almeida
Visitante
Member
Almeida

Obviamente que o Brasil não é do tamanho da África do Sul nem da Grécia. Nem mesmo da Espanha. Mas que estes dois eventos, um atrás do outro, vão cobrar um preço nefasto para nossas gerações futuras, isso vão. Uma pena os militares da África do Sul, após planejarem e executarem um moderno e bem dimensionado reaparelhamento após o fim do Apartheid e se comprometerem com a segurança de toda a África subsaariana, tenham que passar por isso agora. Essa semana seis soldados sul africanos morreram num golpe da República Central Africana. Eles não podem se dar ao luxo de… Read more »

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Nunão,

Minha esperança é que vc esteja errado…
Mas desconfio que é esperança vã.

Risco de não comprar antes por não dar tempo
e não comprar depois por que não há mais recursos.

São muitas negativas no mesmo parágrafo,
mas esta perspectiva é negativa mesmo.

Abç.,
Ivan.

Justin Case
Visitante
Member
Justin Case

Amigos,

No artigo original do Business Day Live, há outros parágrafos interessantes que não foram traduzidos para o Português.
Vale a pena ler:

http://www.bdlive.co.za/national/2013/03/24/swedens-saab-snaps-up-axed-denel-staff

Abraços,

Justin