Home Sistemas de Armas Defesa da Suíça anuncia escolha do Gripen

Defesa da Suíça anuncia escolha do Gripen

263
37

O governo suíço acaba de anunciar que o vencedor do “F/X” local é o caça sueco Gripen. Serão encomendados 22 caças. Os outros concorrentes eram o “Eurofighter” e o “Rafale”.

Veja a notícia (em alemão)aqui.

COLABOROU: Franz Neeracher

ATUALIZAÇÃO (15h20) DA ASSOCIATED PRESS, VIA YAHOO:

O Governo Suíço afirmou que quer comprar 22 caças Gripen da empresa sueca Saab AB, para substituir uma frota de caças Northrop F-5 Tiger.

O ministro da Defesa* da Suíça anunciou nesta quarta-feira que uma encomenda de 3,1 bilhões de francos (3,37 bilhões de dólares) seria feita, aguardando a aprovação do parlamento Suíço. Ueli Maurer disse que as aeronaves deverão substituir os F-5.

O Gabinete Suíço disse que o custo foi um fator decisivo na opção pelo Gripen, em comparação ao caças caças Rafale e Typhoon, respectivamente da companhia francesa Dassault Aviation e do consórcio europeu Eurofighter.

*O nome correto do órgão, traduzido, é Departamento Federal de Defesa, Proteção Civil e Esporte, com a sigla DDPS. O site da DDPS traz a notícia oficial sobre a escolha, que pode ser acessada em  alemão , francês e italiano. Daqui a pouco, publicaremos a tradução para o português.

BATE-PAPO ONLINE: converse com outros leitores sobre este assunto no Xat do Poder Aéreo ou no Xat do Poder Naval, ou no grupo Forças de Defesa no Facebook.

37
Deixe um comentário

avatar
37 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
22 Comment authors
Por que a Suíça quer um novo caça? | Poder Aéreo - Informação e Discussão sobre Aviação Militar e CivilNautilusGrifoCorsario137ricardo_recife Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Antonio M
Visitante
Member
Antonio M

E enquanto isso em um país abaixo da linha do equador e em outro acima, onde falam francês …..

cvn76
Visitante
Member
cvn76

Lendo rapidamente a reportagem, parece ter sido a decisão correta!

Nada contra os outros candidatos, que tb são muito bons.

Mas para um país pequeno, um pouco maior que o Estado do Rio de Janeiro que já possue 33 F/A 18 C/D dá e sobra.

Além disso é cercado por países amigos.

Era o mais barato, será um versão modificada a ser entregue a partir de 2015.

O motor será o mesmo que é usado atualmente pelos F/A 18, o que facilita a logística além de custos

Custo: 3 bilhões de francos suíços, ou 3,6 bilhões de euros

cvn76
Visitante
Member
cvn76

Ups, erro meu

3 bilhões de francos suíços são 2,5 bilhões de euros!

antonio_nunesneto
Visitante
antonio_nunesneto

Um site de defesa postou declarações que supostamente seriam de um membro do governo suíço. ele diz que:

“Tres candidatos estaban en lista para esta licitación del ejército suizo: el Rafale del fabricante francés Dassault, el Eurofighter del consorcio europeo EADS/Cassidian y el Gripen del fabricante sueco Saab.

“El Gripen es mucho más ventajoso que las otras dos ofertas, no sólo por la adquisición sino también en lo que respecta a los costes de mantenimiento”,

reza el comunicado, que destaca que esta opción “permite adquirir un avión eficiente sin comprometer otros sectores del ejército ni su equipamiento indispensable”, sostiene el comunicado.

Fonte: http://www.aviacionargentina.net/foros/aviacion-militar-mundial.5/6291-suiza-opta-por-comprar-aviones-de-combate-gripen-del-sueco-saab.html

tiagobap
Visitante
tiagobap

Inveja… (pronto, não vou mais pro céu!)

antonio_nunesneto
Visitante
antonio_nunesneto

Achei muito interessante a última parte: “permite adquirir um avião eficiente (ou seja, não necessariamente o melhor) sem comprometer outros setores das forças armadas”

Decisão inteligente, não?

Marcos
Visitante
Member
Marcos

Uma das vantagens da oferta da Suécia, se não me engano a notícia era daqui do site, era a utilização dos espaço aéreo da Suécia pra os suiços treinarem.

Marcos
Visitante
Member
Marcos

Uma opção para o Banarnial é de quando a Suiça desativar esses Gripens, daqui uns trinta anos, nós efetivarmos uma proposta para a aquisição dos mesmos.

Banarnia, nação potência!!!!

Edgar
Admin
Member

Gostaria de pedir a qualquer visitante aqui do Blog que more em Brasília que imprima 2 vias dessa notícia e cole uma na porta do Ministério da Defesa e outra no Palácio do Planalto, ou, de preferência, na capa do diário pessoal da Exma. Sra. Vana.

Obrigado.

edcreek
Visitante
Member
edcreek

OLá,

Para a Suiça o Gripen ( o Jas-39 não a fantasia do NG ), é uma boa pedida como o pais é pequeno até mesmo para paises de nivel Europeu, boa noticia para SAAB.

O que me preocupa é onde vão parar os F5……….

Abraços,

Justin Case
Visitante
Member
Justin Case

Amigos,

Parabéns à SAAB por ter sido escolhida na Suíça.
Pelo que entendi das reportagens, a escolha foi feita para uma versão Gripen E/F.
Alguém conhece mais detalhes da configuração que foi ofertada para a Suíça?

Abraços,

Justin

asbueno
Visitante
Member
asbueno

Está tudo resolvido: Gripen E/F lá e F5 cá.

Nick
Visitante
Member
Nick

Parabéns aos Suiços. 🙂

Pelo que entendi é a versão NG, portanto a Suiça, vai ser o 1º país a ser equipado com esse caça.

O que me deixa um pouco(para não dizer muito) irritado, é que se o NG tivesse sido escolhido aqui em 2009, a EMBRAER teria participação na produção dos NG Suiços. Mas não aqui nada certo mesmo. É uma m$%#%!!!!!!!

[]’s

cvn76
Visitante
Member
cvn76

Só um detalhe:

Foi apenas anunciado o vencedor da disputa!

Ainda não foi assinado nenhum contrato……a decisão tem ainda que passar pelo congresso!

Marcos
Visitante
Member
Marcos

Não, não são os NG.
São os atuais, em linha de produção, tanto que os motores são os mesmos que equipam os F-18 suiços.

Marcos
Visitante
Member
Marcos

FX-3:

F-5 suiços x Mirage EAU

Ivan
Visitante
Member
Ivan
Marcos
Visitante
Member
Marcos

Olha… a Suiça comprou os Gripen… a Índia pode muito bem comprar o Eurofighter… e os EAU podem ficar com Rafale… assim a gente arremata os que eles desativarem: F-5, Mirage e os MIG-21 (indianos), podendo muito bem esses últimos serem usados como agressores em simulações de combate.

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Se todos os caças de 4ª geração (ou 4,5… ou 4,5+++… ou 4,5 plus) serão superados pelos caças de 5ª geração, o correto é comprar a aeronave de menor custo de aquisição e operação, economizando para outros sistemas de armas necessários.

Sds,
Ivan.

tplayer
Visitante
Member

Viva, agora teremos mais F-5 no mercado para a FAB comprar.

Invincible
Visitante
Member
Invincible

Obáááá!!! Mais F-5 chegando!!!

cvn76
Visitante
Member
cvn76

Interessante que quando os 3 candidatos enviaram os seus aviões para serem avaliados tecnicamente pelos suíços, o Gripen ficou em último lugar…..

Ou seja, nem sempre o “melhor” ganha; mas sim quem oferece o melhor pacote…..

Próximos capítulos:
O parlamento decide no ano que vêm.
Teoricamente mesmo que o parlamento diga “sim”, é possível em 2013 haver um plebiscito sobre a compra.

Nick
Visitante
Member
Nick

Segundo o site Air&Cosmos, é o NG:

http://www.air-cosmos.com/a-la-une/201111300177462/le-gripen-low-cost-retenu-en-suisse.html

Vai ser fácil saber : Motor RM12 : Gripen C/D
Motor F414 : Gripen E/F -> NG

[]’s

DrCockroach
Visitante
DrCockroach

Podem passar a regua que esta compra agora eh quase certa. A Suica acumulou enormes reservas (tal como o Brasil), viu a moeda se valorizar demasiadamente (tal como o Brasil), e rapidamente autorizou a conclusao do processo ateh p/ contra-balancar a valorizacao da moeda (nao como o Brasil….).

Pergunta: se o Brasil tivesse optado pelo NG (acho que ainda pode), estariamos agora como potenciais exportadores de partes do Gripen p/ a Suica?

[]s!

Nick
Visitante
Member
Nick

Caro Dr Barata,

Se tívessemos assinado em tempo o FX-2 com os Suecos, com certeza 🙁

O atraso no FX-2 já está significando negócios perdidos.

[]’s

Marcelo
Visitante
Member
Marcelo

para um país pequeno como a Suiça (menor que a própria Suécia) que é neutro e não participa de coalizões, acho que o Gripen foi uma escolha totalmente racional. Agora, penso também que deveriam ficar com o Gripen C/D, por usar os mesmos motores dos F-18, mas com o radar e IRST do NG (AESA).

Vader
Visitante
Active Member

MWAHAHAHAHAHA!!!! 🙂 MWAHAHAHAHAHA!!!! 🙂 MWAHAHAHAHAHA!!!! 🙂 MAIS UMA “VENDA CERTA” DO RAFALE PRO VINAGRE!!!! 🙂 AHAHAHAHAHAHAHA… Ai ai ai, eu me divirto tanto que até passo mal… Parabéns à Suíça por não se dobrar ao lobby da Dassault e comprar o que melhor se lhe afigurava, como um país pequeno e sem inimigos naturais ou problemas com vizinhos que é, e que não possui a menor intenção de participar de campanhas expedicionárias, mas apenas de se defender com ombridade, cuidando de suas Forças Armadas como um todo. Parabéns à SAAB por mais uma venda de seu excelente caça, que tem… Read more »

Baschera
Visitante
Member
Baschera

Edgar disse:
30 de novembro de 2011 às 14:34

Belo comentário…. pena que não moro em Brasília….. mas também, se morasse lá, já tinha sido preso…. rssss.

Miiiiiiiaaauuuu…… o rato que ruge 🙂

E fez-se a luz !! Os suíços fizeram a melhor escolha e estarão muito bem servidos… de que adianta ter Rafale ou EF-2000 e deixá-los no hangar devido aos seus proibitivos custos gerais.

Em tempos de vacas magras…. e melhor ter um voando do que dois no hangar.

Enquanto isto, em Banânia……

Sds.

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Deu a lógica, infelizmente p/ o meu Typhoon, bbbuuuááá!!!
Mas o legal dessa lógica, é que “Le Jaca” continua sem abiscoitar sua tão sonhada 1ª venda internacional.
Pelo menos isso continua valendo.

Edgar
Admin
Member

Pra piorar a situação do Gigante do Sul, se fizermos uma conta baseada numa lógica estúpida, rápida e infeliz, tirando a média entre as áreas da Suíça e de nossa Pátria Amada (206x) e unir isso à quantidade de aeronaves que a Suíça irá comprar (22), teríamos de comprar 4.537 aeronaves! =/

Edgar
Admin
Member

Brincadeiras à parte, creio que deveríamos dispor de, no mínimo, 200 aeronaves como essa, associado-se a isso o aumento na % do PIB para a FAB e o consequente incremento no número de horas de vôo de nossos pilotos.

Mundo ideal né. Que pena que votamos errado.

ricardo_recife
Visitante
Member
ricardo_recife

Caramba, eu quase caí para trás quando li. Estou eufórico com isto….. Nos últimos dias tivemos lendo que o Rafale já tinha levado esta. Tava no papo e um montão de bobagens do tipo. Foi mais uma venda certa para o brejo Parabéns a Suíça e a SAAB. Para os Rafilicos. K, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k, k,… Read more »

Corsario137
Visitante
Member
Corsario137

Parabéns a SAAB!

Sem dúvida a mais importante concorrência vencida até hoje por eles. Na Suíça, um país em que se fala francês, alemão e italiano, superar o “lobby cultural natural” e fechar com a Suécia, demonstra a seriedade e a capacidade do produto Gripen.

Como eu sempre digo e repito, o problema do Rafale é o meio do caminho, nem é o melhor nem é o mais barato.

Resta saber onde irão parar esses F-5…

Grifo
Visitante
Grifo

Senhores, mais uma venda internacional do Gripen. Parabéns a Suíça pela escolha.

Quem acreditou nas notas e “avaliações” colocadas pela Dassault na imprensa mais uma vez se deu mal. Para quem no entanto entendeu as condições colocadas na RFP e o momento político da Suíca, o anúncio não foi uma surpresa.

Pelo que entendi a oferta da SAAB foi do Gripen C/D, obedecendo à exigência da RFP de que somente produtos em operação poderiam ser oferecidos. Mas ao que eu saiba a intenção da SAAB é durante a negociação do contrato convencer a Suíca de que o NG é a melhor opção.

Antonio M
Visitante
Member
Antonio M

e com o dinheiro que “sobrou”, podem efetuar um modernização dos F18.

Nautilus
Visitante
Nautilus

A Saab ofereceu tanto os Gripen C/D como o E/F (NG). Foram duas propostas. A Suíça decidiu-se pelo E/F.

trackback

[…] por aquisição de armamentos) um com data de publicação 30 de novembro de 2011 – a mesma do anúncio da escolha do Gripen – e outro com a data de 9 de dezembro do mesmo ano, trazem uma série de pontos em que se […]