Home Sistemas de Armas Gripen começa a usar o Link 16 nas operações sobre a Líbia

Gripen começa a usar o Link 16 nas operações sobre a Líbia

329
3

Primeiro voo de caças Gripen equipados com o padrão Link 16 da OTAN, em operações sobre a Líbia, deu-se na última segunda-feira

Na terça-feira, 1º de junho, as Forças Armadas da Suécia divulgaram informe sobre o primeiro voo operacional de caças Gripen, desdobrados na Sicília para missões sobre a Líbia, equipados com o sistema de enlace de dados Link 16, padrão OTAN. Segundo o informe, esse primeiro voo com o sistema foi realizado na tarde da segunda-feira, 31 de maio.

Conforme nota divulgada anteriormente (veja Nota do Editor do primeiro link da lista ao final desta matéria), o sistema já havia feito sua estreia na aeronave, em um exercício realizado com a Noruega e Finlândia. Mas o voo de segunda-feira passada foi a estreia em missões reais, em apoio à manutenção da Zona de Exclusão Aérea sobre a Líbia.

Através do Link 16, todas as aeronaves da coalizão liderada pela OTAN podem acessar os mesmos dados, compartilhando a consciência situacional. Os dados criptografados são trocados entre aviões de combate, helicópteros e navios equipados com o sistema. Nas aeronaves, os dados compartilhados em tempo real e mostrados em telas digitais contribuem para aumentar a segurança e o controle das forças aliadas, minimizando riscos: no caso, o chamado risco “blue on blue”, como diz o comandante do destacamento sueco, Stephen Wilson.

O informe diz que o  JAS 39 Gripen já estava preparado há mais de um ano para o Link 16, bastando apenas uma decisão da OTAN para que o mesmo fosse empregado nos caças nesta operação. A seção de ligação e comando e controle do FL 2001 (denominação do destacamento sueco) preparou-se adicionalmente com documentação, além da colaboração do contingente dinamarquês da operação, de modo a saber como empregar a criptografia no momento. 

Segundo Mikael Olsson, que há três anos treina  pilotos para emprego do sistema na TU JAS 39 em Linköping (Suécia),  “o Link 16 não é um pré-requisito para participação nesta operação da OTAN, mas ele torna as coisas mais fáceis para todos.”

O sistema é composto por três rádios, um para as comunicações em data link (enlace de dados), outro para comunicação verbal com o controle de tráfego aéreo da base ou com aeronaves AWACS, e o terceiro para uso nacional. Antes, haviam apans dois, um para voz e outro para dados. Em cada um dos caças Gripen utilizados nas operações sobre a Líbia, os engenheiros de voo instalaram um terminal MIDS – Multifunctional Information Distribution Service.  Nas fotos (uma delas mostrada refletida), o primeiro tenente engenheiro de voo Fredrik Andersson carrega as chaves criptográficas no terminal MIDS.

 Ainda segundo Olsson, “com tudo devidamente em seu lugar, o sistema é de operação relativamente simples. O grande desafio é conseguir o acesso à criptografia, que todas as outras nações utilizam. É um trabalho bem complicado”.

O Link 16 foi introduzido nacionalmente nas Forças Armadas Suecas no início deste ano, e foi testado durante um exercício no norte da Suécia, em março. O prazo para utilizá-lo internacionalmente era de um ano, mas as coisas foram aceleradas.

Olsson finaliza acrescentando que, “devido à Suécia participar na operação, foram abertas as portas para o processo de decisão e de aprovações. Pela primeira vez nós participamos com um data link internacional, tal qual o resto da coalizão. É um marco para a história da Força Aérea e das Forças Armadas”.

VEJA TAMBÉM:

3
Deixe um comentário

avatar
3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors
G-LOCedcreekLuis Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Luis
Visitante
Luis

E dá–lhe Gripen!

Ps.: Na minha modesta opinião, o padrão da camuflagem dos uniformes da Suécia é o mais bonito de todas as FA do mundo, depois vem o da Alemanha. E o mais horroroso é o da Bélgica.

edcreek
Visitante
Member
edcreek

Olá,

Luis sem duvida é muito bonito, não conheço todos, mas posso dizer do que eu conheço é sem duvida top-two….

Abraços,

G-LOC
Visitante
G-LOC

Dizem que o datalink do Gripen é o melhor do mundo. Sem conectividade não adianta muito. Então tem que mudar e se adaptar.