Home Indústria Aeroespacial Rússia deverá produzir PAK-FA em massa a partir de 2015

Rússia deverá produzir PAK-FA em massa a partir de 2015

300
13

Comandante das Força Aéreas Russas também informou que produção em massa do Su-35 será dois anos antes, em 2013 – Jatos Sukhoi, desde o Su-7 de 1964, já acumulam mais de 2.500 unidades exportadas até hoje

Na segunda-feira, 6 de agosto, a versão em inglês do site da “China Radio International” divulgou a notícia de que, em 2015, a Rússia vai produzir em massa caças de quinta geração. A informação sobre a produção em série do caça PAK-FA T-50, de quinta geração, foi dada pelo comandante das Forças Aéreas Russas, major-general Victor Bondarev.

Segundo o comandante, a aeronave será produzida em volume após 2015, devendo suceder os caças MiG-29 e Su-27 pelos próximos 30 anos. Já o Su-35, atualmente o caça topo de linha da quarta geração “plus”, entrará em produção em massa ainda em 2013, segundo Bondarev.

Ainda sobre o Su-35, o site da Sukhoi divulgou nota nesta terça-feira, 7 de agosto, de que prosseguem as provas de voo do caça multipropósito dotado de supermanobrabilidade, visando testar o uso do caça em situações de combate. Os dados técnicos e a precisão dos sistemas de vigilância e modos de combate estão consistentes com as estimativas. Entre as características que distinguem o Su-35 estão o uso de tecnologias de quinta geração, novos aviônicos digitais, novo radar de longo alcance e varredura eletrônica, com grande capacidade de acompanhar e engajar alvos simultaneamente, além de novos motores com mais potência e empuxo vetorado.

Sobre o desempenho em voo, a Sukhoi informou que vêm sendo testadas as características técnicas em voo, resistência estrutural, estabilidade, controle e propulsão. Também estão sendo testados os aviônicos, a operação dos sistemas de gerenciamento de informação, de navegação e sistemas de radar, com a participação ativa dos subcontratados da Sukhoi. No total, já foram realizados mais de 650 voos.

A Sukhoi informou também, no dia anterior, que mais de 2.500 aeronaves com código “Su” (indicando Sukhoi) já foram exportados desde 1964, o que inclui jatos como o Su-7, Su-17, Su-20, Su-22, Su-24, Su-25, Su-27 e Su-30, assim como suas variantes. Os jatos foram exportados para clientes na Europa, Ásia, África e América do Sul, e em diversas forças dessas regiões eles ainda operam.

Na última década, o jato Sukhoi mais exportado foi o Su-30 multipropósito em suas diversas versões vendidas desde 1996. Atualmente, há negociações com clientes para a exportação do Su-35.

FONTES: CRI (China Radio International) e Sukhoi

FOTOS: Sukhoi

VEJA TAMBÉM:

13
Deixe um comentário

avatar
13 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
9 Comment authors
GrifoIvanchampsVaderGiordani RS Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Fabio ASC
Visitante
Fabio ASC

SONHO MEU……

Ozawa
Visitante
Member
Ozawa

Não sei se na ASAS, ou na RFA, vou rever meus arquivos, vi uma ilustração com esse caça numa matéria do cancelamento do FX 1…, isso lá em 2003, como sendo uma opção ‘séria’ do governo brasileiro para um futuro FX2 quando fosse reaberto…

Própria de um governo que se escuda na distância cronológica para apresentar suas pretensões falaciosas de defesa: PAEMB, FX 2, FTXXI, PND…

O PAK FA nasceu. O FX2 morreu. E a FAB se f…..deu…

AUTO EDITADO

asbueno
Visitante
Member
asbueno

Parabéns Ozawa, infelizmente a rima é perfeita.

O bonde, seja lá qual for e para onde for, está perdido.

Ozawa
Visitante
Member
Ozawa

TABAJARA HOST já tem versão 5ª geração !

Participe desse duelo em plenos céus brasileiros sobre o Planalto Central ! Escolha uma das moderníssimas aeronaves de 5ª geração disponíveis abaixo, uma furtiva aos radares, de projeto da tradicional aeronáutica russa, já a outra, furtiva aos órgãos de controle, da genuína……………………………………………brasileira…

PAK-FA x PAC-PT

Qual é a melhor ? Voe e descubra !

AUTO EDITADO, pelo menos em parte…

Observador
Visitante
Observador

Senhores,

Sonho de uns, pesadelo de outros.

Se o cronograma se confirmar, já em 2016 veremos o SU-50 voando com as cores bolivarianas.

Ou seja, em 2016 a FAB continuará sem ser a força de ponta da América do Sul, quer se resolva o FX-2 ou não.

Giordani RS
Visitante
Member

Mas nobre HAL-9000, não será a venezuela a responsável pela aviação de caça da União das Republicas Sulamericanas Bolivarianas? Transporte VIP será com a FAB e o treinamento dos cadetes com o bolivianos… 🙁

Vader
Visitante
Active Member

Esses russos são só garganta. Se vão vender em massa seu T-50 quem irá comprar seus Su-35S, que nem pronto está ainda?

Oras, mentira de russo é igual a mentira de iraniano…

champs
Visitante
champs

Vader, Talvez a estratégia russa seja oferecer uma composição Hi-Low aos futuros clientes, uma venda casada, se bem que acho que o Su-50 vai ser vendido nos moldes do F-35 aos clientes externos, ou seja, sem todas as capacidades furtivas, no caso russo por realmente esta sem todas as capacidades ainda. Como o Su-50 deve ter um preço similar ao Rafale e Eurofighter acredito que vão ser vendidas quantidades relativamente pequenas 12 a 24 caças. Outra possibilidade é estarem trabalhando para colocar o Su-50 em serviço o mais rápido possível mas sem todas as capacidades e com os recursos das… Read more »

Vader
Visitante
Active Member

champs disse:
9 de agosto de 2012 às 9:13

Ou seja: os russos estão contando com uma guerra em grande escala para alavancar suas vendas; porque sem isso, excetuado a Índia, hoje em dia só se vendem algumas unidades de caças.

Pra mim isso aí é garganta dos russos.

Sds.

Ivan
Visitante
Member
Ivan

“…em 2015, a Rússia vai produzir em massa caças de quinta geração.” Tenho dúvidas quanto ao ano de 2015, mas como “produzir em massa” deixa margem a várias interpretações, de 20 a 200 ao ano, o texto faz sentido dentro da propaganda russa. De qualquer forma o PAK-FA parte de uma carteira de encomendas consistente, com algumas centenas divididos entre a Военно-воздушные cилыРоссии (Rússia) e a भारतीय वायु सेना (Índia). Com uma boa carteira para financiar o projeto, acredito em futuro promissor para o PAK-FA como uma alternativa não ocidental àqueles países que demandarem caças de 5ª geração. Contudo, acredito… Read more »

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Quanto ao Super Flanker Su-35, possivelmente o último da exitosa família de caças Flanker da Sukhoi, acredito em um futuro próximo muito promissor, tanto no mercado interno russo como de exportação. A Rússia com seu imenso território, é o maior país do mundo em extensão territorial, são 17.075.400 Km², bem como suas fronteiras geladas e ricas no Ártico, precisa de caças de longo alcance. Na linha do Yakovlev Yak-28, Sukhoi Su-15, MiG-25 e MiG-31, a necessidade futura de um sucessor grande, poderoso e rústivo justifica a compra de mais de uma centena de Su-35S, que inicialmente ficariam na linha de… Read more »

champs
Visitante
champs

Perfeita análise Ivan,

Vejo futuro nesses dois produtos da Sukhoi, ambos não tem concorrentes à altura no mercado não ocidental.

Grifo
Visitante
Grifo

Senhores, qual o sentido em começar a produzir um caça em 2013 e a versão seguinte em 2015? Tem alguma coisa errada aí.