Home Treinamento ‘Elephant walk’ no final de 2012 na Coreia

‘Elephant walk’ no final de 2012 na Coreia

332
24

Jatos F-16 Fighting Falcons da USAF e da ROKAF em formatura “elephant walk” para decolagem na base aérea de Kunsan, na Coreia do Sul, no dia 14 de dezembro de 2012.

FOTOS: USAF

Subscribe
Notify of
guest
24 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Renato Oliveira
Renato Oliveira
7 anos atrás

banânia: morra de inveja!!

Nick
Nick
7 anos atrás

No mínimo 40 caças nessa formação…. 🙁

[]’s

Marcos
Marcos
7 anos atrás

No brasil: turtle walk

Porque o programinha FX mais demorado esse!!!

maxi47
maxi47
7 anos atrás

Republica de Petralhas, veja é assim que se faz!

Giordani
Giordani
7 anos atrás

Bah…só na primeira imagem deve ter 1/2 FAB e uma FAA inteira!

Na Banânia é o inverso. No ar quatro Forevis-5. No palanque, 40 ministros…400 assessores…4000 aspones…

Alexandre Galante
7 anos atrás

Hehehe… vocês me matam de tanto rir! 😉

Ozawa
Ozawa
7 anos atrás

De fato… No Brasil faltam águias…, mas sobram serpentes e jegues…

E são os que empacam e rastejam que estão no comando dos que voam !

Darkman
Darkman
7 anos atrás

Não gosto nem de ver isso !!!
Humilhante , aqui não conseguimos botar os Forevis nesta formação rs..

Diegolatm
Diegolatm
7 anos atrás

Marcos disse:
No brasil: turtle walk

kkkkkkkkkk… CHOREI DE RI!

Ótimo marcão!

GBento
GBento
7 anos atrás

Duas Forças Aéreas dignas da palavra força.

Enquanto em Banânia a Fraqueza Aérea Brasileira vai ficando cada vez mais fraca por obra dos nossos sábios governantes.

GBento
GBento
7 anos atrás

Duas Forças Aéreas dignas da palavra força.

Enquanto em Banânia a Fraqueza Aérea Brasileira vai ficando cada vez mais fraca por obra dos nossos sábios governantes.

GBento
GBento
7 anos atrás

Duas Forças Aéreas dignas da palavra força.

Enquanto em Banânia a Fraqueza Aérea Brasileira vai ficando cada vez mais fraca por obra dos nossos sábios governantes.

Elezer Puglia
Elezer Puglia
7 anos atrás

Completando o comentário de Nick: segundo o site de “Bayou Renaissance Man”, o “Elephant Walk” de F-16 tinha 60 caças. E, como se não bastasse esse, ainda temos que levar um outro “Elephant Walk”, desta vez com nada menos de 70 F-15 da 4th Fighter Wing na Base Aérea de Seymour – vejam que foto impressionante em http://www.flickr.com/photos/usairforce/7090539089/sizes/k/in/photostream/.

F - 5
F - 5
7 anos atrás

que tal GTE WALK?

GBento
GBento
7 anos atrás

Peço desculpa aos moderadores pelo comentário triplicado.

Mouse com defeito, o que pensei ser um único clique equivaleu a três.

Peço que apaguem as postagens repetidas caso seja possível.

Saudações.

Carcará
Carcará
7 anos atrás

O mais impressionante para mim não é a quantidade de aeronaves. O mais impressionante é que todas estão completamente armadas no estado da arte, com mísseis BVR Aim 120 amraam, WVR Sidewinder, tanques suplementares, Harm, e outros. Realmente agrupar uma quantidade dessas de aeronaves de combate (modernas) já é difícil (não somente para FAB), com armamento full (moderno) é muito mais difícil.

joseboscojr
joseboscojr
7 anos atrás

Carcará,
Tem também o que parece ser uma bomba de fragmentação Belouga francesa.(????)
É pouco provável que os SC usem bombas francesas nos caças americanos tendo em vista a grande variedade de armas semelhantes fabricadas nos EUA, mas que parece,parece.

Giordani
Giordani
7 anos atrás

Isso é outra coisa que impressiona. Todos armados! Aqui mal e porcamente, uma vez que outra, vemos um Forevis-5 armado (com AAM de treinamento)…

Alguém lembra qual é a classificação dos AAM? Digo no sentido das tarjas. Lembro que a marrom era para míssil totalmente operacional para o combate, pronto para a peleia, e a azul é de manejo ou será que é à amarela???

jacubao
jacubao
7 anos atrás

Azul é manejo sim Giordani.

Na primeira foto, eu consegui contar, até onde deu, 42 caças. Já tem mais caças que o proposto para o cadáver FX-2.
Putz…..

Rogério
Rogério
7 anos atrás

Bosco,

O que parece ser a Belouga pode ser a BLU-109,

comment image

joseboscojr
joseboscojr
7 anos atrás

Rogério,
Lembra mesmo, embora pareça um pouco pequena para a BLU-109 e com as aletas um pouco grandes para a GBU-31 (JDAM)
Mas não deixa de ser uma opção e até mais provável que a Belouga.
O que pode ser embora bastante improvável é que seja uma BLU-109 sem kit de orientação JDAM haja vista que é incomum o uso dessas bombas de penetração sem guiamento.
Um abraço.

Rogério
Rogério
7 anos atrás

Pensei igual Bosco, é muito raro ver fotos dessas bombas sem o kit de orientação, tb fiquei com duvidas por causa disso.

Já nessa foto a bomba aparece com o kit.

comment image

[]s

joseboscojr
joseboscojr
7 anos atrás

Rogério, Mas você matou a charada com essa foto ampliada. É mesmo a BLU-109 com kit JDAM (GBU-31) Quanto a não ser comum usar bombas de penetração sem guiamento, tal fato se deve à necessidade que tem dela ser lançada de grande (ou pelo menos média) altitude para que tenha energia cinética suficiente para penetrar no alvo, e como em geral os alvos duros são pontuais, seria muito difícil atingir a precisão necessária numa trajetória de queda livre não guiada. Daí todas as bombas penetrantes serem guiadas ou estarem acopladas a um kit de orientação (SDB, GBU-31, GBU 24, GBU-15/AGM-130,… Read more »

joseboscojr
joseboscojr
7 anos atrás

Só uma correção: A JSOW-C dotada de ogiva BROACH não precisa de atingir grande velocidade para penetração tendo em vista que usa a energia química para abrir passagem no concreto/rocha.