Home Data Comemorativa Rafale com as cores do ‘Normandie Niemen’ nos 100 anos da aviação...

Rafale com as cores do ‘Normandie Niemen’ nos 100 anos da aviação russa

505
2

No centenário da aviação russa recentemente comemorado (veja matéria na lista abaixo), entre as diversas apresentações de aeronaves russas e de vários outros países estava um Rafale da Força Aérea Francesa com as cores do esquadrão 2/30 “Normandie-Niemen” – a mais recente unidade operacional francesa equipada com o caça e também um esquadrão cuja história remonta à Segunda Guerra Mundial, quando voou caças Yakovlev soviéticos. Para saber mais sobre esse esquadrão e sua história, confira também os links abaixo.

Acompanhando o “Rafale Solo Display Team” estavam o general francês Antoine Noguier, comandante da defesa aérea e operações aéreas (CDAOA)  e o comandante Alexandre Richard, segundo em comando do “Normandie-Niemen”. Emocionado, Noguier disse que “é uma grande honra estar aqui com nossos camaradas russos com quem partilhamos uma longa tradição que remonta à Segunda Guerra Mundial. A apresentação aérea do Rafale com as cores do “Normandie-Niemen” foi absolutamente notável. É impressionante perceber o tanto de simbolismo que essa esquadrilha representa para o povo russo. Os aviadores combateram junto com os russos na Segunda Guerra Mundial. Muitos perderam a vida, mas sua memória está bastante presente.

Na exibição aérea, o Rafale foi pilotado pelo capitão Michaël Brocart, que recebeu as felicitações, após o pouso, do piloto russo do demonstrador T50 (o PAK-FA). Segundo Brocart, o piloto russo se instalou na cabine do Rafale e elogiou bastante a ergonomia dos comandos de voo.

O último dia da participação francesa, 13 de agosto, foi marcado por um encontro aéreo histórico de uma patrulha que incluiu dois caças Rafale e um Sukhoi russo sobre Khatenki, a 200 km de Moscou, justamente a região em que o então Grupo de Caça  n°3 “Normandie”, batizado mais tarde de “Normandie Niemen” por Stálin, teve seu batismo de combate na luta contra o fascismo em 1943. Em breve, um museu sobre o esquadrão franco-russo deverá ser inaugurado no aeroclube batizado com o nome da unidade, em Khatenki.

FONTE / FOTOS: Força Aérea Francesa (Armée de l’ air)

VEJA TAMBÉM:

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Giordani
8 anos atrás

A FABb também é 100…nada!

Marcelo
Marcelo
8 anos atrás

Bela homenagem!
O piloto do Rafale deve invejar o formato stealth do T-50 e o piloto russo o nível de eletrônica e ergonomia do Rafale!