Amorim diz que compra de caças depende de efeitos da crise

    109
    16

    Daniela Fernandes
    De Paris para a BBC Brasil

    A compra de 36 aviões de caça para renovar a frota da Força Aérea Brasileira (FAB) dependerá da evolução da crise financeira mundial, afirmou nesta terça-feira em Paris o ministro da Defesa, Celso Amorim, que preferiu não garantir se a decisão será tomada em 2012.

    “Neste momento, a consideração fundamental é de ordem financeira e econômica. Não sabemos quais serão as consequências da crise financeira mundial sobre o Brasil”, disse Amorim, em uma coletiva no ministério francês da Defesa.

    “Devemos ser prudentes, sem esquecer que nossas necessidades na área de Defesa exigem uma decisão que não pode ser adiada indefinidamente.”
    Sem querer confirmar quando será anunciada a decisão sobre a compra, prevista para 2012 após o adiamento do projeto, Amorim reconheceu que “há urgência” em relação ao assunto.

    “A vida útil dos Mirages está se esgotando. A manutenção vai custar caro a partir de 2013. Mas a urgência não é o único fator determinante. As possibilidades materiais também contam e é preciso balancear as duas coisas.”

    Além do Rafale francês, o americano F-18 Super Hornet, da Boeing, e o sueco Gripen, da Saab, também disputam a licitação brasileira para a compra dos caças.

    Parceria

    A pressão do governo francês para tentar vender seus aviões Rafale ao Brasil é enorme. Até hoje, a França não conseguiu exportar o modelo e conta com o Brasil para realizar sua primeira venda internacional.
    Por este motivo, o projeto de compra de caças para a FAB, chamado de FX-3, deverá dominar as discussões entre Amorim e autoridades francesas. O valor do projeto está estimado em cerca de US$ 6 bilhões (cerca de R$ 10,6 bilhões).

    Nesta terça-feira, após encontro com o ministro da Defesa francês, Gérard Longuet, Amorim se reúne com o chanceler Alain Juppé. Ele também será recebido na quarta-feira pelo presidente Nicolas Sarkozy.

    O Brasil concluiu em 2009 uma “parceria estratégica” na área militar com a França que prevê a compra de helicópteros, que já começaram a ser fabricados no Brasil, e quatro submarinos convencionais Scorpène, com transferência de tecnologia, além do casco de um submarino com propulsão nuclear.

    Segundo Amorim, que visitará na quarta-feira o estaleiro na Normandia onde estão sendo construídas partes do Scorpène, sua visita à França tem o objetivo de fazer um apanhado dos contratos em andamento.

    Shalit

    Amorim também comentou a liberação do soldado israelense Gilad Shalit nesta terça-feira e afirmou que isso representa um “passo importante” nas discussões entre israelenses e palestinos.

    O ministro lembrou a posição favorável do Brasil ao reconhecimento de um Estado palestino e disse que a liberação “é um bom presságio” para o futuro das negociações.

    “Em uma região como essa, qualquer passo é importante”, disse Amorim.
    Ele não quis, no entanto, comentar a eventual ida para o Brasil do palestino Tawfic Abdallah, marido da brasileira Lamia Maruf, que será libertado em troca de Shalit.

    FONTE: BBC / FOTO: AFP

    NOTA DO EDITOR: Pelo texto, o F-X2 morreu e deu lugar ao F-X3.

    Subscribe
    Notify of
    guest
    16 Comentários
    oldest
    newest most voted
    Inline Feedbacks
    View all comments
    carlosserrat
    carlosserrat
    8 anos atrás

    A novela FX-2 já ultrapassou em muito o dramalhão mexicano ” o Direito de Nascer”. Os argumentos governamentais são de chorar. São do tipo ” o dia em que eu ganhar na mega sena ,aí sim ,serei feliz e realizarei todos os meus sonhos”. Enquanto ,isso, dinheiro para ONG fajutas, falcatruas, mensalão e termos aditivos milionários para obras jorram em profusão. Fiscalização e auditorias para que?
    Haja vista que o ministro Amorim está na França é bom lembrá-lo de uma frase do então presidente da República Francesa, Valéry Giscard d’Estaing (1974-1981) : “Ninguém pode viver indefidamente uma situação Iindefinida”.

    Antonio M
    Antonio M
    8 anos atrás

    “…Por este motivo, o projeto de compra de caças para a FAB, chamado de FX-3…”

    Já oficialemente FX3 ?!?!?!? rsrssrr!!!

    Muita enrolação. Deveriam deixar a FAB mostrar abertamente sua escolha e ratificar. E só ….

    Isso de dinheiro, crise é balela ….

    Observador
    Observador
    8 anos atrás

    Ué…

    Já virou FX-3?

    Bom, logo se vê que é um diplomata. De forma educada, disse que que não vai haver compra nenhuma.

    Pelo menos ele tem consciência da situação dos F-2000 e que a operação destes será antieconômica a partir de 2013.

    E, mesmo que houvesse definição do FX-2, não haveria tempo hábil para fabricar e entregar os novos aviões até 2013 para substituir os Mirages.

    Ou seja: vem novo caça tampão por aí. Esperem só 2012

    Particularmente, torço pelo Gripen. Pelo menos a FAB poderá arcar com a hora-voo.

    DrCockroach
    DrCockroach
    8 anos atrás

    A resposta “falta de $$$” jah estava pronta. E o CA continua dizendo que eh urgente a solucao do FX-2. Talvez um tampao/transicao? A decisao tb jah deve estar tomada, mas apenas p/ garantir/incomodar o pessoal da Suecia deveria se encontrar com a Dilma e, antes, dar uma entrevista coletiva, anunciando aos 4 ventos, que a proposta tem 8 anos de carencia, + 15 p/ pagto… Quero ver, entao, falarem de falta de $$$ ou previsao orcamentaria. A resposta teria que ser definitiva, sim ou nao, ao inves da bela colocacao do colega carlosserrat acima : indefinidamente indefinido… []s! P.S.:… Read more »

    edcreek
    edcreek
    8 anos atrás

    OLá,

    Todos sabemos que a compra é a prazo e com financiamento do vençedor, essa conversa enche o saco… Já temos o FX-3 oficial, levamos 6 para o FX-1 e mais 8 para o FX-2 pela media em 2021 teremos a solução do FX-3 que será……………………………………….FX-4…

    Dinheiro só para o roubo generalizado em todos os ministerios, turismo, transporte, defesa etc, etc e etc….

    Abraços,

    Storm Rider
    Storm Rider
    8 anos atrás

    Ou foi o bebado que criou espectativas, ou foi a gorda que nos jogou um balde de agua fria. De qualquer maneira a _______toda veio do PT e de quem os colocou ali! E agora pra tirar essa varzea de la, como é que faz?

    EDITADO

    Nick
    Nick
    8 anos atrás

    O PAMA + Embraer já devem ter expertise suficiente para “reconstruírem” os F-5EM com mais um programa de modernização. 🙁

    Desculpa de CRISE não cola mais Sr Ministro. Inventa outra.

    []’s

    Observador
    Observador
    8 anos atrás

    Caro Storm Rider: Foi o bêbado que criou expectativas, para eleger a afilhada. A única coisa que fez nos oito anos de mandato foi posar de estadista, colhendo louros por uma situação externa muitíssimo favorável ao Brasil. Acima de tudo, foi um covarde, não fazendo as reformas que o país tanto necessita, preferindo, ao invés, se aliar a escumalha política, abraçando os facínoras da pior espécie, que há décadas fazem de tudo para manter o país no atraso, sempre para o benefício próprio. Não preciso dar o nome dos canalhas. Todos sabemos bem quem são. O Lula preferiu não se… Read more »

    eraldocalheiros
    eraldocalheiros
    8 anos atrás

    Quer ver como compram rapidinho: Basta um desses tenente que num liga muito pro azar, sacudir um trem desse la de cima pra baixo deixando-o so no bagaço, ai será uma correria pra abafar as causas da queda comprando pelo menos uma duzia de vetor novo.Será que tem nego com coragen pra isso.rsrrsrsrsrsrsrs.

    Vader
    8 anos atrás

    E por aí a canalha antiamericana já estava “babando” pelas “partes pudendas” já…

    MWAHAHAHAHAHAHAHA… 🙂
    Ahahahahahahahahaha… 🙂
    MWAHAHAHAHAHAHAHA… 🙂
    Ahahahahahahahahaha… 🙂
    MWAHAHAHAHAHAHAHA… 🙂

    Ai ai ai, eu me divirto, rsrsrsrs…

    Marcos
    Marcos
    8 anos atrás

    Bem já que vamos de FX-3, que tal colocarmos ai os caças de 5ª Geração?
    Todos sabemos que, viram mais alguns anos de enrolação mas, até lá, ao menos teremos caças “Modernos”, em vez dos 4ª e 4.5.

    Sds

    Marcos
    Marcos
    8 anos atrás

    Errei a onde se le “viram” leia-se virão.

    Mauricio R.
    Mauricio R.
    8 anos atrás

    Nick,

    A FAB em se tratando de F-5, não precisa e nunca precisou da Embraer, p/ nada.

    Vader
    8 anos atrás

    Com a vênia dos Editores, gostaria de deixar registrado que postei no “Blog do Vader” um link bacana da matéria:

    http://vaderbrasil.blogspot.com/2011/10/celso-amorim-lanca-o-fx3.html

    Guilherme Poggio
    Editor
    8 anos atrás

    Esse negócio de F-X3 fica por conta da BBC. No original da Agência Brasil não tem nada disso.

    http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2011-10-18/amorim-diz-que-compra-dos-36-cacas-depende-dos-impactos-da-crise-economica-mundial

    Grifo
    Grifo
    8 anos atrás

    Senhores, hoje o Senado aprovou o projeto de distribuição dos royalties do petróleo, que agora segue volta para a Câmara.

    No acordo para a votação, o artigo que vinculava um percentual dos royalties para a Defesa foi retirado do projeto.

    É isso aí. E ainda tem quem defenda comprar o concorrente mais caro (e pior avaliado).