Home Aviação de Caça Chile vende F-5 Tiger III para o Uruguai

Chile vende F-5 Tiger III para o Uruguai

737
19

Pelo menos é esta a informação do site peruano ‘Generaccion’

 

F-5E Tiger III do Chile nos 100 anos da Aviação Militar no Uruguai - foto 3 FACh

Durante a visita de uma delegação da Fuerza Aérea de Chile (FACh) ao Uruguai foram feitos contatos com o governo de Montevidéu sobre uma possível venda de 12 jatos F-5 Tiger III para a Fuerza Aérea Uruguaya. As informações são do site do tipo PCI (plataforma ce comunicação interativa) Generaccion.com.

Segundo a nota publicada no site em 21 de março, a FACh enviou um grupo de F-5, incluindo um biposto, acompanhado de um Boeing KC-135 de reabastecimento aéreo. Os caças foram reabastecidos no ar duas vezes no voo entre Punta Arenas e Montevideu (1.300 milhas) em quase três horas de voo. Em caráter extra-oficial foi dito que o custo das 12 unidades giraria em torno de 80 milhões de dólares.

A “Fuerza Aérea Uruguaya” (FAU) procura por caças de interceptação para complementar os radares 3D Lanza, pois atualmente ela só conta com jatos A37B Dragonfly e bimotores IA58 Pucará (complementados por PC-7U). Ambos os tipos são aviões de ataque ao solo e não contam com as características de um interceptador.

F-5 Tiger III - foto Força Aérea do Chile - FACh

O F-5 Tiger III da FACh foi modernizado com um radar multimodo Elta EL/M-2032, sistemas RWR, HOTAS, HUD EL-OP 2 e capacete DASH III para misseis Python III, IV e mais recentemente com o míssil BVR Derby.

Esta venda ocorreria porque o Chile está interessado em comprar caças F-16 usados da Dinamarca.

FONTE: Generaccion (tradução e edição do Poder Aéreo a partir do original em espanhol)

FOTOS: FACh

COLABOROU: Justin Case

NOTA DO EDITOR 1: confirmando-se a informação do Generaccion, o nosso editor “Nunão” acertou mais uma.  No primeiro link abaixo ele já havia informado sobre a possibilidade da venda. Já no último link, outros “palpites” do Poder Aéreo que, até o momento, vêm se confirmando.

NOTA DO EDITOR 2: enquanto alguns países como Chile vendem material militar usado, o Brasil escolhe outros meios. Além a doação de um Esquilo Biturbina que pertenceu à Marinha o governo deve doar mais alguns Tucanos da FAB para a FAU.

VEJA TAMBÉM:

19
Deixe um comentário

avatar
13 Comment threads
6 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
indioinformaticoVadernunes netoMauricio R.jacubao Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
aldoghisolfi
Visitante
Member
aldoghisolfi

Bueno… escapamos nós de comprar mais F5…

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Por hora, pelo que pude procurar em sites de jornais uruguaios e chilenos, o site Generaccion é a fonte original e praticamente única (o que tem mais por aí é repercussão do que saiu no Generaccion).

Ainda não saiu nada, ao menos que eu encontrasse numa busca mais rápida, em jornais maiores.

Mas já vi que está repercutindo desde ontem em blogs e fóruns escritos em espanhol. Um blog fez um título dando a entender que esse seria um “perigo para a paz”.

Marcos
Visitante
Member
Marcos

É por isso que o Chile é o Chile.
É só em Banarnia, administrada por um bando de idiotas, é que se doa aquilo que nos saiu muito caro, tudo para tentar conseguir um assento no Conselho de Segurança da ONU (ganharam foi um peniquinho para sentar). He, he, he, até o Uruguai já se iguala a nós, a putenphia, adquirindo F-5. Já somos a Argentina, com uma força aérea de quinta categoria, sem meios.

Nick
Visitante
Member
Nick

Para o Brasil não faria sentido nenhum ter esses F-5E. Na verdade deveríamos é nos livrar dos nossos, por vetores de no mínimo 4.5ª geração.

Mas para o Uruguai faz todo o sentido, já que não praticamente nada. E mais, vai colocar a FA deles tecnologicamente falando muito próximo do nosso e acima da Argentina. 🙂

[]’s

Marcos
Visitante
Member
Marcos

E, Nunão, parabéns!

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

rsrsrs, valeu, Marcos, mas ainda precisa se confirmar a notícia…

Quanto à parte que fala da Dinamarca e numa possível compra de F-16 excedentes dinamarqueses pelo Chile, onde há fumaça “real” pode haver fogo. Príncipes da família real dinamarquesa foram recebidos outro dia desses pelo ministro da Defesa do Chile, aquele mesmo que, há pouco tempo, deu uma “voltinha” de F-16 em Antofagasta. Foi uma visita oficial:

http://www.defensa.cl/2013/03/11/ministro-de-defensa-recibe-a-principes-de-dinamarca-en-inicio-de-visita-oficial-por-chile/

Baschera
Visitante
Member
Baschera

Eu nem havia nascido e já estavam correndo atrás deste tal ASSENTO no CS da ONU.

Até agora só conseguiram sentar num penico……

Na boa, ninguém pede algo e é aceito…. ou vc se impõe ou desocupa a moita.

Parabéns ao hermanos uruguaios, que gastando pouco terão um F-5 com boas horas de vôo e muito melhores em sensores e radar do que os da FAB.

Seguindo assim, nos resta apenas ficar melhor que a FAP (Paraguay) e FAB (Bolívia)…. o que falta pouco….. só mais algum tempo.

Sds.

jacubao
Visitante
jacubao

Na boa! Eu duvido muito que o GF compre mesmo os caças para a FAB. Todo o ano tem uma historinha diferente, um bla bla bla… Ta precendo até que estão simplesmente destruindo as FAs para, quem sabe, tentar implantar um rgime “esquisito” no Brasil. É só olharem para o lado e observar. Existem muitos projetos de lei com mudanças estranhas, que vão contra os princípios da ética, família, moral e etc, e se as FAs estiverem fracas,não poderão se impor a eles como foi porduasvezes no passado. Parabéns ao Uruguay por dar um upgrade na sua força aérea, pois… Read more »

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

A “festa” dos jatinhos executivos, que cruzavam impunimente o espaço aéreo uruguaio, vai acabar.
Parabéns por cuidarem de vosso quintal, como se deve.

nunes neto
Visitante
nunes neto

Baschera, eu pensava que os nossos tinham sistemas mais avançados,inclusive por que a modernização do Chile é bem mais antiga! Na atual conjuntura e pela pespectiva ftura eu consideraria uma ótima compra para a FAB, como já foi debatido aqui, os F5M da FAB, não conseguem suprir númericamente todos os esquadrões, fora que a reserva númerica praticamente não existe.Abçs

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Nunes Neto e Baschera, Acho difícil que o F-5 Tiger III seja marcantemente superior ao F-5M porque, embora muitos itens da modernização sejam da mesma “família” por procederem de empresas israelenses, há praticamente uma geração de desenvolvimento separando-os. Quem já viu o painel de um Tiger III sabe do que estou falando. O chileno tem dois pequenos displays na parte superior do painel, sendo o restante ocupado por mostradores analógicos. Assim, já na interface homem-máquina, o modelo brasileiro com suas três telas ocupando praticamente todo o painel, e apenas alguns instrumentos “convencionais” apenas como back-up, é muito mais eficiente para… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Dito tudo isso, e fazendo uma “ponte” para o problema de outro vizinho: Concretizando-se essa aventada compra dos F-5 Tiger III pelo Uruguai, será uma bela aquisição de oportunidade para a FAU, e tomara que tenha bons anos de uso pela frente, para que eles tenham tempo para preparar a aquisição de um sucessor e continuarem subindo os degraus. Eu prefiro um vizinho com capacidade de defender com dignidade seu próprio espaço aéreo do que um que não possa, e com equipamento mais adequado a fazer operações conjuntas com a FAB. E dito mais isso, chegamos à “ponte” que eu… Read more »

Vader
Visitante
Active Member

Parabéns ao Uruguay. Terá uma aviação de caça melhor que a Argentina.

Mas comprar não é operar (by Juarez). Terá a pobre FAU condições de manter um jato supersônico destes?

E como disse alguém acima, é por isso que o Chile é o que é. Eles sabem dar valor ao que tem; sabem dar valor aos seus impostos.

Tá mais fácil o Chile um dia conseguir um assento permanente no CS da ONU do que o Brasil.

jacubao
Visitante
jacubao

Concordo vader. O chile vai pegar essa vaga antes de nós, se é que o Brasil esta querendo isso mesmo.

indioinformatico
Visitante
indioinformatico

Em primeiro lugar, o blog é peruano,e, talvez esteja agindo precipitadamente, para evitar ou confirmar a possibilidade de que um país mais preocupante, o Equador, por exemplo, acabe com esses avioes no seu inventario…
Embora existe um real interesse da FAU pelos F-5 chilenos, nenhuma venda, me dizem altas fontes oficiais da FAU, foi concretizada , já que o Comandante em Chefe da FACH teve que voltar as pressas ao Chile, devido ao acidente dos Halcones no meio da festa uruguaia pelos 100 anos da Av. Militar….

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

“indioinformatico em 23/03/2013 as 15:35”

Obrigado por compartilhar a informação. O Galante me encaminhou seu e-mail a respeito. A confirmação de que estão interessados realmente nos caças é, de fato, um dado importante.

Vader
Visitante
Active Member

Nunão, neste sabadão à tarde, com muito sol e carne queimando na churrasqueira aqui nobinteriorzão de SP, fico impressionado com seus sempre ponderados comentários. Parabéns e obrigado.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Vader, estou desafogando o stress com algumas tarefas com começo, meio e fim (como fazer um ou outro post e escrever uns comentários), como exercícios de autocontrole, que intercalo com algumas dúzias de pilhas de obrigações intermináveis em cima da mesa e com prazo batendo na porta.

Ommmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm…

Se eu me desesperar, danou-se!

Vader
Visitante
Active Member

Ommmmmmm… 🙂

Kkkkk….

Boa véio. Gde abraço.